A Agonia da Force India na Formula 1

Após 10 anos de muitas batalhas e conquistas, Parece que finalmente a equipe Indiana não consegue mais driblar os problemas financeiros. A pedido dos funcionários, O mexicano Sergio Perez na semana passada entrou com uma ação legal, apoiada pela Mercedes e pela patrocinadora, a BWT. Fazendo com que a equipe indiana entrasse em administração judicial.

Perez em suas redes sociais divulgou esse texto:

“Eu acabo em uma situação muito difícil”, disse Pérez. “O último mês foi extremamente difícil para mim, com a situação em que a equipe estava, e eu acabei no meio.”

“Chegamos a um ponto em que a ação tinha que ser tomada para proteger as 400 pessoas que trabalham na equipe.”

“Eu realmente não gostaria de estar envolvido nisso, porque no final do dia eu sou apenas um piloto, e alguns membros da equipe me pediram para ir em frente e salvar o time.”

“Houve uma petição de liquidação de outro cliente, que teria fechado completamente a equipe. Portanto, pediram que basicamente salvasse a equipe, para puxar o gatilho e colocar a equipe em administração judicial.”

“Não tem nada a ver com meus valores pendentes. A única razão pela qual fiz isso é para salvar a equipe e para o futuro melhor.”

“Foi extremamente difícil, emocional e mentalmente. É muito difícil. Não consegui me concentrar na minha direção.”

“Eu realmente não entendo todos os termos com os advogados, mas certamente ou fazemos isso ou a equipe teria falido.”

A ação legal de Pérez tirou o controle de qualquer possível venda da equipe de Mallya e da holding Orange India Holdings Sarl, e também impediu que a Force India fosse “liquidada”.

Pérez ainda não falou com Mallya sobre a situação, mas espera que “meu amigo receba um bom benefício” das próximas etapas do processo, à medida que a equipe busca nova propriedade.

“Pessoalmente, eu amo Vijay”, acrescentou Pérez. “Meu coração está realmente partido porque sei que isso não é ideal a curto prazo para ele.”

“Estamos todos conscientes da situação que Vijay está passando. Ele está passando por um momento muito difícil, não apenas legalmente, mas também financeiramente.”

“A equipe não era mais sustentável, então quando eu era basicamente um cara que poderia fazer algo pela equipe, eu tinha que fazer isso.”

“Não éramos mais uma equipe de corrida desde o início de janeiro. Ficarei feliz se conseguirmos reunir todo o grupo e, com sorte, ficarmos felizes e focados.”

“Espero ter uma equipe que seja mais estável e possa ir para o próximo nível e possa ser uma equipe de corrida [de novo].”

Ou seja, A Force India poderia estar hoje extinta caso Perez não tivesse entrado com uma ação legal. A equipe esta a venda e poderá ser adquirida pela Mercedes, ou Carlos Slim, ou BTW ou até mesmo pelo pai do piloto Lance Stroll.

 

Seria muito triste a Force India acabar. Não só deixando o grid com apenas 18 carros, mas seria também matar uma belíssima história de uma equipe que ano após ano vinha avançando na tabela de classificação do mundial de construtores. Desde de 2008 quando ficou em 10ºlugar até os anos de 2016 e 2017 quando a Equipe de Vijay Mallya ficou em 4ºlugar, Superando a Williams que até 2015 era a terceira força do campeonato.

A Formula 1 vai perder muito sem essa simpática equipe no circo da maior categoria do Automobilismo Mundial. equipe desde de 2008 até hoje teve o seu ponto alto a Pole position de Giancarlo Fisichella no GP da Bélgica de 2009. O mesmo acabou ficando em 2ºlugar no dia seguinte. Os outros 5 pódios em 3ºlugar ficou o Mexicano Sergio Perez que esta sem dúvida na história da equipe Indiana. Com os problemas financeiros e com a administração judicial no comando, será bem difícil que eles consigam manter o 4ºlugar no Mundial de Construtores.

O mais grave não seria isso, Mas sim o fato de algumas equipes não quererem que a Liberty média pague a Verba de TV (Que hoje seria em Torno de 60 milhões de Dólares) Isso pode dificultar uma venda da Force India. Caso não receba essa grana, Os prováveis 60 milhões serão redistribuídos para as outras equipes.

Isso mostra o total egoismo de outras equipes. Ao olharem o dinheiro a mais que entrara nos cofres em 2019 eles não se importam com o Grid menor e com um espetáculo pior. Esperamos que a Force India possa ser vendida, que se possa manter não só a equipe como os empregos, E que as outras equipes não olhem só para elas próprias e que olhem para o bem da Formula 1.

Desempenho das equipes

Ano Posição Pontos Melhor Resultado
2008 10ºLugar 0 10ºlugar (GP da Espanha) Giancarlo Fisichella
2009 9ºLugar 13 2ºLugar (GP da Bélgica) Giancarlo Fisichella
2010 7ºLugar 68 5ºLugar (Malásia e Bélgica) Adrian Sutil
2011 6ºLugar 69 6ºLugar (Alemanha, Cingapura e Brasil) 2 Vezes com Adrian Sutil e 1 com Paul di Resta
2012 7ºLugar 109 4ºlugar (Na Bélgica com Nico Hulkenberg e em Cingapura com Paul di Resta)
2013 6ºLugar 77 4ºLugar (Com Paul di Resta no Bahrein)
2014 6ºLugar 155 3ºLugar no GP do Bahrein com Sergio Perez
2015 5ºLugar 136 3ºLugar no GP da Rússia com Sergio Perez
2016 4ºLugar 173 3ºLugar com Sergio Perez em Mônaco e Azerbaijão
2017 4ºLugar 187 4ºLugar com Sergio Perez na Espanha
2018 6ºLugar 59 3ºlugar com Sergio Perez no Azerbaijão

Vídeo do lancamento do carro da Force India de 2008:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Force India

Rosberg fecha o campeonato com vitória em Abu Dhabi em uma exibição impecável numa corrida sonífera

Nico Rosberg fechou o ano com vitória e deu seu cartão de visitas para a Formula 1 de como ele vai ser em 2016, Em uma corrida impecável Nico venceu pela 6ªVez na temporada sendo a 3ªseguida, pela primeira vez Rosberg emplacou 3 vitórias seguidas na sua carreira.

Uma corrida em que foi um verdadeiro sonífero com poucas emoções com exceção da largada aonde Felipe Nasr acabou Tocando em Alonso de forma involuntária em consequência disso Alonso acabou se chocando de Forma mais forte com o Venezuelano Pastor Maldonado da Lotus que abandonou a corrida na primeira curva praticamente. Já Alonso com danos em seu carro acabou indo para os boxes e depois disso acabou punido com um Drive Through o que acabou com qualquer possibilidade que o piloto da Mclaren tinha na prova. Nico Hulkenberg pulou de 7ª para o 5ªlugar, Carlos Sainz pulou do 10º para o 8ºlugar. Mas a grande largada foi a de Vettel que de 15ª passou para o 12ªlugar.

EAU_Domingo2015 (1)

Alias as provas do piloto da Ferrari e de Romain Grosjean que saiu do 18ºlugar e partiu para a recuperação na prova. Por causa do altíssimo desgaste de pneus logo nas primeiras voltas os pilotos foram obrigados a irem para a primeira troca dos pneus, Acabou não sendo muito bom negócio para Valtteri Bottas que foi ordenado a sair dos boxes no momento errado e com isso ele se chocou na roda traseira de Jenson Button e com isso Bottas teve de voltar aos boxes na volta seguinte para colocar um novo bico no lugar do que foi danificado no incidente, Além disso Bottas teve um Acréscimo de 5 segundos em seu tempo que poderia ser cumprido em uma das paradas.

Sebastian Vettel, Romain Grosjean e Marcus Ericsson prolongaram a suas paradas nos boxes para buscarem uma melhora na classificação na prova. Logo após as paradas dos três a tática deu grandes resultados com o piloto da Ferrari que estava em 4ºlugar, Grosjean e Ericsson estavam de fora dos 10 primeiros colocados, Pouca coisa aconteceu nas voltas seguintes apenas a ameaça de Fernando Alonso que eu posso chutar aqui que ele esta fazendo sua última corrida na Formula 1 de que se não tivesse Safety car ele deixaria a corrida, Ao mesmo tempo que ele esta praticamente fora da prova, Dava para ver que ele não estava nem ai com o projeto da Mclaren, Seria a Hora da equipe Inglesa Dispensar essa figura egocêntrica da equipe e da categoria e Max Verstappen na 23ªVolta acabou fritando demais os pneus e teve de fazer uma parada antecipada nos boxes.

EAU_Domingo2015

Os pilotos foram para a segunda parada nos boxes por volta da 25ª até 35ªVolta e o quadro da corrida continuou a mesma com Rosberg na frente e Hamilton tentando se aproximar do piloto Alemão tentando a 11ªVitória na temporada, Mas Rosberg não deu qualquer chance para Hamilton e conquistou a 14ªVitória na carreira com Hamilton chegando a 8.2 segundos atrás de Rosberg e Fechando o Ano com 381 pontos contra os 322 pontos de Nico Rosberg e 278 de Sebastian Vettel. Kimi Raikkonen em uma corrida muito correta levou a Ferrari ao pódio com o 3ºlugar concluindo o campeonato com 150 pontos na quarta posição também ajudado pelo resultado pífio de Bottas no dia de hoje, Sebastian Vettel fez bela corrida de recuperação ficando em 4ºlugar após largar do 15ºlugar.

EAU_Domingo2015 (4)

Belíssima corrida de Sergio Perez que fechou seu ano em 5ºlugar seguido de perto por Daniel Ricciardo com a Red Bull que chegou a travar briga com Perez por essa posição, Mais atrás veio Nico Hulkenberg com a Force India, Felipe Massa salvando alguns pontos para a Williams que não foi nada bem em Abu Dhabi, Romain Grosjean que fez a última ultrapassagem da temporada (Sobre Kvyat na penúltima volta) ficando em 9ºlugar em sua última corrida pela Lotus e Daniil Kvyat fechou a zona de pontuação.

Logo a Seguir vieram Carlos Sainz jr. e Max Verstappen ambos da Toro Rosso, Depois vindo Jenson Button que manteve seu Mclaren-Honda na Frente de Valtteri Bottas que ficou em 14ºlugar e com o 5ºlugar no campeonato de pilotos. Marcus Ericsson e Felipe Nasr com a Sauber que andou mal em Yas Marina e nas últimas posições o Espanhol Fernando Alonso em sua pior temporada desde de 2001 quando correu pela Minardi, Will Stevens que ficou na frente de Roberto Mehri que encerrou a temporada pela Manor devido a compromissos de Alexander Rossi com a GP2 Series.

EAU_Domingo2015 (2)

E dessa maneira se encerra a Temporada de 2015 da Formula 1, Uma temporada que por tudo que aconteceu não vai ser uma temporada que vai deixar muitas saudades, Esperamos que em 2016 as coisas sejam melhores para o Esporte e que esse buraco que a categoria possa reencontrar o Caminho do sucesso.

Classificação após 55 Voltas
Piloto Número Equipe-Motor Chassis Voltas Tempo Grid de Largada Pontos
1. Nico Rosberg 6 Mercedes F1 W06 Hybrid 55 1:38:30.175 1 25
2. Lewis Hamilton 44 Mercedes F1 W06 Hybrid 55 a 8.271 2 18
3. Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF15-T 55 a 19.430 3 15
4. Sebastian Vettel 5 Ferrari SF15-T 55 a 43.735 15 12
5. Sergio Perez 11 Force India-Mercedes VJM08 55 a 1:03.952 4 10
6. Daniel Ricciardo 3 Red Bull-Renault RB11 55 a 1:05.010 5 8
7. Nico Hulkenberg 27 Force India-Mercedes VJM08 55 a 1:33.618 7 6
8. Felipe Massa 19 Williams-Mercedes FW37 55 a 1:37.751 8 4
9. Romain Grosjean 8 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 55 a 1:38.201 18 2
10. Daniil Kvyat 26 Red Bull-Renault RB11 55 a 1:42.371 9 1
11. Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso-Renault STR10 55 a 1:43.525 10
12. Max Verstappen 33 Toro Rosso-Renault STR10 54 a 1 Volta 11
13. Jenson Button 22 Mclaren-Honda MP4-30 54 a 1 Volta 12
14. Valtteri Bottas 77 Williams-Mercedes FW37 54 a 1 Volta 6
15. Marcus Ericsson 9 Sauber-Ferrari C34 54 a 1 Volta 17
16. Felipe Nasr 12 Sauber-Ferrari C34 54 a 1 Volta 14
17. Fernando Alonso 14 Mclaren-Honda MP4-30 53 a 2 Voltas 16
18. Will Stevens 28 Manor-Ferrari MR03 53 a 2 Voltas 19
19. Roberto Merhi 98 Manor-Ferrari MR03 52 a 3 Voltas 20
Pastor Maldonado 13 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 0 a 55 Voltas 13

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mclaren/Mercedes/Ferrari/Lotus/Force India

Em Abu Dhabi Nico Rosberg arrasa Hamilton e conquista 6ªPole em Sequência

Nico Rosberg tentando sua terceira vitória seguida marca a 6ªpole seguida na temporada de 2015, Com um impressionante tempo colocando quase 4 décimos em Lewis Hamilton que fecha 2015 sem conseguir a 50ªpole em sua carreira.

O treino foi dominado pelas Mercedes, Mas acabou revelando algumas surpresas, Algumas muito positivas com a Force India lutando de igual para igual com a Ferrari e superando a Williams e a Red Bull principalmente com o Mexicano Sergio Perez. A Outra é a Mclaren que pareceu superar algumas deficiências com um belíssimo desempenho na parte das curvas do Circuito. O que mostra que o problema da Mclaren é realmente motor e não o Chassi MP4-30 que é um dos melhores Chassis do ano.

Porém, um Furo de Pneu acabou fazendo Alonso não ter a chance de ir ao Q2, Mas a grande surpresa negativa do Treino foi Sebastian Vettel que acabou junto com a Ferrari cometendo um Erro de avaliação no Treino e acabou com o 16ºTempo o que tirou Vettel do Q2. Ericsson, Stevens e Merhi acabaram sendo os outros três Eliminados.

Vettel_fail_EAU15

Classificação do Q1:

1 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:40.974
2 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:41.111
3 11 Sergio Perez (Force India) 1:41.983
4 27 Nico Hulkenberg (Force India) 1:41.996
5 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing) 1:42.275
6 19 Felipe Massa (Williams) 1:42.303
7 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:42.500
8 26 Daniil Kvyat (Red Bull Racing) 1:42.540
9 22 Jenson Button (McLaren) 1:42.570
10 8 Romain Grosjean (Lotus) 1:42.585
11 77 Valtteri Bottas (Williams) 1:42.608
12 33 Max Verstappen (Toro Rosso) 1:42.889
13 12 Felipe Nasr (Sauber) 1:42.896
14 55 Carlos Sainz (Toro Rosso) 1:42.911
15  13 Pastor Maldonado (Lotus) 1:42.929
16 5 Sebastian Vettel (Ferrari) 1:42.941
17 14 Fernando Alonso (McLaren) 1:43.187
18 9 Marcus Ericsson (Sauber) 1:43.838
19 28 Will Stevens (Manor) 1:46.297
20 98 Roberto Merhi (Manor) 1:47.434

No Q2, houve o mesmo domínio da Mercedes com Hamilton mostrando que queria acabar com a festa de Rosberg, Foram eliminados os pilotos da Lotus com Romain Grosjean que teve problemas com seu motor e nem fez volta, Pastor Maldonado também caiu junto de Felipe Nasr, Jenson Button e Max Verstappen que vinha nas últimas corridas passando para a parte final do Treino. Com isso seu companheiro de equipe Carlos Sainz Jr. acabou passando para o Q3 junto dos pilotos da Mercedes, Kimi Raikkonen com a Ferrari, Williams, Force India e Red Bull. Essas equipes com exceção de Sainz fazem parte das 5 melhores equipes da Formula 1 de hoje.

Button_abu_dhabi

Classificação do Q2:

1 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:40.758
2 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:40.979
3 11 Sergio Perez (Force India) 1:41.560
4 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:41.612
5 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing) 1:41.830
6 77 Valtteri Bottas (Williams) 1:41.868
7 27 Nico Hulkenberg (Force India) 1:41.925
8 26 Daniil Kvyat (Red Bull Racing) 1:42.328
9 19 Felipe Massa (Williams) 1:42.349
10 55 Carlos Sainz (Toro Rosso) 1:42.482
11 33 Max Verstappen (Toro Rosso) 1:42.521
12 22 Jenson Button (McLaren) 1:42.668
13 13 Pastor Maldonado (Lotus) 1:42.807
14 12 Felipe Nasr (Sauber) 1:43.614
15 8 Romain Grosjean (Lotus) Sem Tempo

No Q3 mais uma vez tivemos a disputa entre Nico Rosberg e Lewis Hamilton pela pole position em Abu Dhabi. Dessa vez Hamilton conseguiu combater Rosberg, Na Volta final ele tomou a primeira posição de Nico Rosberg, Mas dai o piloto Alemão veio e com o tempo de 1:40.237 acabou detonando o tempo de Hamilton que ficou com 1:40.617 e com isso Rosberg levou a 7ªpole na temporada sendo a 6ªVez seguida.

Na Segunda Fila Vão largar o piloto Finlandês Kimi Raikkonen e o Mexicano Sergio Perez com a Force India que tem a expectativa de lutar pelo pódio nessa última corrida da temporada. Na Terceira Fila largam Daniel Ricciardo com a Red Bull e Valtteri Bottas com a Williams. Com o que esta se mostrando nesse grid A Ferrari, Force India, Red Bull e Williams tem possibilidades de lutarem pelo pódio.

Nico Hulkenberg com a Force India, Felipe Massa com a Williams, Danill Kvyat com a Red Bull e Carlos Sainz Jr. com a Toro Rosso completaram os 10 primeiros colocados.

Grid de Largada
Piloto Número Equipe-Motor Chassi Tempo Etapa
1. Nico Rosberg 6 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:40.237 Q3
2. Lewis Hamilton 44 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:40.617 Q3
3. Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF15-T 1:41.051 Q3
4. Sergio Perez 11 Force India-Mercedes VJM08 1:41.184 Q3
5. Daniel Ricciardo 3 Red Bull-Renault RB11 1:41.444 Q3
6. Valtteri Bottas 77 Williams-Mercedes FW37 1:41.656 Q3
7. Nico Hulkenberg 27 Force India-Mercedes VJM08 1:41.686 Q3
8. Felipe Massa 19 Williams-Mercedes FW37 1:41.759 Q3
9. Danill Kvyat 26 Red Bull-Renault RB11 1:41.933 Q3
10. Carlos Sainz 55 Toro Rosso-Ferrari STR10 1:42.708 Q3
11. Max Verstappen 33 Toro Rosso-Ferrari STR10 1:42.521 Q2
12. Jenson Button 22 Mclaren-Honda MP4-30 1:42.668 Q2
13. Pastor Maldonado 13 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 1:42.807 Q2
14. Felipe Nasr 12 Sauber-Ferrari C34 1:43.617 Q2
15. Romain Grosjean 8 Lotus-Mercedes E23 Hybrid Sem Tempo Q2
16. Sebastian Vettel 5 Ferrari SF15-T 1:42.941 Q1
17. Fernando Alonso 14 Mclaren-Honda MP4-30 1:43.187 Q1
18. Marcus Ericsson 9 Sauber-Ferrari C34 1:43.838 Q1
19. Will Stevens 28 Manor-Ferrari MR03 1:46.297 Q1
20. Roberto Merhi 98 Manor-Ferrari MR03 1:47.434 Q1

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mclaren/Mercedes/Ferrari

Rosberg conquista a 4ªpole em Seqüência na reestréia do México no cenário da Formula 1

Pela Quarta vez seguida Nico Rosberg conquistou a pole position, Na volta do México no Cenário da Formula 1 o piloto Alemão conseguiu superar o tricampeão do mundo seu companheiro de equipe Nico Rosberg na primeira volta do Q3 e contou com o erro de Hamilton para assegurar a pole.

No Q1 logo todos os pilotos foram para a pista devido a possibilidade da chuva vim logo no Q1, Mas ela não veio e dai os pilotos todos tiveram que usar logo os pneus macios com exceção de Lewis Hamilton que com os pneus duros conseguiu passar para o Q2 com facilidade. Jenson Button não treinou e vai largar em último lugar mesmo, Então ficaram 4 vagas para a eliminação no Q1, A Manor era certa que ficaria com essas duas vagas, Alonso mesmo com todo o seu esforço acabou também de fora do Q1, Restava uma vaga para a eliminação. Sobrou para Felipe Nasr que ficou de fora da segunda parte do treinamento.

MEX_sabado_15 (1)

Classificação no Q1:

1 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:20.436
2 5 Sebastian Vettel (Ferrari) 1:20.503
3 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:20.808
4 77 Valtteri Bottas (Williams) 1:20.817
5 26 Daniil Kvyat (Red Bull Racing) 1:20.826
6 55 Carlos Sainz (Toro Rosso) 1:20.960
7 11 Sergio Perez (Force India) 1:20.966
8 33 Max Verstappen (Toro Rosso) 1:20.995
9 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing) 1:21.166
10 9 Marcus Ericsson (Sauber) 1:21.299
11 27 Nico Hulkenberg (Force India) 1:21.315
12 19 Felipe Massa (Williams) 1:21.379
13 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:21.422
14 13 Pastor Maldonado (Lotus) 1:21.520
15 8 Romain Grosjean (Lotus) 1:21.577
16 14 Fernando Alonso (McLaren) 1:21.779
17 12 Felipe Nasr (Sauber) 1:21.788
18 53 Alexander Rossi (Marussia) 1:24.136
19 28 Will Stevens (Marussia) 1:24.386

No Q2 Vettel colocou sua Ferrari entre os dois carros da Mercedes com Hamilton em primeiro e Rosberg em 3º, O Melhor de tudo para o Campeão de 2015 é que ele tinha um jogo de pneus a mais novinho se tornando naquela altura o mais forte candidato a pole position. Kimi Raikkonen que já tinha que pagar a punição de 5 posições nos boxes e acabou tendo de encerrar o treino mais cedo ficando de fora do Q3, sendo o último dos 15 que participaram do Q2. Eliminados também foram Maldonado e Grosjean da Lotus, Ericsson com a Sauber e Carlos Sainz jr. que acabou tendo a classificação do seu companheiro Max Verstappen que colocou a Toro Rosso no Q3. Para a alegria da Torcida Mexicana Sergio Perez colocou seu carro no Q3. Felipe Massa arranjou sua vaga na última hora no Q3 conseguindo o 6ºtempo.

MEX_sabado_15 (2)Classificação no Q2:

1 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:19.829
2 5 Sebastian Vettel (Ferrari) 1:20.045
3 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:20.053
4 77 Valtteri Bottas (Williams) 1:20.458
5 26 Daniil Kvyat (Red Bull Racing) 1:20.490
6 19 Felipe Massa (Williams) 1:20.642
7 11 Sergio Perez (Force India) 1:20.669
8 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing) 1:20.783
9 33 Max Verstappen (Toro Rosso) 1:20.894
10 27 Nico Hulkenberg (Force India) 1:20.935
11 55 Carlos Sainz (Toro Rosso) 1:20.942
12 8 Romain Grosjean (Lotus) 1:21.038
13 13 Pastor Maldonado (Lotus) 1:21.261
14 9 Marcus Ericsson (Sauber) 1:21.544
15 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:22.494

No Q3 a briga foi mesmo entre Hamilton e Rosberg sendo que o Inglês tinha a vantagem deter um pneu a mais, Mas Rosberg estava disposto a lutar pela pole position e travou um duelo com Hamilton pelo primeiro lugar, Rosberg na primeira volta se saiu melhor com 1:19.480 contra 1:19.668 de Hamilton. Vettel e Kvyat não conseguiram chegar ao ponto de ameaçar as Mercedes.

Na Tentativa final a pista ficou pior para todo mundo e Hamilton acabou cometendo um erro e isso possibilitou a pole position de número 20 para Nico Rosberg em sua carreira, Para Hamilton o segundo lugar não o deixa feliz, Mas não preocupa para a corrida já que nas 4 últimas provas ele não saiu da pole mas conquistou a vitória. Esse é o menor dos problemas para o piloto Inglês que corre sossegado nessas 4 últimas provas do ano, A Segunda fila vão largar Sebastian Vettel com a Ferrari e Daniil Kvyat com a Red Bull, Apesar do Fraco motor a Red Bull mostra que no final dessa temporada o seu carro consegue cobrir deficiências do motor Renault, Tanto é que tanto Daniil como Daniel Ricciardo acabaram superando os dois carros da Williams. Ricciardo ficou em 5º, Bottas em 6º e Felipe Massa aparece em 7ºlugar.

Completam os 10 primeiros o piloto da Toro Rosso Max Verstappen em mais um grande treino, Sergio Perez piloto da casa e Nico Hulkenberg ambos com a Force India.

MEX_sabado_15 (3)

 

Grid de Largada
Piloto Número Equipe-Motor Chassi Tempo Etapa
1. Nico Rosberg 6 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:19.480 Q3
2. Lewis Hamilton 44 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:19.668 Q3
3. Sebastian Vettel 5 Ferrari SF15-T 1:19.850 Q3
4. Daniil Kvyat 26 Red Bull-Renault RB11 1:20.398 Q3
5. Daniel Ricciardo 3 Red Bull-Renault RB11 1:20.399 Q3
6. Valtteri Bottas 77 Williams-Mercedes FW37 1:20.448 Q3
7. Felipe Massa 19 Williams-Mercedes FW37 1:20.567 Q3
8. Max Verstappen 33 Toro Rosso-Renault STR10 1:20.710 Q3
9. Sergio Perez 11 Force India-Mercedes VJM08 1:20.716 Q3
10. Nico Hulkenberg 27 Force India-Mercedes VJM08 1:20.788 Q3
11. Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso-Renault STR10 1:20.942 Q2
12. Romain Grosjean 8 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 1:21.038 Q2
13. Pastor Maldonado 13 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 1:21.261 Q2
14. Marcus Ericsson 9 Sauber-Ferrari C34 1:21.544 Q2
15. Felipe Nasr 12 Sauber-Ferrari C34 1:21.788 Q3
16. Alexander Rossi 53 Manor-Ferrari MR03 1:24.136 Q3
17. Will Stevens 28 Manor-Ferrari MR03 1:24.386 Q3
18. Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF15-T 1:22.494 Q2
19. Fernando Alonso 14 Mclaren-Honda MP4-30 1:21.779 Q3
20. Jenson Button 22 Mclaren-Honda MP4-30 Sem Tempo Q3

* Raikkonen foi punido por trocar o câmbio com 5 posições no Grid de largada
* Alonso foi punido com 15 posições por trocar componentes do motor
* Button perdeu 50 posições por trocar os componentes do motor

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Manor/Lotus/Mercedes