Formula Indy 2015 – Etapa final em Sonoma – A Cartada final de Scott Dixon

Grid de Largada:

1 Will Power 1 (Dallara Chevrolet Team Penske) 112.589 Milhas
2 Josef Newgarden 67 (Dallara Chevrolet CFH Racing) 112.387 Milhas
3 Ryan Hunter-Reay 28 (Dallara Honda Andretti Autosport) 112.198 Milhas
4 Simon Pagenaud 22 (Dallara Chevrolet Team Penske) 111.989 Milhas
5 Juan Pablo Montoya 2 (Dallara Chevrolet Team Penske) 111.733 Milhas
6 Graham Rahal 15 (Dallara Honda Rahal) 111.251 Milhas
7 Charlie Kimball 83 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 111.991 Milhas
8 Marco Andretti 27 (Dallara Honda Andretti Autosport) 111.694 Milhas
9 Scott Dixon 9 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 111.553 Milhas
10 Sebastian Saavedra 8 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 111.276 Milhas
11 Tony Kanaan 10 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 111.088 Milhas
12 Carlos Muñoz 26 (Dallara Honda Andretti Autosport) 111.030 Milhas
13 Luca Filippi 20 (Dallara Chevrolet CFH Racing) 111.351 Milhas
14 Mikhail Aleshin 77 (Dallara Honda Schmidt) 110.947 Milhas
15 Hélio Castroneves 3 (Dallara Chevrolet Team Penske) 111.138 Milhas
16 Sébastien Bourdais 11 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) 110.886 Milhas
17 Ryan Briscoe 5 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) 110.803 Milhas
18 Takuma Sato 14 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) 110.702 Milhas
19 Oriol Servià 25 (Dallara Honda Andretti Autosport) 110.684 Milhas
20 Stefano Coletti 4 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) 110.318 Milhas
21 Gabby Chaves 98 (Dallara Honda Herta) 110.361 Milhas
22 James Jakes 7 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) 110.223 Milhas
23 Tristan Vautier 19 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) 110.094 Milhas
24 Rodolfo González 18 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) 109.534 Milhas
25 Jack Hawksworth 41 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) 108.627 Milhas

Em meio ao clima de luto Sonoma foi o palco da corrida final da Formula Indy em 2015 com 6 postulantes ao campeonato que tinha Montoya como líder do campeonato a 34 pontos na frente de Graham Rahal, Mas estavam na disputa com boas chances Scott Dixon e Will Power e com chances remotas o Brasileiro Hélio Castroneves e o Norte-americano Josef Newgarden. Oriol Servia correria no lugar de Justin Wilson que foi morto devido ao acidente de Pocono onde uma peça do carro de Sage Karam que acabou não correndo (Ainda bem, pois poderiam culpar ele pelo falecimento do piloto Britânico) em seu lugar entrou o colombiano Sebastian Saavedra, Já a Schmidt Peterson teria o reforço de Milhail Aleshin que voltava depois do acidente que ele teve no ano passado em Fontana.

S27audab o

Nos treinos a pole position ficou com Will Power que levou dois pontos para casa com Josef Newgarden que tinha remotíssimas chances de título completando a primeira fila com Power, Ryan Hunter-Reay e Simon Pagenaud na segunda fila, Juan Palbo Montoya o líder do campeonato larga 5ªposição com Graham Rahal largando do 6ºlugar, Scott Dixon que postulava o título larga em 9ºlugar e Hélio Castroneves larga em 15º.

Na Largada Power manteve a liderança com Newgarden e Hunter-Reay logo atrás e Montoya se dando bem e ultrapassando a Pagenaud assumindo a 4ªposição, Já Rahal perdeu posições na largada, Dixon subiu de 9º para o 5ºlugar.

Já no começo da 4ªVolta Hélio Castroneves vai para a primeira parada nos boxes, O piloto Brasileiro não foi o único a fazer essa opção, Outros pilotos como Sebastian Bourdais também pararam logo nas primeiras voltas com a esperança de uma bandeira amarela aparecer na prova o que eu acho isso nas primeiras voltas uma estupidez extrema. Power liderou as primeiras voltas de forma tranquila mesmo que Newgarden estivesse por perto, Já Dixon pressionava a Montoya para buscar o 4ºlugar. Na 10ªVolta Muñoz faz a sua primeira parada, pelo menos já era um pouco mais cabível a parada. Os 5 primeiros continuavam sendo Power – Newgarden – Hunter-Reay – Montoya – Dixon, O título continuava nas mãos de Montoya. Dos líderes o primeiro a parar foi Dixon na volta 13, Duas voltas depois pararam Will Power e Josef Newgarden que eram líder e vice-líder da prova, Newgarden na saída dos boxes foi prejudicado porque Simon Pagenaud acabou quase parado nos boxes prejudicando a saída de Newgarden, Mas de resto nada aconteceu e o piloto francês que foi a decepção do ano fez sua parada, ninguém foi punido nesse episódio.

Na Volta seguinte Montoya e Ryan Hunter-Reay foram para os boxes para a primeira parada deixando Kimball na liderança da corrida por uma volta e na 17ªVolta o terceiro piloto da Chip Ganassi foi para os boxes deixando Marco Andretti na liderança com Sebastian Saavedra em segundo lugar, Tony Kannan começou o seu show de ultrapassagens passando a Sebastian Bourdais no começo da curva 1 passando para a 9ªposição, Enquanto isso Sebastian Saavedra foi para cima de Andretti e acabou conseguindo a ultrapassagem assumindo a primeira posição no final da 20ªVolta. Oriol Servia com o carro 25 da Andretti foi para os boxes na 22ªVolta e na 23ªVolta Saavedra e Andretti foram os últimos a fazerem a primeira parada nos boxes. Após as paradas Power voltava a liderança com Newgarden em segundo e Dixon que subiu do 5º para o terceiro lugar com Hunter-Reay em 4º e Montoya em 5º.

Hélio Castroneves muito mal na corrida foi para os boxes para a segunda parada, assim como Bourdais que parou logo depois, Foram os pilotos que mais cedo pararam. Tony Kannan na 29ªVolta foram para a segunda parada, Na 33ªVolta Luca Filippi ficou lento e isso acionou a bandeira amarela em toda a pista por pura precaução e isso juntou todo mundo, Os Líderes resolveram ir para os boxes para fazerem a segunda parada entre eles os candidatos ao título Power, Newgarden, Montoya, Dixon e Rahal. Após as paradas Dixon se deu bem de novo com uma ótima parada ele acabou saindo na frente de todo mundo, A Líderança ficou com o piloto Sebastian Saavedra com Marco Andretti, Oriol Servia, Tony Kannan e Sebastian Bourdais nas 5 primeiras posições. Hélio Castroneves em 6º parecia voltar a corrida. O primeiro dos que pararam nos boxes era Dixon que estava em 13ºlugar com Power, Newgarden, Montoya e Rahal logo atrás.

Howxvwwn o

Na 39ªVolta na relargada Tony Kannan passou Servia assumindo a terceira posição, Segundo depois Juan Palbo Montoya acabou em uma tentativa de ultrapassagem mal sucedida passar a Will Power acaba tocando no seu companheiro de equipe que roda e danifica a sua asa dianteira, Nesse ponto o campeonato poderia estar dando uma mudada de Rumo, Uma nova bandeira amarela era acionada, Com esse incidente abria-se novas possibilidades para os candidatos ao título, Montoya e Power foram para os boxes por duas vezes na bandeira amarela ajeitarem seus carros, Saavedra continuava líder com Andretti e Kannan logo atrás, Dixon que era o primeiro piloto de quem parou nos boxes estava em 9º com Newgarden e Rahal logo atrás, Filippi voltou a corrida, Mas estando com voltas atrás dos líderes e sem chances de um melhor resultado.

Na 43ªVolta nova bandeira verde, Dixon começava a passar os pilotos na frente dele, Já tinha conseguido depois da relargada passar o novato do ano Gabby Chaves da equipe de Bryan Herta e ele tinha pela frente Simon Pagenaud que poderia fazer o trabalho de segurar Dixon o quanto pudesse para impedir o avanço do piloto rival de Montoya, Power e Castroneves na disputa pelo título. Rahal e Newgarden também vinham subindo na corrida. Logo os primeiros colocados foram para os Boxes, Primeiro foi Marco Andretti a ir para a parada deixando Tony Kannan que ultrapassou a Saavedra a liderança da corrida.

Dixon acabou perdendo posição para Takuma Sato e ficou na cola de Newgarden que ainda acreditava no campeonato mesmo que a chance dele fosse bem remota. Na 49ªVolta Saavedra, Muñoz, Servia e Sato foram para os boxes enquanto isso Kannan estava impondo um ritmo fortíssimo na liderança, Junto dele Bourdais e Pagenaud ainda não tinham feito as suas paradas. Na volta 50 Bourdais e Pagenaud fizeram suas paradas, duas voltas depois Tony Kannan parou nos boxes deixando Scott Dixon na liderança da prova e nesse momento com os resultados o piloto da Chip Ganassi seria o campeão da temporada. Mas Montoya estava reagindo na prova, Em uma mesma volta o piloto da Penske passou James Jakes e Carlos Muñoz que estavam lentos naquele momento da prova.

3xrbse8p o

Mas Tony Kannan estava em dia inspirado. Ele passou Jakes e Muñoz e em poucas voltas ele foi para cima de Montoya e passou o piloto colombiano, essa ultrapassagem ajudaria muito Dixon. Graham Rahal passou por fora da pista em uma das curvas e perdeu posições para Ryan Hunter-Reay e Ryan Briscoe que largou da 17ªposição para se colocar nas primeiras colocações na corrida. Classificação a 25 voltas do final tinha Dixon com quase 9 segundos na frente de Newgarden que estava em segundo lugar, Logo a seguir vinham Kimball, Hunter-Reay, Briscoe e Rahal.

Newgarden foi para os boxes, Mas ao sair dos boxes ele teve problemas em seu carro e perdeu muito tempo pois o carro morreu assim como qualquer possibilidade de título, Dixon na 61ªVolta foi para os boxes deixando a liderança com Ryan Hunter-Reay que liderou uma volta e depois foi para os boxes, Dixon voltava a liderança da corrida, A classificação da prova era Dixon – Kannan e Castroneves sendo que os dois pilotos brasileiros precisavam de uma nova parada para completarem a corrida.

Iqpwelqn o

Mas dai na 64ªVolta o Inglês James Jakes acabou saindo da pista e batendo provocando uma nova bandeira amarela, Kannan e Montoya deram sorte e pararam antes da amarela, O Mesmo não ocorreu com o Brasileiro da equipe Penske. Pilotos como Saavedra, Pagenaud, Servia se deram mal e tiveram que fazer a parada na bandeira amarela. Depois das paradas a classificação era: Dixon, Hunter-Reay, Kimball, Briscoe, Kannan, Rahal, Muñoz Bourdais, Hawksworth e Power. Montoya era o 11ºlugar e precisava estar pelo menos em 5ºlugar para garantir o título da temporada. Uma missão nada fácil em 16 voltas que restavam para o final da corrida.

Bandeira verde na volta 69 e Dixon dispara na frente com Hunter-Reay e Kimball seguindo e Kannan mais uma vez na curva 1 fazendo ultrapassagem dessa vez em Ryan Briscoe assumindo a 4ªposição, Na curva 7 o inglês Hawksworth acabou tocando em Muñoz e provoca mais uma bandeira amarela pois o piloto da Andretti ficou preso na zebra num ponto perigoso, Nisso Montoya só nessa manobra ele ganhou 4 posições subindo para o 8ºlugar precisando de mais 3 ultrapassagens para ser o campeão da temporada. O 6ºlugar para Montoya seria perigoso pois Dixon poderia marcar 2 pontos por ficar o maior número de voltas na liderança.

Sxnkj1ks o

A 12 Voltas do final Dixon segue na frente seguido de Hunter-Ray, Kimball, Kannan, Briscoe. Montoya foi buscar a ultrapassagem sobre Bourdais, Mas o piloto Francês estava mais rápido que o Colombiano da Penske e ele iria para cima da Rahal para buscar a 6ªposição, Rahal ainda tentava algo para buscar o título, mas para ele já estava difícil. Ainda mais quando a 8 voltas do final quando ele foi tocado por trás de maneira nada sutil por Sebastian Bourdais que acabaria por ser punido por esse toque com um DR, Com isso Montoya passaria para o 6ºlugar, Mas teria de passar mais um piloto porque Dixon ganhou os dois pontos do maior número de voltas que ele liderou.

Rftxbzh2 o

Nas 5 voltas finais Montoya foi como alucinado para tentar tirar a diferença para Briscoe e tinha que passar o piloto da Schmidt Peterson para ficar em 5ºlugar e buscar o título. O Desespero do Montoya destoava da Calma de Scott Dixon que estava com a corrida ganha e com dois companheiros de equipe na frente do Montoya e com os outros dois pilotos tendo motores Honda que não iriam fazer corpo mole para um carro com Motor Chevrolet passar para conquistar o título.

 

Resultado disso é que não deu para Montoya, Mesmo ele chegando bem perto de Briscoe ele não conseguiu a ultrapassagem enquanto Dixon comemora a vitória e com o resultado do Montoya o piloto da Chip Ganassi levava o 4ºtítulo da sua carreira na Formula Indy com 35 anos de idade e sem chamar a atenção do mundo esse NeoZelandês esta se tornando um dos maiores pilotos da História da categoria, Para a Penske foi desastroso ver 3 pilotos na disputa pelo título e mais uma vez perderem o título na prova final isso porque seus pilotos, Todos eles não tem força mental para decidirem um campeonato enquanto que a Chip Ganassi tem em seus pilotos a força mental necessária para vencerem o campeonato.

Rllwljo3 o

Hunter-Reay e Kimball completaram o pódio e Tony Kannan em uma atuação soberba talvez a melhor da temporada que não foi das melhores para o Brasileiro ficando em 4ºlugar com Ryan Briscoe em 5º. Power em 7º ainda conseguiu o 3ºlugar no campeonato, Hélio Castroneves em uma pífia corrida sem garra, sem vontade nenhuma ficou em 15ºlugar e deixou o Brasil sem conquistar uma vitória na temporada de 2015. Pelo menos digo que o Tony Kannan teve vontade de vencer e se ver garra para fazer ultrapassagens o que acabou com o ano do piloto da Chip Ganassi foram os erros dele em Indianápolis e em Pocono pois se não fosse isso certamente estaria na disputa pelo título.

Sobre o Hélio, honestamente tá na hora dele e do Pagenaud saírem da Penske já que o Francês fez um ano decepcionante e que não justifica a sua vinda a equipe de Roger Penske nessa temporada se comparamos com ele nas temporadas passadas na Sam Schmidt.

L7xgz4l2 o

Josef Newgarden e Graham Rahal tem muito tempo pela frente, Newgarden poderia ser uma opção para Penske substituir um dos seus pilotos para 2016, Já Rahal acabou perdendo a possibilidade de título pelos troques que sofreu em Pocono e Sonoma pois fez tudo certo para postular o campeonato, acaba o ano em alta e como o melhor piloto com Motor Honda recolocando a Rahal entre as melhores equipes da Formula Indy.

A Andretti Autosport acabou sendo uma decepção do ano com alguns momentos de competitividade forte com as vitórias de Hunter-Reay e Muñoz com algumas corridas medíocres se salvando um pouco pelas boas táticas dos boxes que a equipe teve nesse ano, De resto pouco a se destacar a não ser as Vitórias de Bourdais pela KV Racing que ainda é um time irregular, A Schmidt teve seu ano prejudicado pelo acidente que afastou Hinchcliffe em Indianápolis do resto do ano, A A.J.Foyt teve um ano Irregular de Sato mas que foi melhor que o inglês Hawksworth, Charlie Kimball alternou bons momentos com momentos de barbeiragem o que mostra que ele ainda esta verde para entrar na equipe principal da Ganassi assim como Karam que é um jovem talento que precisa ser lapidado, Stefano Coletti foi decepcionante o seu desempenho sendo o pior piloto com motor Chevrolet, A Dale Coyne tirando algumas boas exibições de Vautier foi um time pequeno que usou vários pilotos desde de Vautier passando pela Pippa Mann nos ovais que não fez besteira mas sem impressionar em nenhum momento, pelo Rodolfo Gonzalez que só mostrou um bom trabalho em Sonoma até o horrível Francesco Dracone candidato a mico do ano sem dúvida. E Gabby Chaves que foi o melhor estreante do ano com a limitada equipe Herta.

Pronto podemos colocar o The End para a Formula Indy em 2015 com essa cena

Parabenizamos a Scott Dixon pelo Quarto título da Formula Indy conquistado nesse domingo em Sonoma.

Resultado Final do GP de Sonoma:

1 Scott Dixon 9 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 2:09:14.2620
2 Ryan Hunter-Reay 28 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 6.1115
3 Charlie Kimball 83 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 7.1219
4 Tony Kanaan 10 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 8.9030
5 Ryan Briscoe 5 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) a 10.0749
6 Juan Pablo Montoya 2 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 11.2548
7 Will Power 1 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 12.4877
8 Takuma Sato 14 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 16.0888
9 Rodolfo González 18 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 20.8011
10 Mikhail Aleshin 77 (Dallara Honda Schmidt) a 22.5749
11 Marco Andretti 27 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 23.6709
12 Oriol Servià 25 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 24.4514
13 Sebastian Saavedra 8 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 24.7775
14 Gabby Chaves 98 (Dallara Honda Herta) a 25.5357
15 Hélio Castroneves 3 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 26.0659
16 Simon Pagenaud 22 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 27.3185
17 Stefano Coletti 4 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 35.1645
18 Graham Rahal 15 (Dallara Honda Rahal) a 36.4838
19 Jack Hawksworth 41 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 38.9404
20 Sébastien Bourdais 11 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 42.5956
21 Josef Newgarden 67 (Dallara Chevrolet CFH Racing) a 1 Volta
22 Carlos Muñoz 26 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 1 Volta
23 Tristan Vautier 19 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 3 Voltas
24 Luca Filippi 20 (Dallara Chevrolet CFH Racing) a 5 Voltas
25 James Jakes 7 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) a 22 Voltas – Acidente

3hft7bx5 o

Fotos:

 

View post on imgur.com

Vídeo da Corrida:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport

Grid de largada da última etapa da Formula Indy – GP de Sonoma

1 Will Power (Dallara/Chevrolet) 1’16.2597
2 Josef Newgarden (Dallara/Chevrolet) 1’16.3964
3 Ryan Hunter-Reay (Dallara/Honda) 1’16.5254
4 Simon Pagenaud (Dallara/Chevrolet) 1’16.6683
5 Juan Pablo Montoya (Dallara/Chevrolet) 1’16.8437
6 Graham Rahal (Dallara/Honda) 1’17.1769
7 Charlie Kimball (Dallara/Chevrolet) 1’16.6669
8 Marco Andretti (Dallara/Honda) 1’16.8710
9 Scott Dixon (Dallara/Chevrolet) 1’16.9677
10 Sebastian Saavedra (Dallara/Chevrolet) 1’17.1596
11 Tony Kanaan (Dallara/Chevrolet) 1’17.2899
12 Carlos Muñoz (Dallara/Honda) 1’17.3302
13 Luca Filippi (Dallara/Chevrolet) 1’17.1077
14 Mikhail Aleshin (Dallara/Honda) 1’17.3885
15 Hélio Castroneves (Dallara/Chevrolet) 1’17.2550
16 Sébastien Bourdais (Dallara/Chevrolet) 1’17.4310
17 Ryan Briscoe (Dallara/Honda) 1’17.4886
18 Takuma Sato (Dallara/Honda) 1’17.5599
19 Oriol Servià (Dallara/Honda) 1’17.5724
20 Stefano Coletti (Dallara/Chevrolet) 1’17.8293
21 Gabby Chaves (Dallara/Honda) 1’17.7994
22 James Jakes (Dallara/Honda) 1’17.8968
23 Tristan Vautier (Dallara/Honda) 1’17.9876
24 Rodolfo González (Dallara/Honda) 1’18.3867
25 Jack Hawksworth (Dallara/Honda) 1’19.0408

Chances de cada um para ser campeão:

Montoya Conquista a Indy 500 pela segunda vez
Montoya Conquista a Indy 500 pela segunda vez

Juan Palbo Montoya:

Será campeão com uma vitória, 2º ou 3ºlugar independente de qualquer resultado dos seus adversários.

Chegando do 4º ao 6ºlugar será campeão caso Rahal não vença a prova

Caso chegue em 7ºlugar precisa que a vitória não fique nem com Graham Rahal e nem com Scott Dixon

Existem várias combinações que dão o título a Montoya, Até mesmo chegando na última posição caso seus adversários não venham bem na corrida.

Rahal_wins

Graham Rahal:

Não basta vencer a corrida, se acontecer da vitória, O Colombiano Montoya não pode subir ao pódio.

Terminando em segundo Montoya não pode ir além do 8ºlugar e Dixon não pode vencer.
Terminando em terceiro Montoya tem que ficar de 13º para trás e nem Dixon e Power podem vencer a corrida.
Terminando em 4º : Montoya não pode passar do 16º, Dixon não pode chegar em 1º ou 2º e Power não pode vencer.
Terminando em 5º: Montoya não pode passar do 18º, Dixon não pode chegar em 1º ou 2º e Power não pode vencer.
Terminando em 6º: Montoya não pode passar do 20ºlugar, Dixon não pode chegar ao pódio, Power ou Castroneves não podem vencer
Terminando em 7º: Montoya não pode passar do 22º, Dixon não pode ir além do 8º, Power não poderia ir além do 3ºlugar e Castroneves não poderia vencer
Terminando em 8º: Montoya não pode passar do 24ºlugar, Dixon não pode ficar entre os 4 primeiros colocados, Power não pode ser 1º ou 2º e Castroneves não pode vencer.

dixon_wins

Scott Dixon:

Será campeão se vencer com Montoya fora dos 6 primeiros e se ficar na frente de Rahal.
em 2º será campeão caso Montoya não chegue entre os 13 primeiros, Rahal não pode ficar no pódio e Power não pode vencer a corrida.
em 3º será campeão caso Montoya fique abaixo do 19ºlugar, Rahal fora dos 5 primeiros e Power não pode vencer a prova.
em 4º será campeão se Montoya não passar do 22ºlugar, Rahal não pode se colocar entre os 8 primeiros, Power não pode ser primeiro ou segundo e Castroneves não pode vencer.

vitória de Power em Indianapolis Circuit

Will Power:

Será Campeão com a vitória caso Montoya não passe do 10ºlugar, Rahal não pode ficar com a vitória ou segundo lugar.
Com um 2ºlugar caso Montoya fique abaixo do 20ºlugar, Rahal fique abaixo de 6º, Dixon não pode ir ao pódio e Castroneves não pode vencer a corrida.

Hélio, Perdeu a vitória nos boxes
Hélio, Perdeu a vitória nos boxes

Hélio Castroneves:

Só tem uma chance de título, Caso vença a prova com Montoya do 19ºpara baixo, Rahal não pode ficar entre os 5 primeiros, e Dixon não pode chegar no pódio

Newgarden_pole

Josef Newgarden:

Vitória com Montoya em 24º ou 25º, Power não pode ficar entre os 2 primeiros colocados, Dixon não pode ir ao pódio e Rahal não pode passar do 9ºlugar

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport

Formula Indy 2015 – Round 15 – Pocono entre disputas e acidentes Hunter-Reay vence e Montoya fica mais próximo do título

Grid de Largada das 500 milhas de Pocono:

1 Helio Castroneves (Team Penske Dallara/Chevrolet) 220.529 Milhas
2 Simon Pagenaud (Team Penske Dallara/Chevrolet) 220.485 Milhas
3 Will Power (Team Penske Dallara/Chevrolet) 220.398 Milhas
4 Josef Newgarden (CFH Racing Dallara/Chevrolet) 220.141 Milhas
5 Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan Dallara/Honda) 220.118 Milhas
6 Carlos Munoz (Andretti Autosport Dallara/Honda) 219.831 Milhas
7 Justin Wilson (Andretti Autosport Dallara/Honda) 219.685 Milhas
8 Ryan Hunter-Reay (Andretti Autosport Dallara/Honda) 219.672 Milhas
9 Takuma Sato (AJ Foyt Enterprises Dallara/Honda) 219.578 Milhas
10 Sebastien Bourdais (KVSH Racing Dallara/Chevrolet) 219.521 Milhas
11 Scott Dixon (Chip Ganassi Racing Dallara/Chevrolet) 218.969 Milhas
12 Tony Kanaan (Chip Ganassi Racing Dallara/Chevrolet) 218.815 Milhas
13 Tristan Vautier (Dale Coyne Racing Dallara/Honda) 218.596 Milhas
14 Jack Hawksworth (AJ Foyt Enterprises Dallara/Honda) 218.331 Milhas
15 James Jakes (Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda) 218.246 Milhas
16 Gabby Chaves (Bryan Herta Autosport Dallara/Honda) 218.152 Milhas
17 Pippa Mann (Dale Coyne Racing Dallara/Honda) 217.371 Milhas
18 Ryan Briscoe (Schmidt Peterson Motorsports Dallara/Honda) 217.241 Milhas
19 Juan Pablo Montoya (Team Penske Dallara/Chevrolet) 217.194 Milhas
20 Sage Karam (Chip Ganassi Racing Dallara/Chevrolet) 216.400 Milhas
21 Ed Carpenter (CFH Racing Dallara/Chevrolet) 216.315 Milhas
22 Marco Andretti (Andretti Autosport Dallara/Honda) 215.101 Milhas
23 Charlie Kimball (Chip Ganassi Racing Dallara/Chevrolet Sem Tempo
24 Stefano Coletti (KV Racing Technology Dallara/Chevrolet) Sem Tempo

Hfvhsxcq o

Em Pocono independente do que aconteceu com o Justin Wilson em termos de prova foi uma corridaça, 500 milhas pra lá de disputada e com várias disputas e todas elas poderiam ser decisivas para a disputa do campeonato.

Quando na largada o Brasileiro Hélio Castroneves  acabou partindo antes do normal e tiveram que cancelar a largada e darem mais duas voltas para os pilotos acalmarem os Ânimos. Na Largada que valeu Hélio foi engolido e perdeu a liderança para Simon Pagenaud.

A primeira parte da prova foi pouco movimentado, apenas um momento de importante aconteceu que foi a roda solta do carro do Jack Hawksworth que voltou aos boxes para trocar os pneus, Um pouco antes da metade da corrida o piloto da Dale Coyne Tristan Vautier acabou cometendo um erro grotesco e atingido o norte-americano Graham Rahal o vice-líder do campeonato que ao sair do carro pagou geral para o piloto Francês que errou de A a Z nesse caso e complicou a vida do piloto da Rahal na disputa pelo título.

Elcqo358 o

Tivemos 4 pilotos que tiveram problemas elétricos entre eles Gabby Chaves que sem dúvida fez a melhor corrida da sua carreira tendo liderado a corrida e até dando pinta de que poderia vencer a prova. Tivemos 9 acidente e entre eles os dois pilotos Brasileiros, Tony Kannan que vem fazendo o pior ano dele na Formula Indy desde de 2002 e Hélio Castroneves que acabou batendo na volta 166 e jogando praticamente no lixo as chances de campeonato (Tendo apenas chances matemáticas).

Nessa disputa pela vitória na corrida ficaram vários pilotos na liderança da corrida, Mas acabou que o piloto Norte-Americano Ryan Hunter-Reay deu o bote certeiro e acabou com a vitória na corrida após contar com a bandeira amarela a 3 voltas do final dessa forma não tivemos tempo hábil para uma limpeza da pista e com todos os incidentes e disputas na pista mesmo fechando com a bandeira amarela o que pode ter sido frustrante para o público, Mas para os pilotos não pode reclamar de nada, pelo menos quem ficou até o final da prova.

5il3f5n9 o

Josef Newgarden que liderou o maior número de voltas na corrida ficando com um ponto em 2º e Juan Palbo Montoya em 3º completaram o pódio, Para Montoya um importante resultado pois ele vai para Sonoma com 34 pontos de diferença e com um 2ºlugar independente do resultado de Rahal para assegurar o título, Já que a pontuação é dobrada para a etapa de Sonoma. Scott Dixon fez uma prova muito apagada ficando em 9ºlugar apenas, Mas tem chances de titulo assim com Will Power que ficou em 4ºlugar apesar dele ter errado de maneira bisonha nos boxes rodando quando saiu do seu pit, Lamentável para quem já foi campeão e que tem chances remotas de campeonato. Ainda tem chances remotas e matemáticas de campeonato o Brasileiro Hélio Castroneves e Josef Newgarden.

Muñoz, Sato (Que chegou a posição de vencer a prova), Pagenaud, Briscoe, Dixon e Jakes. Pippa Mann fechou sua última participação no campeonato em 13ºlugar a 17 Voltas do vencedor.

Apesar do clima ruim que teremos depois do acidente Fatal de Justin Wilson a decisão será em Sonoma nesse domingo certamente com muitas homenagens ao piloto Britânico e com 6 pilotos na disputa do campeonato que por tudo que aconteceu merece ficar nas mãos do colombiano Juan Palbo Montoya.

Classificação final da 15ªEtapa da Indy Car – 500 milhas de Pocono:

1 Ryan Hunter-Reay (Dallara Honda Andretti Autosport) 3:25.08.1095 em 200 Voltas
2 Josef Newgarden (Dallara Chevrolet CFH Racing) a 0.1053
3 Juan Pablo Montoya (Dallara Chevrolet Team Penske) a 0.5696
4 Will Power (Dallara Chevrolet Team Penske) a 1.4707
5 Carlos Muñoz (Dallara Honda Andretti Autosport) a 2.0003
6 Takuma Sato (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 3.5167
7 Simon Pagenaud (Dallara Chevrolet Team Penske) a 4.5025
8 Ryan Briscoe (Dallara Honda Schmidt Peterson) a 4.7997
9 Scott Dixon (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 5.6857
10 James Jakes (Dallara Honda Schmidt Peterson) a 6.2994
11 Gabby Chaves (Dallara Honda Herta) a 3 Voltas – Mecânico
12 Charlie Kimball (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 7 Voltas – Mecânico
13 Pippa Mann (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 15 Voltas
14 Sage Karam (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 21 Voltas – Acidente
15 Justin Wilson (Dallara Honda Andretti Autosport) a 21 Voltas – Acidente
16 Hélio Castroneves (Dallara Chevrolet Team Penske) a 34 Voltas – Acidente
17 Ed Carpenter (Dallara Chevrolet CFH Racing) a 44 Voltas – Mecânico
18 Marco Andretti (Dallara Honda Andretti Autosport) a 62 Voltas – Acidente
19 Tony Kanaan (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 69 Voltas – Acidente
20 Graham Rahal (Dallara Honda Rahal) a 108 Voltas – Acidente
21 Tristan Vautier (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 108 Voltas – Acidente
22 Jack Hawksworth (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 118 Voltas – Acidente
23 Sébastien Bourdais (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 164 Voltas – Acidente
24 Stefano Coletti (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 181 Voltas – Mecânico

Vídeo da corrida:

Fotos:

 

View post on imgur.com

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport.com
Vídeo: F1RacingGame

Justin Wilson – Um Amigável lutador que se foi – Texto de Deivison Conceição

Vídeo do Acidente:

Não, acabei não prestando atenção no acidente de Sage Karam e Justin Wilson, para mim eu não sabia que a situação de Justin Wilson era tão grave assim, Mas ao final da noite através do Bandeirada é que eu soube da gravidade da situação de uma corrida que era importante para definir quem participaria da disputa pelo título e que foi uma corrida bem disputada em Pocono. O inglês Justin Wilson estava no lugar errado, na hora errada pois a peça do carro de Sage Karam que segundos antes tinha se acidentado quando estava liderando a corrida no final da curva 2 e na entrada da reta oposta.

Wilson deixa dois filhos e uma esposa, Aos 37 anos o piloto que corria pela Andretti nessa temporada estava em sua 6ªparticipação no campeonato buscando um melhor resultado para ter uma vaga na temporada inteira após o belíssimo 2ºlugar em Mid-Ohio. O Acidente que fez o piloto perder a vida na manhã dessa segunda-feira com anuncio sendo feito na noite do mesmo dia (No Brasil) tarde nos Estados Unidos.

A diferença entre o Falecimento de Jules Bianchi e de Justin Wilson é uma apenas: Na Formula 1 foram negligentes com o piloto Francês, O Acidente no domingo passado foi uma infelicidade diferente do acidente de Dan Wheldon aonde o carro + 34 carros no Grid acabou resultando na morte do Campeão da Formula Indy de 2005.

Wilson campeão da Formula 3000 em 2001 pela Nordic

Wilson era querido por todo mundo no universo da Formula Indy e do automobilismo em Geral, Vários pilotos fizeram homenagens a Wilson como os Brasileiros Tony Kannan, Hélio Castroneves e o seu melhor amigo Josef Newgarden. Campeão da Formula 3000 em 2001 pela Coca-cola Nordic Wilson correu na World Series em 2002 antes de ingressar na Formula 1 pela Minardi, lembro que a Família do piloto Britânico acabou tendo de vender um posto de Gasolina para ajudar a pagar a vaga dele na equipe Italiana, Ele teve um bom destaque em algumas corridas e isso acabou chamando a atenção da Jaguar que o contratou na parte final do ano substituindo de Antônio Pizzonia, No final dessa temporada nos Estados Unidos ele conseguiu seu único ponto na carreira com a 8ªposição em Indianápolis o que permitiu a ele terminar a temporada de 2003 em  20ºlugar com 1 ponto.

Em 2004 partiu para os Estados Unidos para disputar a Champ Car pela Conquest, Em 2005 já pela RuSport Wilson termina o campeonato em 3ºlugar, Em 2006 e 2007 o piloto Inglês acaba como o vice-campeão atrás apenas de Sebastian Bourdais que foi campeão nessas temporadas, Em 2008 Wilson foi para a Newman-Haas no ano da reunificação da Champ Car com a IRL voltando a ter a Formula Indy com 1 única categoria.

Wilson foi o melhor piloto da Dale Coyne em toda a sua história na Formula Indy

Mas foi na Dale Coyne é que Wilson se destacou vencendo em Waltins Glen em 2009, Foi a primeira vitória da equipe em sua história, em 2013 ele teve sua melhor temporada ficando em 6ºlugar no campeonato, Teve passagem também pela Dreyer & Reinbold em 2010 e 2011, Além disso venceu as 24 Horas de Daytona em 2012 junto de Oswaldo Negri jr. e A.J.Almendlinger.

Na Formula Indy foram 174 corridas com 8 poles, 7 Vitórias, juntando os resultados da Champ Car. Não queria fazer um texto explicando sobre como foi a morte dele, Mas sim um resumo da sua carreira em geral e como ele é querido pelas pessoas.

Ao final desse texto eu coloco aqui a edição de Ontem do Café com Velocidade que recebeu a informação ao vivo do falecimento do piloto Britânico Justin Wilson.

Fica a nossa homenagem ao Britânico Justin Wilson através desse texto.

Wilson_indycar

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport/Hinchicliffe (Instagram)/Indy Car

IndyCar 2015 – Mid Ohio – 14ªEtapa Rahal vence e põe fogo no campeonato a 2 etapas do Final

Grid de largada:

1 Scott Dixon 9 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 125.869 milhas
2 Will Power 1 (Dallara Chevrolet Team Penske) 125.681 milhas
3 Sébastien Bourdais 11 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) 125.065 milhas
4 Hélio Castroneves 3 (Dallara Chevrolet Team Penske) 124.938 milhas
5 Josef Newgarden 67 (Dallara Chevrolet CFH Racing) 124.919 milhas
6 Charlie Kimball 83 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 124.908 milhas
7 Ryan Hunter-Reay 28 (Dallara Honda Andretti Autosport) 124.971 milhas
8 Tony Kanaan 10 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 124.934 milhas
9 Luca Filippi 20 (Dallara Chevrolet CFH Racing) 124.748 milhas
10 Juan Pablo Montoya 2 (Dallara Chevrolet Team Penske) 124.659 milhas
11 Jack Hawksworth 41 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) 124.619 milhas
12 Marco Andretti 27 (Dallara Honda Andretti Autosport) 124.307 milhas
13 Graham Rahal 15 (Dallara Honda Rahal) 123.229 milhas
14 Justin Wilson 25 (Dallara Honda Andretti Autosport) 123.936 milhas
15 Simon Pagenaud 22 (Dallara Chevrolet Team Penske) 123.187 milhas
16 Takuma Sato 14 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) 123.927 milhas
17 James Jakes 7 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) 123.039 milhas
18 Stefano Coletti 4 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) 123.876 milhas
19 Sage Karam 8 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) 123.035 milhas
20 Ryan Briscoe 5 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) 123.716 milhas
21 Gabby Chaves 98 (Dallara Honda Herta) 122.755 milhas
22 Rodolfo González 18 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) 123.220 milhas
23 Carlos Muñoz 26 (Dallara Honda Andretti Autosport) 121.345 milhas
24 Tristan Vautier 19 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) 123.012 milhas

Mid-Ohio era a penúltima etapa do campeonato, numa bela pista aonde começaria a reta final para o campeonato tendo Montoya com uma boa vantagem para Rahal que era o vice-líder do campeonato. A Pole position foi de Scott Dixon. Nessa prova iria ser estreiada o Painel de Led nos carros que teriam 3 funções:

1º Indicar a posição do piloto na prova
2º Dar o tempo do carro parado nos boxes
3º Mostrar quando ele esta usando o Push to Pass

Cak7hske o

Na largada Dixon manteve a liderança da corrida e Bourdais em uma belíssima largada assumiu a segunda posição, Já Will Power largou muito mal caindo para o 4ºlugar perdendo posição para Hélio Castroneves e logo depois ainda na primeira volta perdeu posição para Josef Newgarden caindo para o 5ºlugar. Na terceira volta Power ao tentar recuperar posição acaba saindo da pista e volta tocando na roda do carro de Charlie Kimball que duas curvas depois roda e isso faz com que se acione a primeira bandeira amarela na corrida.

Kimball voltou a corrida a 2 voltas do líder, Volta 7 foi dada a relargada e Dixon continuou na liderança da corrida, Já Newgarden largou mal e perdeu 3 posições caindo para o 7ºlugar tendo Power na sua frente e com o Brasileiro Tony Kannan logo atrás. A Partir da 12ªpilotos como Gabby Chavez foram para os boxes tentarem uma nova tática. Duas voltas depois Graham Rahal vice-líder do campeonato acabou indo aos boxes e arriscando uma nova tática nos boxes assim como Montoya, Power, Wilson entre outros.

Já Dixon na frente abria mais de 5 segundos sobre Bourdais, Castroneves e Hunter-Reay. Tudo certo para os líderes até que Takuma Sato bateu em Stefano Coletti e rodou, Coletti perdeu parte da Asa e os destroços da asa caiu na pista provocando uma bandeira amarela, Com isso a tática de Dixon e dos outros líderes foi para o saco, eles tiveram que parar nos boxes deixando a liderança com o Tristan Vautier com a Dale Coyne que não tinha parado nos boxes, Montoya em 2º e Rahal em 3ºlugar completando os 5 primeiros os pilotos Rodolfo Gonzalez e Justin Wilson.

Jix1qbqr o

Por falar no piloto britânico na relargada pulou muito bem indo de 5º para o segundo lugar com Vautier em algumas voltas tentou abrir uma vantagem para o resto. Mas acabou tendo de ir aos boxes na Volta 34 quando a Dale Coyne fez um trabalho ruim nos boxes mostrando o amadorismo desse time.

Justin Wilson assumiu a liderança da prova com Montoya em 2º e Rahal em 3º. na Volta 38 Dixon fez uma outra parada em busca da recuperação na corrida Montoya chegou a liderança a corrida até fazer a parada. E outros pilotos lideraram a prova inclusive Hélio Castroneves.

Durante esse tipo Luca Filippi evitou uma rodada durante a disputa pelo 9ªposição com o Colombiano Carlos Muñoz. A Corrida vinha bem encaminhado para Montoya que poderia vencer e aumentar sua diferença para Rahal que estava em 3ºlugar atrás de Newgarden, Em busca de diminuir a diferença entre ele e o Montoya o piloto da Rahal foi para cima do jovem Newgarden buscando o segundo lugar.

O4rgsxtw o

Os pilotos partiam para a última parada nos boxes para troca de pneus e reabastecimento, tudo certo até a volta 66 quando Sage Karam rodou e provocou uma nova bandeira amarela o que comprometeu a tática de muitos pilotos inclusive do Montoya, Já quem se deu bem foi Graham Rahal que assumiu a liderança com Justin Wilson em 2º, Simon Pagenaud em 3º e depois vinham Scott Dixon, Tristan Vautier e Tony Kannan, Juan Palbo Montoya estava em 12ºlugar.

Na Relargada Rahal estava com um belo desempenho enquanto que Montoya não rendia e até perderia posição para Marco Andretti caindo para o 13ºlugar e dessa forma a vantagem enorme que Montoya tinha se reduzia a pó praticamente. Rahal abria 5 segundos para Justin Wilson que tinha uma boa vantagem para Pagenaud que tinha Dixon e Kannan por perto, Tristan Vautier em 6º tinha uma boa disputa com o piloto Ryan-Hunter Reay. Kimball acabou rodando faltando algumas voltas para o final e indo para a brita fazendo com que uma nova bandeira amarela foi acionada na Minha opinião desnecessária pois não estava num ponto perigoso.

A Bandeira Amarela apenas  serviu para dar mais emoção na parte final de prova. A 7 Voltas do final bandeira verde e Wilson tenta passar Rahal, Conseguir ficar na frente no final da reta oposta, Mas Rahal volta a liderança com um traçado mais favorável para ele. Mesmo seu push to pass Rahal abriu o bastante para não perder mais a corrida. Com a Vitória a vantagem dele para Montoya que ficou apenas em 11ºlugar caiu para apenas 9 pontos a 2 corridas do final da temporada e tendo na última corrida com pontuação dobrada, Ainda tem muita coisa em jogo nesse campeonato.

Rdvp3jzs o

Justin Wilson em ótima corrida e Simon Pagenaud da Penske completaram o pódio, Dixon que dominou a primeira parte da corrida acabou em 4º, Tony Kannan não tendo um grande carro na mão completou em 5º e Tristan Vautier que largou do último lugar com uma das piores equipes do campeonato fechou em 6ºlugar. Hélio Castroneves completou a prova em um apagado 15ºlugar.

Nesse domingo teremos o GP de Pocono, a penúltima corrida da temporada e o último circuito oval da temporada e independente do Resultado o título não poderá ser decidido nesse domingo principalmente pela pontuação dobrada em Sonoma e pela baixíssima vantagem entre os primeiros colocados do campeonato.

0zx4dttw o

Resultado Final do GP de Mid-Ohio – 14ªEtapa da Formula Indy

1 Graham Rahal 15 (Dallara Honda Rahal) 1:55:20.0864 em 90 Voltas
2 Justin Wilson 25 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 3.4049
3 Simon Pagenaud 22 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 4.5706
4 Scott Dixon 9 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 5.0293
5 Tony Kanaan 10 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 10.5943
6 Tristan Vautier 19 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 11.4414
7 Ryan Hunter-Reay 28 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 13.8958
8 Jack Hawksworth 41 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 15.0372
9 Carlos Muñoz 26 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 15.6116
10 Marco Andretti 27 (Dallara Honda Andretti Autosport) a 16.0094
11 Juan Pablo Montoya 2 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 16.1321
12 Gabby Chaves 98 (Dallara Honda Herta) a 16.4962
13 Josef Newgarden 67 (Dallara Chevrolet CFH Racing) a 18.0350
14 Will Power 1 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 18.4290
15 Hélio Castroneves 3 (Dallara Chevrolet Team Penske) a 19.1285
16 James Jakes 7 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) a 20.1010
17 Sébastien Bourdais 11 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 20.5091
18 Ryan Briscoe 5 (Dallara Honda Schmidt Peterson Motorsports) a 20.8331
19 Stefano Coletti 4 (Dallara Chevrolet KV Racing Technology) a 21.5426
20 Rodolfo González 18 (Dallara Honda Dale Coyne Racing) a 24.9667
21 Luca Filippi 20 (Dallara Chevrolet CFH Racing)a 1 Volta
22 Sage Karam 8 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 1 Volta
23 Charlie Kimball 83 (Dallara Chevrolet Chip Ganassi Racing) a 3 Voltas
24 Takuma Sato 14 (Dallara Honda AJ Foyt Racing) a 30 Voltas (Acidente)

Fotos:

 

View post on imgur.com

Vídeo da corrida:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport.com