Coluna F1 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Opinião

Formula 1: Os novos caminhos da categoria através da Liberty Media.

Em 2017 começa uma nova era na categoria. O que eu reclamava da Formula 1. Que eu reclamei da transmissão se modernizar e da categoria como um show, um evento se modernizar esta finalmente acontecendo. Desde do começo da temporada vemos nas próprias transmissões da Formula 1 com novos gráficos que ainda não estão acertando nessas transmissões em sua integralidade, Mas a tentativa do novo é válida.

No GP da Austrália não tivemos esses gráficos. Eles falharam muito em Albert Park. Claro que com o passar das corridas esse sistema vem melhorando e até o final da temporada esses gráficos irão funcionar de maneira perfeita.

Já em relação as corridas elas alternam entre corridas muito boas e outras corridas sonolentas e sem qualquer emoção. As provas que aconteceram na China, Bahrein, Espanha e Canadá foram boas corridas. Já Austrália e Mônaco não foram tão movimentadas e Rússia foi a pior das corridas de 2017.

Já na parte comparativa dos tempos podemos ver que a proposta dos novos carros acabou dando resultado.  Apesar de mais lentos em reta o fato deles ser carros mais aerodinâmicos esta dando como resultado os tempos caindo muito. Com records sendo derrubados. Até mesmo os que já duravam mais de 10 anos atrás.

Tempo das Classificações e da Corrida em 2016 e 2017 (7 Primeiras corridas)

Qualificação 2016 Corrida 2016 Qualificação 2017 Corrida 2017
Austrália 1:23.837 1:48:15.565 1:22.188 1:24:11.672
China 1:35.402 1:38:53.891 1:31.678 1:37:36.158
Bahrein 1:29.493 1:33:34.696 1:28.769 1:33:53.374
Rússia 1:35.417 1:32:41.997 1:33.194 1:28:08.743
Espanha 1:22.000 1:41:40.017 1:19.149 1:35.56.497
Mônaco 1:13.622 1:59:29.133 1:12.178 1:44:44.340
Canadá 1:12.812 1:31:05.296 1:11.459 1:33:05.154

Ignoramos o tempo das corridas que são distorcidas devido as circunstâncias das provas:

Agora se comparar as classificação, você vai ver que em todos as Classificações os tempos melhoraram e caíram de 7 décimos até 3.7 segundos.

Qualificação 2016 Qualificação 2017 Comparação
Austrália 1:23.837 1:22.188 -1.649
China 1:35.402 1:31.678 -3.724
Bahrein 1:29.493 1:28.769 -724
Rússia 1:35.417 1:33.194 -2.223
Espanha 1:22.000 1:19.149 -2.851
Mônaco 1:13.622 1:12.178 -1.444
Canadá 1:12.812 1:11.459 -1.353

No meio de todos os aspectos da categoria sem dúvida é a parte humana que a categoria mudou completamente. No GP da Espanha vimos um menino francês chamado Thomas que chorava em ver seu ídolo Kimi Raikkonen bater e abandonar a corrida e em menos de 1 hora a organização chama ele para os paddocks para ver o seu ídolo. Raikkonen foi muito simpático, Longe daquela alma que se aparenta insensível e sem emoção como ele geralmente se apresenta. Esse momento vai ficar na história não só desse menino como vai ficar na história da categoria que parece ser movida a apenas negócios. É um ponto de esperança para agente ver mais seres humanos e menos homens dos negócios nas pistas.

Também retornar a corrida de barquinhos na Baia de Montreal que era feito nos 90 na semana passada é uma outra iniciativa louvável da categoria.

Ainda dá para melhorar muito e é isso que o Grupo Norte-americano comandado pelo Ross Brawn que foi o comandante da Ferrari e da Brawn tem planos de no futuro em redistribuir de maneira mais igualitária a cota de TV entre as equipes da Formula 1. Esta procurando chamar novas fabricantes de motores para o campeonato que só tem 4 fabricas de Motores (Honda, Mercedes, Ferrari e Renault).

Criou um canal da Formula 1 no Youtube que eu acho ótimo, Mas eu daria uma sugestão a eles. Eu acho que o próprio canal poderia colocar corridas completas da categoria. Uma ideia bem diferente da política reacionária e de negação da interação da Internet quando eles retiram os vídeos das corridas antigas do ar das redes sociais.

Com certeza a Formula 1 depois do processo de falência e de envelhecimento podemos dizer que finalmente se conscientizaram e estão dispostos a mudar e me parece que estão conseguindo. É um começo que esperamos que possa no futuro render grandes frutos a categoria com mais pilotos, mais equipes e com mais atratividade para esse campeonato que já esta com seus 67 anos de história e que isso dure e não acabe nunca essa loucura chamada Formula 1.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Ferrari/Mercedes/Mclaren/Renault
Vídeo: All live sport

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.