Dakar Dakar 2018 Fotos Off-Road Rally

Segundo dia do Dakar nas Motos. Tem vitória de Barreda Bort após boa disputa com Van Beveren

O Espanhol Joan Barreda Bort conquistou a vitória na segunda especial feita em território peruano. Com largada e chegada em Pisco. Em uma bela disputa com o piloto Francês Adrien van Beveren durante as passagens de Tempo. O Espanhol começou na frente do Francês. Quintanilla, Svitko, Walkner, Metge, Caimi, Soultrait, Meo e Kevin Benavides estavam entre os 10 primeiros colocados.

No segundo Estágio Barreda Boat perde tempo e cai para o 5ºlugar, O piloto Francês assume a liderança com sua Yamaha com Quintanilla em 2º com a sua Husqvarna, Kevin Benavides, Franco Caimi e Barreda Boat. San Sunderland, Toby Price que não tinham começado muito bem reagiram nesse setor. Destaque para a bela participação dos pilotos Johnny Aubert e Jonathan Barragan da Gas Gas e de Oriol Mena da Hero que vinham muito bem nas 20 primeiras posições. O Eslovaco Svitko caiu muito e estava em 20ºlugar.

No 3ºSetor, Adrian van Beveren ver a sua diferença para Palbo Quintanilla cair para 5 segundos apenas. Barreda Boat reage com sua Honda e estava no 3ºlugar a apenas 15 segundos de diferença para o líder. Dois segundos depois vinha o Argentino Kevin Benavides (Também com uma Honda), 29 segundos atrás do líder, em 5ºlugar vinha o também Argentino Franco Caimi, Com uma Yamaha. A diferença entre os 7 primeiros colocados (Walkner e Metge vinham em 6º e 7º a 51 segundos do Van Beveren) Depois tivemos um vácuo de mais de um minuto para o Francês Xavier de Soultrait que vinha em 8ºlugar. 57 segundos depois vinha o Francês da KTM Anthone Meo. E fechando os 10 primeiros vinha o inglês Sam Sunderland com sua KTM.

Jonathan Barragen vinha em um belíssimo 12ºlugar. Atrás de Toby Price e a frente de Farres Guell da Himonisa Racing.

No 4ºEstágio Barrera Boat acabou desequilibrando a Especial a Favor dele. Tomando a liderança que estava nas mãos do francês Van Beveren e de cara colocou 1 minuto e 58 segundos de diferença para o piloto da Yamaha. Quintanilla vinha a 5 segundos do francês em 3ºlugar. Kevin Benavides vinha em 4º 14 segundos depois do piloto Chileno da Husqvarna e completando os 5 primeiros o vice-campeão do Dakar 2016 Matthias Walkner com a primeira KTM naquele momento.

Franco Caimi vinha em 6ºlugar. Depois completando os 10 primeiros colocados Michael Metge de Honda, Xavier de Soultrait de Yamaha, Toby Price de KTM e San Sunderland de KTM. O Substituto de Paulo Gonçalves, O Chileno Jose Ignacio Cornejo vinha em brilhante 12ºlugar. Outra boa surpresa desse estágio era o piloto Francês Johnny Aubert que vinha sempre entre os 15 primeiros colocados.

No 5ºSetor, Barreda Bort coloca 2 minutos de vantagem sobre Adrien Van Beveren, Que teria de segurar o segundo lugar que vinha sendo visado por Palbo Quintanilla que vinha a 14 segundos atrás do Francês. 2 segundos depois vinha o Austríaco Matthias Walkner que foi subindo aos poucos e vinha disputando até a possibilidade do 2ºlugar no Estágio. Franco Caimi fechava os 5 primeiros colocados sendo o melhor dos Argentinos.

Kevin Benavides acabou caindo para o 9ºlugar, Um estágio nada feliz para o piloto da Honda que ficava para trás de Michael Metge, Xavier de Soultrait e de Toby Price. San Sunderland completava os 10 primeiros colocados. Logo após o campeão de 2017 vinha de forma brilhante o piloto Jonathan Barragen da Gas Gas, Em 11ºlugar a 7 minutos e 4 segundos de diferença para o líder.

No final acabou a vitória ficando do Barreda Boat com quase 3 minutos de diferença para o Francês Adrien Van Beveren da Yamaha. O piloto da Honda chegou a uma média superior a 101 km/h. O pódio da Especial ficou com o Austríaco Matthias Walkner que foi subindo aos poucos e acabou levando o 3ºlugar, que ficou praticamente o tempo todo com o Chileno Palbo Quintanilla. (Que acabou caindo no final, Ficando em 6ºlugar)

O Francês Michael Metge ficou em 4ºlugar a 15 segundos de Walkner. Ele vai ter de levar o nome da família sozinho, Já que o seu irmão Adrien Metge da Sherco TVS sofreu um acidente que o fez abandonar a prova. Kevin Benavides com a Honda fechou bem o último setor e acabou fechando em 5ºlugar, Sendo o melhor Argentino do dia. Palbo Quintanilla colocou a Husqvarna em uma respeitável 6ªposição, A frente de San Sunderland com a KTM que em momento nenhum disputou a vitória. O Inglês terminou em 7ºlugar a 6 minutos do vencedor.

O Francês Xavier de Soultrait com a Yamaha fez uma especial consistente e chegou em 8ºlugar. Franco Caimi acabou perdendo terreno no final ficando em 9ºlugar e Toby Price com a KTM completou os 10 primeiros colocados.

Jonathan Barragan em uma estupenda corrida levou a Gas Gas que esta em seu segundo dia no Dakar 2018. Já colocando 2 motos entre os 10 primeiros lugares. Sendo que o piloto Espanhol ficou em 11ºlugar a 3 segundos de Toby Price. Ricky Brabec em impressionante recuperação no final acabou em 12ºlugar a 7 minutos e 19 segundos do vencedor.

Jose Ignacio Cornejo fez um belo trabalho na especial com a Honda, ficando em 14ºlugar. Farres Guell, 3ºlugar em 2017 acabou em uma decente 15ªposição, logo a seguir terminou o boliviano Daniel Nosiglia Jager com sua KTM. Johnny Aubert levou a segunda Gas Gas entre os top 20 (Chegou a andar em 10ºlugar no segundo Setor)

Luciano Benavides, Irmão de Kevin Benavides mostra que o DNA da família é compatível com o desafios do Dakar. Terminando em 19ºlugar o piloto Argentino que corre com uma KTM. Atrás de Stefan Svitko que tomou 1 minuto de penalização após a especial. Completando os Top 20 ficou o piloto Italiano Alessandro Botturi com sua Yamaha a 20 minutos e 10 segundos do vencedor.

Resultado final do dia 2 do Dakar 2018
Pisco a Pisco – 279 Km/h

pos piloto Moto Tempo
1 5 Joan Barreda Bort Honda 02H 56′ 44”
2 4 Adrien van Beveren Yamaha + 00H 02′ 54”
3 2 Matthias Walkner KTM + 00H 04′ 24”
4 14 Michael Metge Honda + 00H 04′ 39”
5 47 Kevin Benavides Honda + 00H 05′ 43”
6 10 Pablo Quintanilla Husqvarna + 00H 05′ 45”
7 1 Sam Sunderland KTM + 00H 06′ 01”
8 23 Xavier de Soultrait Yamaha + 00H 06′ 12”
9 7 Franco Caimi Yamaha + 00H 06′ 36”
10 8 Toby Price KTM + 00H 06′ 40”
11 60 Jonathan Barragan Nevado Gas Gas + 00H 06′ 43”
12 20 Ricky Brabec Honda + 00H 07′ 19”
13 19 Antonie Meo KTM + 00H 08′ 43”
14 68  Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda + 00H 09′ 32”
15 3 Gerard Farres Guell KTM + 00H 10′ 53”
16 33 Daniel Nosiglia Jager KTM + 00H 12′ 01”
17 40 Johnny Aubert Gas Gas + 00H 13′ 56”
18 9 Stefan Svitko KTM + 00H 14′ 36”
19 77 Luciano Benavides KTM + 00H 15′ 31”
20 18 Alessandro Botturi Yamaha + 00H 20′ 10”
21 22 Ondrej Klymciw Husqvarna + 00H 20′ 37”
22 44 Rodney Faggotter Yamaha + 00H 20′ 45”
23 12 Juan Pedrero Garcia Sherco + 00H 20′ 58”
24 15 Laia Sanz KTM + 00H 21′ 13”
25 54 Andrew Short Husqvarna + 00H 21′ 31”
26 17 Armand Monleon KTM + 00H 22′ 12”
27 61 Oriol Mena Hero + 00H 24′ 55”
28 55 Walter Nosiglia Jager Husqvarna + 00H 25′ 19”
29 49 Santosh Chunchunguppe Shivashankar Hero + 00H 26′ 07”
30 27 Diego Martin Duplessis Honda + 00H 26′ 37”
31 76 Mohammed Balooshi KTM + 00H 27′ 26”
32 31 Cristian Espana Munoz Gas Gas + 00H 28′ 15”
33 91 Jan Brabec Yamaha + 00H 28′ 47”
34 58 Maciej Giemza KTM + 00H 30′ 57”
35 103 Shane Esposito KTM + 00H 34′ 14”
36 25 Ivan Cervantes Montero KTM + 00H 34′ 33”
37 28 Emanuel Gyenes KTM + 00H 34′ 34”
38 64 Mark Samuels Honda + 00H 34′ 38”
39 11 Juan Carlos Salvatierra KTM + 00H 35′ 24”
40 53 Aravind Prabhakar Sherco + 00H 36′ 12”

Classificação Geral

pos piloto Moto Tempo
1 5 Joan Barreda Bort Honda 03H 18′ 36”
2 4 Adrien van Beveren Yamaha + 00H 02′ 30”
3 2 Matthias Walkner KTM + 00H 04′ 50”
4 1 Sam Sunderland KTM + 00H 05′ 04”
5 10 Pablo Quintanilla Husqvarna + 00H 05′ 44”
6 23 Xavier de Soultrait Yamaha + 00H 06′ 22”
7 47 Kevin Benavides Honda + 00H 06′ 39”
8 7 Franco Caimi Yamaha + 00H 07′ 10”
9 14 Michael Metge Honda + 00H 07′ 33”
10 8 Toby Price KTM + 00H 09′ 04”
11 20 Ricky Brabec Honda + 00H 09′ 09”
12 60 Jonathan Barragan Nevado Gas Gas + 00H 09′ 31”
13 19 Antonie Meo KTM + 00H 09′ 35”
14 68  Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda + 00H 11′ 56”
15 33 Daniel Nosiglia Jager KTM + 00H 12′ 37”
16 3 Gerard Farres Guell KTM + 00H 13′ 27”
17 9 Stefan Svitko KTM + 00H 17′ 43”
18 77 Luciano Benavides KTM + 00H 18′ 02”
19 40 Johnny Aubert Gas Gas + 00H 19′ 15”
20 15 Laia Sanz KTM + 00H 23′ 32”
21 44 Rodney Faggotter Yamaha + 00H 24′ 24”
22 12 Juan Pedrero Garcia Sherco + 00H 24′ 32”
23 18 Alessandro Botturi Yamaha + 00H 24′ 51”
24 22 Ondrej Klymciw Husqvarna + 00H 25′ 04”
25 54 Andrew Short Husqvarna + 00H 25′ 25”
26 17 Armand Monleon KTM + 00H 25′ 52”
27 61 Oriol Mena Hero + 00H 28′ 12”
28 49 Santosh Chunchunguppe Shivashankar Hero + 00H 28′ 26”
29 31 Cristian Espana Munoz Gas Gas + 00H 31′ 13”
30 11 Juan Carlos Salvatierra KTM + 00H 39′ 45”
31 64 Mark Samuels Honda + 00H 39′ 47”
32 53 Aravind Prabhakar Sherco + 00H 40′ 30”
33 29 Daniel Olivera Carreras KTM + 00H 41′ 10”
34 52 Jacopo Cerutti KTM + 00H 41′ 50”
35 28 Emanuel Gyenes KTM + 00H 41′ 51”
36 76 Mohammed Balooshi KTM + 00H 42′ 25”
37 27 Diego Martin Duplessis Honda + 00H 42′ 54”
38 58 Maciej Giemza KTM + 00H 43′ 05”
39 37 Milan Engel KTM + 00H 46′ 13”
40 36 Patricio Cabrera Kawasaki + 00H 46′ 53”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar/Gas Gas

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.