Automobilismo Internacional Automobilismo Norte-americano Formula indy Fotos IndyCar 2017 Vídeos

Indycar em St.Louis teve manobra ousada e Polêmica Newgarden vence e fica cada vez mais perto do título

Grid de Largada:

Pos. Pilotos Equipe Chassi/Motor Tempo
1 Will Power Team Penske Dallara/Chevrolet 47.4579
2 Josef Newgarden Team Penske Dallara/Chevrolet 47.7921
3 Helio Castroneves Team Penske Dallara/Chevrolet 48.0109
4 Simon Pagenaud Team Penske Dallara/Chevrolet 48.1936
5 Ed Carpenter Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 48.7731
6 Takuma Sato Andretti Autosport Dallara/Honda 48.8637
7 Scott Dixon Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 48.9536
8 Carlos Munoz A. J. Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 49.0144
9 Alexander Rossi Andretti Herta Autosport Dallara/Honda 49.0254
10 James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 49.0389
11 Conor Daly A. J. Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 49.1043
12 Ed Jones Dale Coyne Racing Dallara/Honda 49.2073
13 Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing Dallara/Honda 49.2260
14 Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Dallara/Honda 49.3073
15 J.R. Hildebrand Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 49.3154
16 Max Chilton Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 49.3769
17 Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 49.3976
18 Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 49.4133
19 Sebastien Bourdais Dale Coyne Racing Dallara/Honda 49.4924
20 Marco Andretti Andretti Autosport Dallara/Honda 49.6713
21 Sebastian Saavedra Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 50.6471

Indycar na volta a Saint Louis Newgarden conquista na marra a vitória e abre boa vantagem para a reta final do campeonato.

De volta a Saint Louis a Formula Indy faria a sua última corrida em 2017 em circuito oval. Seria também a última corrida de Sebastian Saavedra na Schmidt já que o piloto Inglês Jack Harvey foi confirmado para as 2 etapas finais do campeonato. E também seria a última corrida para Ed Carpenter que só corre nos circuitos ovais.

Quem curte a Formula Indy teve a ótima notícia da volta do francês Sebastien Bourdais depois do gravíssimo acidente que ele teve nos treinamentos das 500 milhas de Indianapolis voltou ao cockpit do carro 18. A pole position ficou com o Will Power com Josef Newgarden, Hélio Castroneves e Simon Pagenaud completando o domínio completo da Penske que coloca os 4 pilotos nas 4 primeiras posições com Ed Carpenter na 5ªposição com Takuma Sato da Andretti em 6º fechando a terceira fila. Scott Dixon, Carlos Muñoz, Alexander Rossi e James Hinchcliffe completaram os 10 primeiros colocados.

Tony Kannan se não bastasse largasse em 17ºlugar acaba dando mais um vexame em bater na volta de apresentação. Típico de um piloto amador. O piloto Chip Ganassi esta em um ano horrível acabou conseguindo ir para os boxes para reparar o seu carro e voltando a 3 voltas do líder. A corrida já estava correndo com a bandeira amarela para limpar a pista.

Após a pista ficar limpa a bandeira verde foi acionada e Newgarden passa Power e assume a liderança, Já Power roda e bate e Carpenter e Sato acabam batendo também provocando uma nova bandeira amarela. Sato acaba indo para os boxes, Mas de lá não sai mais e acaba também abandonando. Foi uma enorme bandeira amarela e as rodadas de Kannan e Power era por causa da temperatura dos pneus, Mas não justifica uma rodada como as rodadas que eles deram. Para Kannan não faz diferença já que ele não esteve nunca na disputa do titulo, Mas para Power essa batida poderia custar a disputa pelo título.

A Bandeira verde só foi acidonada de novo na volta 19. A partir dai a corrida começou de verdade. Newgarden vinha na liderança com Castroneves e Pagenaud logo atrás e Dixon em 4ºlugar que incrivelmente era o único a acompanhar mesmo que um pouco de longe os pilotos da Penske. Já abrindo uma vantagem distante para eles vinha Carlos Muñoz que vinha segurando Ryan Hunter-Reay por algumas voltas já que o piloto da Andretti conseguiu a ultrapassagem passando ao 5ºlugar. Enquanto Muñoz perdia rendimento o outro piloto da A.J.Foyt Conor Daly ganha rendimento e já vinha para cima do Graham Rahal com Rossi, Hinchcliffe em 7º e 8ºlugares respectivamente.

Lá na frente Castroneves vinha tentando se aproximar do Newgarden em busca da liderança. Simon Pagenaud já ficava um pouco mais atrás dos dois primeiros colocados e já vinha Scott Dixon na sua cola disputando a terceira posição. Os primeiros retardatários chegaram na volta 40 e de cara Newgarden não conseguiu passar eles de cara o que fez Castroneves se aproximar deles, Mas o brasileiro não teve espaço para passar o norte-americano e com isso começou a ficar mais para o francês que se aproximou de um dos seus companheiro de equipe.

Carlos Muñoz com o seu desempenho bem aquém dos outros pilotos foi para os boxes na volta 55. Começava dai a primeira rodada de paradas nos boxes. O primeiro dos líderes a parar foi Ryan Hunter-Reay na volta 58. Na volta 59 parou o Norte-Americano Alexander Rossi da Andretti-Herta, O Brasileiro Hélio Castroneves parou na 60ªvolta. Pagenaud, Dixon e Newgarden pararam na 61 e na 62. Os últimos a fazerem as paradas foram Chilton, Bourdais e Saavedra. Após as paradas Newgarden, Castroneves, Pagenaud e Dixon permaneceram nas 4 primeiras posições. Alexander Rossi subiu para o 5ºlugar superando Ryan Hunter-Reay.

Newgarden acabou tendo dificuldades para passar Chilton e acabou sendo atacado por Castroneves nesse meio tempo. Depois de umas 4 voltas finalmente o líder do campeonato colocou uma volta no piloto Inglês. (Um dos pontos fracos desses Kits Aerodinâmicos dos motores que vai acabar no final da temporada de 2017. As ultrapassagens) Continuava o domínio dos carros da Penske com Dixon da Chip Ganassi sendo o único a acompanhar eles. Mais atrás Rossi e Hunter-Reay faziam uma corrida praticamente caseiro e Depois um grupo de Hinchcliffe, Rahal, Daly, Hildebrand e Muñoz disputando do 7ºlugar para baixo.

Na volta 100 Hildebrand enche o muro e pela terceira vez temos uma bandeira amarela. Com essa bandeira os pilotos foram para a suas paradas nos boxes. Nessa rodada Helinho passou a liderança com um trabalho mais eficiente da sua equipe do que de Newgarden e de Pagenaud. Dixon e Hinchcliffe completavam as 5 primeiras posições.

Na relargada na volta 113 Castroneves abre vantagem enquanto Pagenaud atacava Newgarden em um primeiro momento. Enquanto isso Bourdais se defendeu bem do ataque do Saavedra que se enrolou um pouco com isso. Hinchcliffe da Schmidt-Peterson vinha tentando chegar em Dixon para lutar pelo 4ºlugar e vinha levando com ele o Piloto da Andretti-Herta Alexander Rossi. Os outros pilotos da Ganassi tirando Dixon estava fora da disputa pela vitória: Kimball em 11º, Chilton em 13º e Kannan em 17º a 2 voltas dos líderes.

Na Metade da corrida Castroneves continuava líder com Newgarden, Pagenaud, Dixon, Hinchcliffe, Rossi, Rahal, Daly, Ryan Hunter-Reay, Kimball, Jones, Muñoz, Chilton, Saavedra, Bourdais, Andretti e Kannan que estavam na corrida.

Conor Daly vinha na pressão para cima do Graham Rahal brigando pelo 7ºlugar (O que é uma surpresa para uma equipe com a Foyt que não se dá bem em circuitos ovais) Sebastien Bourdais fazia uma volta a Indy discreta brigando sempre pelos últimos lugares.

Castroneves e Newgarden disparavam a poucas voltas de começar mais uma rodada de paradas nos boxes. Depois Pagenaud começava a ficar mais para Dixon e Hinchcliffe na disputa pelo 3ºlugar. O piloto Brasileiro abriu de Newgarden voltas depois 2.7 segundos e era ele mesmo que iria fazer a primeira parada dos líderes. A parada tudo certo, Mas o motor do seu carro morre e Helinho perde um tempo precioso. Newgarden, Pagenaud e Dixon fizeram as paradas na volta seguinte e todos eles voltaram a frente de Castroneves.

Hinchcliffe manteve o 5ºlugar com Rahal, Hunter-Reay, Rossi, Kimball e Muñoz nos 10 primeiros lugares.

Rahal segurava os ataques de Hunter-Reay em uma disputa pelo 6ºlugar na volta 166 quando Max Chilton deu uma batida no muro. Nessa bandeira amarela Marco Andretti que vive temporada bem difícil foi para os boxes para reparo nas peças dos seus carros. Já Tony Kannan acabou abandonando a corrida e o clima entre ele e a Ganassi piora a cada dia.

Na Volta 175 tivemos a relargada com Pagenaud atacando Newgarden que se defendeu bem dessa tentativa do piloto francês que acabou sendo atacado por Dixon que também não conseguiu a ultrapassagem. Na volta seguinte o Brasileiro Hélio Castroneves colocou por dentro na parte oposta do circuito e acabou reconquistando o 3ºlugar reformando o trifreta da Penske nas 3 primeiras posições. Mais atrás Daly tentou passar Kimball indo por dentro, Mas o piloto da Ganassi jogou bem duro e manteve na marra a posição pra cima do piloto da Foyt que reclamou da manobra (Para mim: Dura manobra. Mas dentro da regra)

Volta 183 novamente Pagenaud tenta uma manobra de ultrapassagem sobre Newgarden que se defende bem. De ultrapassagem aconteceu com Graham Rahal da equipe Rahal-Letterman passando Hinchcliffe ganhando o 5ºlugar para ele. Daly e Kimball vinham brigando pelo 10ºlugar e chegando em Muñoz para disputar o 9ºlugar. Na volta 203 o piloto da Ganassi passou Muñoz passando ao 9ºlugar. Segundos depois Hunter-Reay encosta no muro provocando assim uma nova bandeira amarela.

A 45 voltas do final já era hora da última troca de pneus e reabastecimento. Nessa disputa Pagenaud tomou a liderança com Newgarden, Dixon que ganhou o 3ºlugar nos boxes e Castroneves que foi novamente recuado para o 4ºlugar. Rossi passou para o 5ºlugar, Grahal Rahal que vinha no 6ºlugar foi penalizado e acabou indo para o final da fila deixando essa posição com Hinchcliffe. Daly e Kimball completavam as 8 primeiras posições.

Relargada na volta 213 a 35 voltas do final da prova Pagenaud é pressionado pelo Newgarden enquanto que Castroneves foi para cima do Dixon. A disputa da vitória estava entre os dois primeiros lugares. Tanto é que eles se distanciaram os resto do pelotão.

A 32 voltas o lance da corrida, Um polêmico lance e uma ultrapassagem de garra e na marra do jovem piloto Norte-Americano Josef Newgarden que deu um “Chega pra lá” Em cima do Pagenaud e assumiu a liderança. O Francês acabou perdendo rendimento e perdeu o segundo lugar para Dixon e por pouco não perdeu o 3ºlugar para Castroneves.

Na parte final de prova Dixon tentou buscar Newgarden enquanto que Pagenaud segurava o terceiro lugar e Castroneves segurava o 4ºlugar já que Conor Daly de forma surpreendente sendo um carro da Foyt vinha de olho nessa posição.

Na parte final da prova Newgarden manteve a diferença para Dixon e conquistou sua quarta vitória em 2017 e ficava mais perto do título em seu primeiro ano na Penske. Feito esse só repetido por Al Unser Jr. Em 1994.

Scott Dixon que tinha como perspectiva no máximo um 5ºlugar dado o enorme domínio da equipe Penske acabou contando com o Abandono do Power e passando Pagenaud e Castroneves acabou se colocando em 2ºlugar e continua a ser o único piloto a ameaçar o título da Penske no campeonato de 2017.

Simon Pagenaud fechou o pódio na terceira posição com Hélio Castroneves que acabou perdendo a chance de disputar a vitória com uma falha em uma das paradas ficou em 4ºlugar segurando essa posição do Conor Daly que foi crescendo no decorrer da prova e acabou obtendo seu melhor resultado no ano de 2017 com o 5ºlugar.

Alexander Rossi com a Andretti-Herta ficou em 6ºlugar e se consolida como o melhor piloto da Andretti em 2017. Charlie Kimball cresceu durante a prova. Principalmente na segunda metade de prova acabou em 7ºlugar com o carro da Chip Ganassi. Hinchcliffe, Muñoz e Sebastien Bourdais em sua volta na Formula Indy acabou em 10ºlugar com o carro da Dale Coyne.

A 3 corridas do final da temporada Newgarden se torna o grande favorito ao titulo de 2017 da Formula Indy, Mas faltavam mais de 150 pontos em jogo e 2 corridas pela frente: Walkins Glen e Sonoma.

Fotos da Corrida:

Vídeo da Corrida:

Resultado final do GP de St.Louis
15ªEtapa do Mundial de Formula Indy – 248 Voltas

Pos. Pilotos Equipe Chassi/Motor Voltas Tempo
1 Josef Newgarden Team Penske Dallara/Chevrolet 248 2h 13:22.0358
2 Scott Dixon Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 248 a 0.6850
3 Simon Pagenaud Team Penske Dallara/Chevrolet 248 a 0.9743
4 Helio Castroneves Team Penske Dallara/Chevrolet 248 a 1.5668
5 Conor Daly A. J. Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 248 a 1.7446
6 Alexander Rossi Andretti Herta Autosport Dallara/Honda 248 a 2.9101
7 Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 248 a 4.2365
8 James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 248 a 4.8498
9 Carlos Munoz A. J. Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 248 a 7.8832
10 Sebastien Bourdais Dale Coyne Racing Dallara/Honda 248 a 8.1831
11 Sebastian Saavedra Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 248 a 8.6604
12 Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing Dallara/Honda 248 a 8.8457
13 Ed Jones Dale Coyne Racing Dallara/Honda 248 a 12.3444
14 Marco Andretti Andretti Autosport Dallara/Honda 248 a 19.8702
15 Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Dallara/Honda 205 Acidente
16 Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 168 Mecânico
17 Max Chilton Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 164 Acidente
18 J.R. Hildebrand Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 100 Acidente
19 Takuma Sato Andretti Autosport Dallara/Honda 6 Acidente
20 Will Power Team Penske Dallara/Chevrolet 5 Acidente
21 Ed Carpenter Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 5 Acidente

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos e Vídeo: IndyCar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.