Portal Sportszone » 20 de Maio de 2017

Daily Archives: 20 de Maio de 2017

Automobilismo Internacional Automobilismo Norte-americano Formula indy Fotos IndyCar 2017

Pagenaud conquista vitória em Phoenix em domínio da Penske

Published by:

Grid de largada:

pos. Piloto Equipe Chassi/Motor Tempo
1 Helio Castroneves Team Penske Dallara/Chevrolet 37.7538
2 Will Power Team Penske Dallara/Chevrolet 37.9266
3 J.R. Hildebrand Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 37.9471
4 Josef Newgarden Team Penske Dallara/Chevrolet 37.9933
5 Simon Pagenaud Team Penske Dallara/Chevrolet 38.0449
6 Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 38.2178
7 Mikhail Aleshin Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 38.2599
8 Scott Dixon Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 38.3151
9 Marco Andretti Andretti Autosport Dallara/Honda 38.4478
10 Sebastien Bourdais Dale Coyne Racing Dallara/Honda 38.4554
11 James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 38.4866
12 Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Dallara/Honda 38.5663
13 Max Chilton Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 38.5725
14 Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 38.6136
15 Alexander Rossi Andretti Herta Dallara/Honda 38.6461
16 Ed Jones Dale Coyne Racing Dallara/Honda 38.7226
17 Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Dallara/Honda 38.7721
18 Takuma Sato Andretti Autosport Dallara/Honda 38.7736
19 Carlos Munoz AJ Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 38.8715
20 Conor Daly AJ Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 39.0291
21 Ed Carpenter Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 39.4849

Phoenix é o primeiro desafio em circuito oval da Temporada de 2017 da Formula Indy, Um oval curto e uma corrida que iria começar de dia e terminar com a noite. Seria a Estreia de Ed Carpenter na temporada 2017 substituindo a Spencer Pigot e a volta de J.R.Hildebrand que não pode correr em Alabama já que estava com sua mão em recuperação após um acidente em Long Beach.

Nos Treinos foi um domínio total da Penske com Hélio Castroneves conquistando a segunda pole position na temporada. Will Power larga em 2º, Josef Newgarden em 4º e Simon Pagenaud em 5º. No meio deles larga em 3ºlugar o piloto Norte-americano JR Hildebrand com o carro da Ed Carpenter.

Na largada tivemos uma enorme confusão envolvendo 5 pilotos. Quem começou essa confusão foi Mikhall Aleshin que acabou rodando na frente de Marco Andretti que também bateu. O líder do Campeonato Sebastien Bourdais, Max Chilton e Graham Rahal mais atrás provocando uma bandeira amarela bem longa logo no começo da prova. Chilton e Bourdais acabaram rodando e Rahal acabou sendo pego por trás a poucos metros de escapar ileso do acidente, Mas o filho de Bobby Rahal não teve sorte nessa e acabou sendo atingido e também caiu fora da corrida.

Hélio Castroneves manteve a liderança da prova com Newgarden em segundo. Felizmente nenhum dos pilotos envolvidos no acidente teve algum tipo de ferimento. O Acidente foi sem dúvida o pior acidente da Temporada 2017

Foram necessárias 22 voltas para se limpar toda a pista para a corrida recomeçar em Phoenix na volta 23 com o Brasileiro Hélio Castroneves na liderança com Josef Newgarden no ataque para cima do Brasileiro tentando por fora a ultrapassagem que acabou não tendo exito deixando Hélinho na liderança ainda. Logo atrás Power era pressionado pelo Francês Simon Pagenaud. Detalhe importante é que os 4 eram da equipe Penske. Hildebrand e Kannan completavam os 6 primeiros lugares.

Pagenaud buscava atacar Power buscando o 3ºlugar. Enquanto que Castroneves já vinha abrindo diferença para os seus companheiros de equipe da Penske nessa briga que parecia ser uma disputa particular do time de Roger Penske no primeiro circuito oval em 2017 da categoria norte-americana. Mais atrás Ed Carpenter que largou na última posições disputava o 11ºlugar com o norte-americano Ryan Hunter-Reay da Andretti Autosport que estava buscando atacar Kimball visando o 10ºlugar.

Castroneves abria quase 1 segundo de frente para Newgarden que estava a meio segundo de frente de Power que vinha a meio segundo de Pagenaud. Era uma dificuldade para ocorrer uma ultrapassagem no oval de Phoenix. Hildebrand e Kannan eram os únicos pilotos a andarem mais ou menos no Ritmo dos pilotos da Penske. Depois disso do Kannan para Dixon a diferença era de quase 2 segundos.

O Canadense James Hinchcliffe foi o primeiro a fazer a 1ªparada nos boxes para troca de pneus e reabastecimento na 69ªVolta. Enquanto que Conor Daly conseguiu passar Carpenter tocando quase roda com roda com o piloto da Ed Carpenter assumindo o 11ºlugar e Pagenaud passou Power assumindo o 3ºlugar. O Australiano da Equipe Penske passou a ser pressionado por Hildebrand que voltava depois de uma corrida em que ele se ausentou por causa de uma lesão na sua mão. Scott Dixon ao contraio da sua característica de poupar combustível fez sua parada na volta 73. Kannan e Hunter-Reay pararam na volta seguinte.

Hélio Castroneves foi para os boxes na volta 75 deixando a liderança ara Josef Newgarden. Power parou na volta 77 assim como Newgarden deixando Pagenaud liderar por uma volta até a sua parada nos boxes.

Após as paradas o Australiano Will Power voltou a liderança colocando 1 segundo de frente para Castroneves que perdeu a liderança da prova. Pagenaud, Newgarden e Hichcliffe completavam as 5 primeiras posições com 90 voltas de corrida já percorridas.

J.R.Hildebrand passou como quis Scott Dixon assumindo o 6ºlugar e a volta seguinte o piloto da Ed Carpenter passou Hinchcliffe assumindo novamente a 5ªposição em 2 ultrapassagens feitas em 2 voltas em um oval que não era muito fácil as ultrapassagens (Lembrando que o Push to Pass não é usado em circuitos ovais). Enquanto que Conor Daly da A.J.Foyt tinha problemas em seu carro nos boxes comprometendo sua prova que já não estava tudo isso com uma equipe que não é tudo isso em circuitos ovais.

Josef Newgarden tinha um problema na sua asa dianteira que foi danificada em algum toque que ele sofreu. Com 100 voltas completadas os 4 pilotos da Penske dominavam a corrida com Power na frente de Castroneves a meio segundo do brasileiro que sofria pressão do Francês Simon Pagenaud que vinha em 3ºlugar. Com os problemas na sua asa Newgarden vinha mais afastado em 4ºlugar e J.R.Hildebrand em 5ºlugar a menos de 1 segundo e meio do piloto da Penske.

Na volta 104 Hildebrand passou a lutar pelo 4ºlugar com o piloto Josef Newgarden que vivia uma dificuldade com a asa danificada dele. Hélio Castroneves continuava a sofrer pressão de Pagenaud apesar de andar perto e até em momentos buscou a liderança que estava nas mãos de Will Power.

Na volta 125 a liderança era de Power com Castroneves, Pagenaud, Hildebrand que passou Newgarden eram os 5 primeiros colocados com Dixon em 6º e Tony Kannan em 7ºlugar ambos da Chip Ganassi. Hinchcliffe na volta 125 foi o primeiro a fazer a segunda parada nos boxes. O Brasileiro Hélio Castroneves era pressionadíssimo por Pagenaud e por Hildebrand que tinha chegado nessa turma para lutar pelo 2ºlugar.

Dixn parou na volta 131 assim com Ryan Hunter-Reay, Começava a segunda rodada de paradas nos boxes. Newgarden parou na volta 132 e acabou atrapalhado sem intenção pelo piloto Norte-americano Alexander Rossi. Na volta seguinte o piloto da Andretti Herta acabou lambendo o muro e voltou aos boxes da onde ele não saiu mais, Problemas de suspensão davam um fim na prova de Rossi que fazia uma boa corrida em 8ºlugar.

Power, Castroneves e Hilderbrand foram para os boxes na volta 138, Ao mesmo tempo acabou o Japonês Takuma Sato batendo no muro provocando uma bandeira amarela em todo o circuito. Apenas Pagenaud não tinha parado nos boxes sendo o líder com 1 volta a frente dos demais, Isso deu uma enorme vantagem para o piloto da Penske.

Pagenaud parou nos boxes e voltou em primeiro com um boa vantagem de retardatários sobre Power, Casgroneves, Hilderbrand e Newgarden que eram os 5 únicos pilotos na volta do líder. Scott Dixon e Tony Kannan que estavam em 6º e 7ºlugares estavam uma volta atrás dos líderes. Newgarden aproveitou a bandeira amarela para trocar o bico dianteiro danificado.

Relargada na volta 149 enquanto Pagenaud disparava na liderança enquanto que seus adversários tentavam passar os retardatários da maneira mais rápida possível. Newgarden tentava o troco para cima de Hildebrand na luta pelo 4ºlugar. Mais atrás Hinchcliffe e Hunter-Reay disputavam o 8ºlugar. A diferença em 10 voltas de bandeira verde de Pagenaud para Power já estava em 5 segundos o que era praticamente uma vantagem muito grande para os demais numa pista tão curta e tão difícil de se passar como Phoenix.

Classificação a 70 voltas do final da prova era: Pagenaud, Power (-8.805), Castroneves (-8.923), Hildebrand (-9.414), Newgarden (-9.977), Dixon (a 1 Volta), Kannan (a 1 Volta), Hinchcliffe (a 1 Volta), Hunter-Reay (a 1 Volta), Carpenter (a 1 Volta).

Praticamente se nada acontecesse Pagenaud teria a corrida nas suas mãos com Power, Castroneves, Hildebrand e Newgarden disputando o segundo lugar e os pilotos da Ganassi (Dixon e Kannan) tentando recuperar a volta para tentarem voltar a disputa pela vitória. Visto que ambos eram os melhores pilotos com motores Honda.

Com a corrida chegando em sua parte final somente um acidente ou um problema nos boxes ou mecânico poderia tirar a vitória do campeão de 2016 da Formula Indy. Pagenaud tinha uma vantagem pra lá de sólida sobre os demais. quase 8 segundos para Power que sofria a pressão de Castroneves que estava a menos de meio segundo sobre o Australiano na volta 193. Já estava de noite no deserto do Arizona.

Logo começaria a terceira rodada de paradas nos boxes. Hunter-Reay parou na volta 196. Seria a última parada nos boxes de todos os pilotos. Dixon parou na volta 197. Dos líderes o primeiro a parar foi Josef Newgarden na volta 198. Kannan na 198 e Carpenter na volta 200 pararam pararam pela última vez na corrida.

Power parou na volta 204, Newgarden parou também na volta 204, Na Volta seguinte parou Hélio Castroneves. O último a parar nos boxes era Pagenaud na volta 206 voltando na liderança da prova com Power em segundo, Newgarden em 3º, Castroneves em 4º e Hildebrand em 5º.

A 28 Voltas do final um incidente acontece envolvendo um toque de Newgarden em Ryan Hunter-Reay que fez danificar a suspensão traseira do piloto da Andretti Autosport que abandonou a corrida e Newgarden foi para os boxes trocar o bico pela segunda vez voltando em 10ºlugar a 2 voltas dos lideres. Castroneves também foi prejudicado já que teve de desviar da confusão e com isso acabou vulnerável para uma ultrapassagem de J.R.Hildebrand que assumiu a terceira posição.

A briga que restava na prova era a disputa pelo segundo lugar entre Power e Hildebrand. Hélio Castroneves ficou muito para trás na reta final de corrida e Pagenaud estava muito na frente administrando a liderança que conquistou a partir da segunda bandeira amarela a 11 segundos de vantagem para Power que estava suportando de Hildebrand que chegou bem perto do piloto da Penske, Mas o norte-americano não obteve êxito para passar Power por esse circuito oval ser bem complicado de se conseguir uma ultrapassagem.

Pagenaud conquistou a primeira vitória na temporada  e assumiu a liderança do campeonato com uma vantagem enorme sobre Will Power que completou a dobradinha da Penske segurando a JR Hildebrand que fez sua melhor corrida na Formula Indy com um belo carro e um rendimento que conseguiu competir com os pilotos da Penske (O Único piloto que conseguiu fazer isso a prova inteira) completou o pódio em um belíssimo terceiro lugar.

Para a Penske a prova poderia ser melhor ainda já que Hélio Castroneves que liderou as primeiras 75 Voltas acabou não tendo boas paradas e ficou apenas em 4ºlugar. Josef Newgarden pelo problema do toque em Hunter-Reay acabou colocado em 9ºlugar. A Chip Ganassi pouco pode fazer com o Kit Aerodinâmico da Honda. Dixon em 5º e Kannan em 6º foram o melhor que eles puderam fazer.

Ed Carpenter fez uma boa corrida de recuperação largando do 21ºlugar e chegando em 7ºlugar. Kimball da Chip Ganassi em 8º, Newgarden da Penske em 9º e Muñoz com a A.J.Foyt em 10ºlugar completou os Top 10 em Phoenix.

Resultado final da 4ªEtapa do Mundial de Formula Indy
Phoenix – 250 Voltas

pos. Piloto Equipe Chassi/Motor Tempo Grid
1 Simon Pagenaud Team Penske Dallara/Chevrolet 1h 46:24.9473 5
2 Will Power Team Penske Dallara/Chevrolet 9.1028 2
3 J.R. Hildebrand Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 9.3417 3
4 Helio Castroneves Team Penske Dallara/Chevrolet 16.5864 1
5 Scott Dixon Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 1 Volta 8
6 Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 1 Volta 6
7 Ed Carpenter Ed Carpenter Racing Dallara/Chevrolet 2 Voltas 21
8 Charlie Kimball Chip Ganassi Racing Dallara/Honda 2 Voltas 14
9 Josef Newgarden Team Penske Dallara/Chevrolet 2 Voltas 4
10 Carlos Munoz AJ Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet 3 Voltas 19
11 Ed Jones Dale Coyne Racing Dallara/Honda 3 Voltas 16
12 James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda 4 Voltas 11
13 Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport Dallara/Honda a 30 Voltas 12
14 Conor Daly AJ Foyt Enterprises Dallara/Chevrolet a 70 Voltas 20
15 Alexander Rossi Andretti Herta Dallara/Honda a 109 Voltas – Acidente 15
16 Takuma Sato Andretti Autosport Dallara/Honda a 115 Voltas – Acidente 18
17 Mikhail Aleshin Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda a 250 Voltas – Acidente 7
18 Marco Andretti Andretti Autosport Dallara/Honda a 250 Voltas – Acidente 9
19 Sebastien Bourdais Dale Coyne Racing Dallara/Honda a 250 Voltas – Acidente 10
20 Max Chilton Chip Ganassi Racing Dallara/Honda a 250 Voltas – Acidente 13
21 Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Dallara/Honda a 250 Voltas – Acidente 17

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: IndyCar