Especial Top Gear 1

O Jogo

Em 1992 a Desenvolvedora d Jogos Kemco junto da Nintendo lançou a primeira versão do jogo Top Gear, O Jogo apresenta 32 pistas em 8 Estágios para você ser o Campeão em 3 modalidades, Amador, Profissional e Campeão. Pode se jogar com 2 jogadores ao mesmo tempo, mas também pode se jogar com o computador como o 2ºJogador, tem 4 tipos de carros, e todos eles tem suas qualidades e deficiências, basta você saber lidar com elas para vencer o jogo.

Mais para isso você terá de vencer esses jogadores:

Paul (EUA)
Ritchie (Inglaterra)
Tony (Itália)
Berni (Suécia)
Simon (EUA)
Mark (Inglaterra)
Gregs (Grécia)
Ash (EUA)
Siz (EUA)
Chris (EUA)
Ade (Inglaterra)
T C (Inglaterra)
Tim (México)
Matt (Inglaterra)
Rob (Inglaterra)
Iam (Irã)
James (EUA)
Shaun (EUA)

Os paises fui eu que inventei, eles não tem nacionalidade no jogo.

Você tem para ajudar a vencer esse jogo Três Boost (Turbos) que são ativados e ficam ativos por uns 5 segundos, fazendo você chegar a até 430 km/h se você tiver num ponto de descida, uma grande descida.

Você não pode chegar abaixo do 10ºlugar, caso contraio, você é eliminado do jogo, se você não chega entre os 5 primeiros, você não se classifica para a pista seguinte. Para ir a outras pistas você tem que terminar entre os 5 primeiros nas corridas.

Para você passar para um outro país, você tem que ficar entre os três primeiros lugares de cada país na classificação Geral.

Sistema de pontuação:

Pontuação
1ºLugar 20 Pontos
2ºLugar 15 Pontos
3ºLugar 12 Pontos
4ºLugar 10 Pontos
5ºLugar 08 Pontos
6ºLugar 06 Pontos
7ºLugar 04 Pontos
8ºLugar 03 Pontos
9ºLugar 02 Pontos
10ºLugar 01 Ponto

Carros:

Topgear_1carrovermelho

Carro muito Rápido, O Mais rápido de todos, mas é preciso saber usar a velocidade com Inteligência até por que a Aceleração do carro é lenta e o consumo do carro e bem elevado.

Tem uma velocidade máxima de 147 milhas por hora (237 km / h), acelera de 0-60 milhas por hora (97 km / h) em 5,9 segundos, tem a aderência dos pneus baixo e alto consumo de combustível.

Topgear_1carrobranco

E o carro mais lento dos 4 carros, mas em compensação ele tem uma rápida aceleração e tem um consumo de combustível muito baixo em relação a todos os outros carros.

Tem uma velocidade máxima de 131 milhas por hora (211 km / h), acelera de 0-60 milhas por hora (97 km / h) em 3,5 segundos, tem a aderência dos pneus de alta e baixo consumo de combustível.

 

Topgear_1carrolilas

E um carro rápido, mas com uma lenta aceleração, Mas o consumo é mediano compensando a sua velocidade menor sobre o carro Vermelho.

Tem uma velocidade máxima de 137 milhas por hora (220 km / h), acelera de 0-60 milhas por hora (97 km / h) em 5,0 segundos, tem baixa aderência dos pneus eo consumo de combustível de médio porte.

Topgear_1carrosazul

É o carro padrão, não tem a tem uma velocidade média, com uma aceleração média, e consumo médio.

Tem uma velocidade máxima de 137 milhas por hora (220 km / h), acelera de 0-60 milhas por hora (97 km / h) em 4,3 segundos, tem aderência dos pneus de médio porte e consumo de combustível de médio porte.

Pistas:

São 32 pistas divididas em 8 etapas (Estados Unidos, América do Sul, Japão, Alemanha, Escandinávia, França, Itália e Reino Unido)

Aqui estão as pistas com os seus recordes:

Vídeos das corridas:

Fase Amadora:

Fase Profissional:

Fase Campeonato:

Password:

País Amador Profissional Championship
EUA
América do Sul MOONBATH FOUR MEG EDUCATED
Japão GEARBOX LEGEND OILCLOTH
Alemanha CAR PARK THEWORLD WRECKAGE
Escandinávia ROAD HOG LETSRACE CARACOLE
França EMULATOR ALCHEMY EPYLLION
Itália ANALYSER A LOOPER GLUCAGON
Inglaterra HORIZONS SEASONAL KEELSON

Recomendamos a você não usar password para ganhar, se quiser ganhar o jogo, use o seu talento!

Teste de Eficiência do custo benefício dos carros

Nesse teste de Eficiência de custo benefício dos carros (Velocidade/Consumo) nos vamos analisar os carros em 3 tipos de pista, em pista Plana (Tokyo) pista com várias subidas e descidas (San Francisco) e uma Pista Extrema (Bordeaux)

Espero que você Goste desse Teste de Eficiência e que você tire as conclusões de qual carro é o mais eficiente para o seu estilo de pilotagem.

Pista 1:

Toquio (Tokyo)



Sem o Turbo Tempo:
2 min. 03 seg. 4 dec. (2:03.4)
Média: 199.591
km/h Average: 133.060 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 16 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 32 seg. 5 dec. (1:32.5)
Média: 266.251
km/h Average: 177.500 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 16 Litros


Sem o Turbo Tempo:
1 min. 58 seg. 8 dec. (1:58.8)
Média: 207.272
km/h Average: 138.181 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 15 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 39 seg. 0 dec. (1:39.0)
Média: 248.727
km/h Average: 165.818 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 15 Litros


Sem o Turbo Tempo:
1 min. 57 seg. 6 dec. (1:57.6)
Média: 209.430
km/h Average: 139.620 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 13 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 46 seg. 4 dec. (1:46.4)
Média: 231.472
km/h Average: 154.314 Mph Gasto
do Tanque de Combustível:
14 Litros


Sem o Turbo Tempo:
2 min. 01 seg. 4 dec. (2:01.4)
Média: 202.846
km/h Average: 135.231 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 10 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 49 seg. 0 dec. (1:49.0)
Média: 225.966
km/h Average: 150.644 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 11 Litros

A Constatar pelos números sem o Turbo o carro vermelho nesse tipo de pista tem mais desvantagens do que vantagens, sua velocidade lenta e as poucas ladeiras fazem esse carro não ser o mais adequado para esse tipo de pista. O Carro Azul e o Carro Roxo mostraram maior velocidade nesse tipo de pista, Mas não mostraram o mesmo desempenho do carro Branco em relação ao combustível, mesmo com um carro consideravelmente lento, o Carro branco é muito mais econômico do que os outros carros.

Mais já com o Turbo o Carro vermelho faz toda a Diferença e anda de 60 a 80 km/h de Média mais rápido que o Carro sem o Turbo, isso compensa muito o fato de parar mais vezes do que os outros carros. O Carro Roxo aumenta em cerca de 40 a 50 km/h, em algumas pistas esse carro compensa em parar uma vez a menos ou não parar para fazer alguma parada. O Carro azul tem um ganhou de 20 a 30 km/h de Ganho com o Turbo, e se você usar o Carro Azul pode ser que você possa fazer paradas a menos com uma boa velocidade. Mas sem dúvida o Carro Branco com o Turbo você ganha somente de 20 a 30 Km/h Mais em Matéria de combustível esse carro é o melhor para você fazer a estratégia de uma parada ou de nenhuma parada.

Pista 2 : San Francisco

San Francisco (EUA)

Sem o Turbo Tempo:
1 min. 44 seg. 33 cen. (1:44.33)
Média: 212.211
Km/h – Average: 131.899 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 11 litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 18 seg. 22 cen. (1:18.22)
Média: 283.747
km/h – Average: 176.349 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 11 Litros
Sem o Turbo Tempo:
1 min. 41 seg. 21 cen. (1:41.21)
Média: 218.753
Km/h – Average: 135.955 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 10 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 26 seg. 18 dec. (1:26.18)
Média: 250.638
Km/h – Average: 155.772 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 10 Litros
Sem o Turbo Tempo:
1 min. 41 seg. 70 cen. (1:41.7)
Média: 217.801
km/h – Average: 135.364 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 9 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 35 seg. 48 cen. (1:35.48)
Média: 231.881
Km/h – Average: 144.114 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 9 Voltas

 

Sem o Turbo Tempo:
1 min. 44 seg. 61 cen. (1:44.61)
Média: 211.643
Km/h- Average: 131.536 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 7 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 34 seg. 25 cen. (1:34.25)
Média: 234.907
Km/h- Average: 145,995 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 7 Litros

Essa pista é desafiadora e uma pista peculiar demais, Todos os carros tem um ponto positivo nessa pista. Sem o Turbo os carros Roxo e Azul são os melhores carros virando 3 segundos mais rápidos que os carros branco e Vermelho. Iisso por que o Carro Branco é um carro lento e o Vermelho tem uma aceleração lenta demais.

Com o Turbo a coisa muda, O carro vermelho atinge 70 km/h a mais de velocidade média em relação a uma corrida de 3 voltas sem usar o turbo, Mas o Gasto de combustível do Vermelho em ambos os casos é o mais elevado, O Carro Roxo com o Turbo  é 32 Km/h de média mais rápido do que com o carro sem o turbo. Agora uma coisa curiosa, O Carro Azul com o Turbo é menos potente do que o Carro Branco com o Turbo e não é uma coisa que vem só dessa pista não. Em algumas pistas o Carro azul tem um turbo que não alcança a velocidade média do Turbo do carro branco, Nesse teste o Carro Branco Ganhou apenas 14 Km/h de Média com o Turbo e o Carro Branco ganhou em relação ao Carro Branco Sem o Turbo 23 Km/h de média.

Em Relação ao Consumo o Carro branco é o que gasta menos com 7 Litros por 3 Voltas o que pode dar até em 8 voltas e meia por tanque, O Tanque do carro azul pode dar 6 voltas e meia por tanque, O Tanque do carro Roxo pode ter autonomia de 6 voltas por tanque. Agora o carro vermelho só pode andar 5 Voltas e meia, Com isso esse carro é o único carro que precisa de uma parada nos boxes. Os Outros carros dá para fazer a corrida sem trocas nos boxes.

Pista 3: Bordeaux

Bordeaux (França)

Sem o Turbo Tempo:
2 min. 00 seg. 9 dec. (2:00.9)
Média: 198.314
km/h Average: 123.152 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 15 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 43 seg. 8 dec. (1:43.8)
Média: 230.985
km/h Average: 143.441 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 15 Litros
Sem o Turbo Tempo:
1 min. 54 seg. 0 dec. (1:54.0)
Média: 210.320
km/h Average: 130.608 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 14 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 42 seg. 9 dec. (1:42.9)
Média: 232.891
km/h Average: 144.625 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 13 Litros
Sem o Turbo Tempo:
1 min. 53 seg. 5 dec. (1:53.5)
Média: 211.247
km/h Average: 131.184 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 12 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 51 seg. 2 dec. (1:51.2)
Média: 215.617
km/h Average: 133.893 Mph Gasto
Gasto do Tanque de Combustível:
12 Litros
Sem o Turbo Tempo:
1 min. 54 seg. 2 dec. (1:54.2)
Média: 209.948
km/h Average: 130.377 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 9 Litros
Com o Turbo Tempo:
1 min. 47 seg. 9 dec. (1:47.9)
Média: 222.207
km/h Average: 137.990 Mph
Gasto do Tanque de
Combustível: 10 Litros

Esse Teste mostra que em uma pista difícil como Bordeaux, os carros mais lentos, são os melhores para se andar, mesmo com o Poderoso Turbo dos carros Vermelho e Roxo, eles tem dificuldade de contornar as curvas, Os carros Azul e Branco são mais fáceis de contornar curvas, A Diferença que favorece ao carro azul é que o Carro azul tem possibilidade concerta de não precisar ir aos boxes para encher o tanque, isso devido ao seu baixo consumo de combustível, e numa pista como essa a diferença de velocidade entre o carro vermelho e o carro Branco é diminuída de forma considerável.

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Corridas Históricas: GP do Japão de 1989

Xkhczmdg

Grid de largada:

1 Ayrton Senna (McLaren/Honda) 1’38.041
2 Alain Prost (McLaren/Honda) 1’39.771
3 Gerhard Berger (Ferrari) 1’40.187
4 Nigel Mansell (Ferrari) 1’40.406
5 Riccardo Patrese (Williams/Renault) 1’40.936
6 Alessandro Nannini (Benetton/Ford) 1’41.103
7 Thierry Boutsen (Williams/Renault) 1’41.324
8 Philippe Alliot (Lola/Lamborghini) 1’41.336
9 Stefano Modena (Brabham/Judd) 1’41.458
10 Nicola Larini (Osella/Ford) 1’41.519
11 Nelson Piquet (Lotus/Judd) 1’41.802
12 Satoru Nakajima (Lotus/Judd) 1’41.988
13 Martin Brundle (Brabham/Judd) 1’42.182
14 Luis Perez-Sala (Minardi/Ford) 1’42.283
15 Alex Caffi (Dallara/Ford) 1’42.488
16 Andrea de Cesaris (Dallara/Ford) 1’42.581
17 Ivan Capelli (March/Judd) 1’42.672
18 Jean Alesi (Tyrrell/Ford) 1’42.709
19 Paolo Barilla (Minardi/Ford) 1’42.780
20 Mauricio Gugelmin (March/Judd) 1’42.880
21 Bernd Schneider (Zakspeed/Yamaha) 1’42.892
22 Emanuele Pirro (Benetton/Ford) 1’43.063
23 Olivier Grouillard (Ligier/Ford) 1’43.379
24 Eddie Cheever (Arrows/Ford) 1’43.511
25 Derek Warwick (Arrows/Ford) 1’43.599
26 Jonathan Palmer (Tyrrell/Ford) 1’43.757

Não Largaram:

René Arnoux (Ligier/Ford) 1’44.030
Michele Alboreto (Lola/Lamborghini) 1’44.063
Pierre-Henri Raphanel (Rial/Ford) 1’47.160
Bertrand Gachot (Rial/Ford) 1’47.295
Piercarlo Ghinzani (Osella/Ford) 1’44.313
Roberto Moreno (Coloni/Ford) 1’44.498
Stefan Johansson (Onyx/Ford) 1’44.582
Aguri Suzuki (Zakspeed/Yamaha) 1’44.780
Oscar Larrauri (Euro Brun/Judd) 1’45.446
J J Lehto (Onyx/Ford) 1’45.787
Gabriele Tarquini (AGS/Ford) 1’46.705
Yannick Dalmas (AGS/Ford) 1’48.306
Enrico Bertaggia (Coloni/Ford)

Em Decisão absurda Senna é Desclassificado, Prost é o Campeão de 1989 e Nannini conquista sua 1ªvitória na Formula 1

Suzuka, Japão. Mais uma vez a decisão do campeonato iria para lá e mais uma vez entre Senna e Prost dessa vez com a vantagem para Alain Prost que tinha 76 pontos, Mas já estava limitado pelos descartes e Ayrton Senna com 60 pontos que só poderia ser o campeão se conseguisse vencer as 2 últimas etapas do ano.

O Script do filme estava armado. Com os melhores carros a Mclaren dominou os treinos com Senna largando na pole position e Prost em 2º depois vindo as Ferrari de Berger e Mansell que tomaram 2 segundos das Mclaren na Classificação.

Bgcgg5lx

As Atenções estavam voltadas aos dois pilotos da Mclaren que acabaram por se desentender durante a temporada de 1989. Tanto que Alain Prost iria deixar a Mclaren e correr na Ferrari para 1990. Ambos estavam concentrados para largarem bem, mas na largada Prost pulou mais rápido que Senna e assumiu a ponta da corrida enquanto Senna se manteve na frente de Berger e assumia o 2ºlugar. Quem largou bem foi Alessandro Nannini que pulou de 6º para a 4º já quem perdeu posições foi Mansell que caiu de 4º para 6ºlugar. A Corrida acabou para as duas Minardi na primeira volta Paolo Barilla nem largou e Luis Perez-Sala se acidentou e abandonou a corrida.

Prost logo de inicio impõe ritmo fortíssimo tentando fazer Senna cair em sua armadilha, Senna já ciente disso não adotou essa estratégia de perseguir Prost no começo da corrida.

A Classificação após a primeira volta era: Prost (1:49.369), Senna (a 1.401), Berger (a 2.793), Nannini (a 3.834), Patrese (a 4.917) e Mansell (a 5.393). Na Segunda volta Bernd Schneider com a Zakspeed-Yamaha acabou fora da corrida com problemas de Câmbio (Seria a última vez que a Zakspeed participaria de um Grande Prêmio).

Prost estava impondo um ritmo de corrida fortíssimo fora da principal característica do Francês que era o rei da estratégia. O piloto que mais poupa o carro, Já Senna Andava no ritmo normal. Mansell passou Patrese antes de acabar a 2ªvolta da corrida e assumia o 5ºlugar e agora Mansell partiria pra cima de Nannini na briga pelo 4ºlugar.

Genhcyhu

Prost continuava seu ritmo fortíssimo, Mas Senna não se preocupava em ter o mesmo ritmo de Prost no começo da corrida, procurando poupar o seu carro e atacar na hora certa. Classificação após 5 voltas: Prost (8:55.296), Senna (a 3.815), Berger (a 6.219), Nannini (a 9.635), Mansell (a 12.831) e Patrese (16.242).

Senna já abria 2 segundos na frente de Berger sem ter problemas de se poupar no começo ao contraio de Prost que continuava seu ritmo forte. Lá atrás Nakajima tentava recuperar terreno após ter tido uma largada ruim. Prost fazia a melhor volta da corrida na volta 7 com 1:45.827 – Média de 199.310 km/h (123.845 Mph) Prost tinha 4.5 segundo na frente de Senna, Mas já começava a sentir o maior desgaste de pneus e logo Senna começaria a andar melhor do que Prost.

Na Volta 9 a Classificação era : Prost, Senna, Berger, Nannini, Mansell, Patrese, Boutsen, Alliot, Modena e Piquet.

Na Volta 9 Senna é finalmente mais rápido que Alain Prost. Era a partir daí que Senna começava a sua luta pela vitória. Alesi e Pirro acabaram por se enroscar no grampo e Nakajima ganhou as posições dos dois.

Na Volta 11 Prost e Senna fizeram 1:45.7 mas foi Prost que fez a volta mais rápida com 1:45.722 – Média: 199.508 km/h (123.968 Mph) a Vantagem de Prost era de 5 segundos sobre Senna, Berger estava longe já de Senna. Na volta 12 Senna fazia a melhor volta da corrida 1:45.359 passando dos 200 km de média horária (200.195 km/h).

Senna tentava se aproximar de Prost mas só conseguia tirar 1 décimo por volta. Mas Prost na volta 14 respondia fazendo a melhor volta da corrida 1:45.200 – Média de 200.498 Km/h (124.583 Mph) com isso a diferença deles era de 5 segundos, Berger estava a 12 segundos de Senna e consequentemente a 17 de Prost depois vinha Nannini e Mansell brigando pelo 4ºlugar. Na Volta 15 Senna deu o troco pra cima de Prost. 1:44.960 (200.956 km/h).

Logo Começaria a rodada de paradas para os boxes, Alliot passou reto depois da Degner. Senna na volta 17 tirava 6 décimos de Prost fazendo a diferença cair para 3.8 segundos. Na Volta 18 Mansell fazia sua troca de pneus.

Depois de 17 voltas completadas a classificação era: Prost (30:03.892), Senna (a 3.878), Berger (a 20.332), Nannini (a 24.766), Mansell (a 27.428) e Patrese (a 37.099)

As Mclaren começariam a ter tráfego de retardatários e Prost na volta 18 foi 7 décimos mais rápido do que Senna fazendo a vantagem voltar a casa dos 4 segundos. Prost começava a pegar os retardatários e eram logo três: Alesi, Chevver e Grouillard, E Prost acabou se complicou na ultrapassagem e com isso Senna diminuiu a diferença de 4.6 para 3.1 ao termino da volta 19. Senna também não deu sorte para passar os retardatários. Com isso na volta 20 Senna estava 4.3 segundos atrás de Prost. Na 20ªVolta Alessandro Nannini faz sua parada nos boxes.

Na volta 21 Alain Prost iria para os boxes para fazer a sua primeira troca, Um pit muito rápido que durou 7 segundos e 86 Centésimos. Senna assumia a liderança que era até esperado sendo que Senna não gastou tanto os pneus do que Prost que continuava a passar os retardatários como as duas Dallaras de Caffi e De Cesaris.

Boutsen e Alliot na volta 23 pararam para tocar os seus pneus, ao Final da volta 23 Senna foi para os boxes trocar seus pneus a Mclaren não trabalhou tão bem assim, o tempo foi 9.89 segundos perderam 2 segundos e 3 centésimos. A Classificação da corrida era após 24 voltas: Prost (42:47.274), Senna (4.673) , Berger (24.705), Nannini (28.542) , Mansell (29.617) e Patrese (32.490) . Piquet era o 7ºlugar e ainda não fez a sua primeira parada nos boxes.

Lzi8jvdq

Jonathan Palmer com a Tyrrell e Nicola Larini com a Osella abandonaram a corrida com 20 e 21 voltas respectivamente. (Palmer por problemas na Bomba de combustível e Larini com problemas nos freios)

Senna começava a se aproximar de Prost, sentindo que a hora de atacar Prost era agora. Patrese Trocou os pneus e com isso Nelson Piquet estava em 6ºlugar. Já estávamos na metade da corrida. A volta 25 de Ayrton Senna era a melhor volta da corrida com 1:43.904(202.998 km/h) chegando a 126 mph.

Prost e Senna negociam ultrapassagens sobre os retardatários. Senna fazia a volta mais rápida de novo com 1:43.496 (203.799 km/h) e Diminuía a distância para 3 segundos atrás de Alain Prost e acabou se livrando mais rápido de Warwick e Gugelmin que estavam tomando uma volta de Prost e Senna. Era a primeira vez que Senna começava a se aproximar de vez de Prost para a batalha.

Já Brundle não facilitou para nenhum dos dois (nem Prost, nem Senna tiveram facilidades para passar o Inglês) Na volta 29 Senna virava 2 décimos mais rápido que Prost e continuava a cair a diferença de Prost para Senna. Capelli com a sua March acabou sendo o 6ºpiloto a deixar a corrida com problemas de Suspensão. Na 30 voltas Modena foi o retardatário para ser passado, Ddessa vez nenhum dos dois teve problema e Senna virava 7 décimos mais rápido que Prost e a diferença caia para 2 segundos. Alesi era o retardatário na volta 31, Dessa vez Alesi atrapalha Senna, Mas assim mesmo Senna foi mais rápido que Prost e a diferença dele estava em 1.7 segundos.

Qxolcnaf

Motor de Grouillard na volta 31 pediu Água (quebrou) e abandonou a corrida. Piquet finalmente faz sua troca de pneus, foi o último dos pilotos a parar nos boxes para uma primeira troca. Classificação após 31 voltas: Prost (55:00.179), Senna (a 1.758), Berger (a 28.641), Nannini (a 36.006), Mansell (a 41.877) e Patrese (a 1:07.293).

Prost na volta 32 Consegue ser mais rápido nos centésimos do que Senna. Na Volta 33 Senna comete um erro e acabou e perdeu meio segundo e com isso a vantagem subiu para 2.2 segundos. Nelson Piquet na volta 34 começava a ser alvo de Prost e Senna para ser ultrapassado para levar uma volta dos dois pilotos da Mclaren.

Piquet abriu para Prost passar, Mas Senna teve dificuldade e com isso perdeu tempo e a diferença voltou a estar a casa dos 3 segundos a favor de Prost. Berger com problemas de câmbio abandonou a corrida e com isso Nannini assumiu o 3ºlugar da corrida com Mansell em 4º e Patrese e Boutsen em 5º e 6ºlugar. E Pirro e De Cesaris acabaram se chocando no hairpin e tudo foi culpa do Pirro que se chocou com De Cesaris que defendia sua posição de forma correta.

Senna tentava buscar de novo Prost e precisava ser rápido, O tempo estava acabando ou melhor as voltas estavam acabando (faltavam 16 voltas para o final), para Senna era agora ou nunca, para Prost era só se manter na frente que o Título era dele. Classificação após 36 Voltas: Prost (1:03.40.057), Senna (a 3.337), Nannini (a 46.947), Mansell (a 51.025), Patrese (a 1:17.159) e Boutsen (a 1:23.574).

Na Volta 37 Senna faz a volta mais rápida com 1:43.300 – Média de 204.185 km/h (126.875 Mph), Alliot quebra o motor Lamborghini na volta 36 e deixa a corrida após boa corrida. Jean Alesi também deixa a corrida com problemas de Câmbio. E a briga entre Prost e Senna. Nannini em Terceiro lugar estava a mais de 30 segundos atrás de Senna, mas com o Terceiro lugar administrável. 1:43.025 Senna faz a melhor volta da corrida na volta 38 e baixa a diferença para 2 segundos.

Na Volta 39 Senna baixa a diferença para 1.7 segundos. Enquanto isso Mansell fuma na Pista e com isso Mansell deveria abandonar a corrida, Mas o leão continuava na corrida achando que ainda dava para prosseguir.

No final da volta 40 Prost perde muito tempo atrás da Arrows e acaba Senna se aproximando definitivamente pra cima de Alain Prost e ambos iriam travar a batalha final em Suzuka. O Francês para matar o campeonato a favor dele enquanto Senna tenta levar o título para Adelaide. Nakajima na volta 39 deixou a corrida. (Seu motor Judd não aguentou o tranco da corrida) Mansell depois de muitas voltas fumando acabou parando com problemas com Problemas de Motor o V12 da Ferrari também não aguentou até o final, nisso Nannini se firmava em 3ºlugar que era o máximo que ele poderia conseguir com Prost e Senna na pista.

Yl8gi3mr

Senna buscava a Ultrapassagem, Mas Prost acabava Saindo mais forte na aceleração do que Senna. Nisso dava pra ver que Na reta não iria acontecer a ultrapassagem e que teria que ser numa curva e foi justamente na volta 45 em que Senna subindo a grande reta foi com ação em cima de Prost e quando Senna buscou a ultrapassagem pra cima de Prost na chicane o francês Alain Marie Pascal Prost Teve seu momento mais negro da sua carreira na Formula 1. O francês jogou o carro pra cima de Ayrton Senna, os dois batem, e ficam parados.

Z6ysjybe

Com isso o título era de Prost que estava satisfeito e deixava o carro por aí abandonando a corrida. Já Senna queria voltar e pediu para ser empurrado, com a ajuda necessária dos fiscais de pista acabou voltando ele foi conduzido para fora da Chicane e voltou a corrida com a Asa dianteira quebrada.

5pjuvhhf

Senna ele precisava ir aos boxes para trocar a Asa, mas sem ir rápido Senna acaba quebrando o bico e na Curva Degner passa reto. consegue voltar a pista e vai para os boxes. Nannini que tinha um terceiro lugar garantido e satisfeito por subir ao pódio acabou vendo a chance de vencer pela primeira vez na Formula 1. Nannini Passa depois de Senna ter de ir aos boxes tocar o bico dianteiro. Senna volta longe de Nannini e com 5 voltas para o final.

Nannini tinha uma boa distância sobre Senna e parecia que mesmo com Prost fora o Título ficaria com o Francês, Mas o problema de Prost e de Nannini era que tinha ainda Ayrton Senna na corrida.

Senna foi nas ultimas 5 voltas alucinado em cima de Nannini e mesmo com a suspensão danificada Senna tirava diferença sobre Nannini, na volta 49 a diferença era de 4.6 segundos e na volta 50 Senna se aproximava do jovem Italiano de uma forma impressionante, enquanto isso os comissários e os fiscais e homens da FIA estavam na Torre para avaliar se tinha ou não punição para Senna.

A 3 Voltas para o final da corrida Nannini na frente com Senna na sua cola, Nannini lutava pela primeira vitória na carreira e Senna lutava para vencer a corrida e levar o título para a Austrália. E a menos de 2 voltas para o final Senna passa Nannini na chicane, dessa vez sem incidente restando 2 voltas para o final Senna tinha passado Nannini de forma dramática e emocionante. E Nessas horas é que só mesmo Senna para conseguir isso.

Fplxcoit

Na pista Senna completou as duas últimas voltas na liderança e acabou cruzando na frente, numa das corridas mais emocionantes da história da Formula 1, Senna fez uma das maiores corridas em que um piloto poderia fazer na história de 39 anos de Formula 1 (67 nos dias de Hoje).

Com isso Senna levava a Disputa do título para a Austrália, Mas minutos depois os comissários de prova desclassificam Senna e deram a vitória a Alessandro Nannini. Com isso Prost conquistava o Tricampeonato. Balestre depois de um tempo ele confessava que acabou mandando punir Senna para dar o título para Prost.

Senna e a Mclaren criticaram de forma muito forte a Balestre. Com isso Balestre chegou a dar uma punição de 6 meses sem correr e de 100 mil dólares. E ainda ameaçou Tirar a Mclaren da Formula e de cassar a Superlicença de Senna caso Ron Dennis e Senna não se retratassem das palavras que eles falaram ao presidente da FISA (FIA).

O Caso é que Prost em seu momento mais sujo de sua carreira fantástica chegava ao seu tricampeonato e levava o número 1 para a Ferrari. Mas essa manobra teria uma consequência no ano seguinte. Senna não esqueceria jamais essa derrota política e iria querer a vingança. Nannini comemorava a sua primeira vitória da Carreira (Que acabaria sendo a única da carreira) Junto de Patrese e de Boutsen. Piquet que fez grande corrida com a Carroça da lotus-Judd em 4º, Brundle em 5º e Warwick em 6º Completaram a zona de pontuação.

Resultado final do GP do Japão de 1989

Fotos:

Vídeo da corrida: Motor Sports

Fonte das Fotos: Bestlap, Formel1mic

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Apresentações de 2013: Sauber

Veja a apresentação do carro da Sauber (C32) que vinha em uma grande expectativa para essa temporada, Que acabou sendo frustada devido aos Problemas Financeiros e um carro abaixo da Média não deixaram o time fazer uma campanha tão boa com em 2012. O que salvou foi o grande desempenho de Nico Hulkenberg que andou muito em 2013. A equipe terá em 2014 Adrian Sutil e Esteban Gutierrez.

Veja essa apresentação: São 13 minutos de duração.

Mclaren MP4-28 vídeo do lançamento do carro de 2013

A Mclaren anunciou que seu carro será lançado no dia 24 de janeiro, então para começar a por você no clima da Formula 1 em 2014 vamos reviver os lançamentos dos carros da Temporada passada, já começamos com a Mercedes e agora vamos para a Mclaren, o MP4-28 não deixa saudades para Woking, pois foi um projeto novo e que se mostrou desastroso para o time que lutou a duras penas para terminar o ano em 5ºlugar no mundial de construtores e pela primeira vez desde de 1980 eles não subiram ao pódio.

Veja o Vídeo do Lançamento do ano passado e já imagine como será o desse ano:

Fontes das fotos : Formel1mic, Bestlap

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Patrocínio:
planatina_projeto_gif

Review de Apresentações – Mercedes 2013

Começando esse especial já para vocês se aclimatarem com as apresentações dos carros de Formula 1 da temporada de 2014 temos aqui a equipe Mercedes que lançou seu carro W04 que permitiu a equipe fazer seu melhor campeonato na Formula 1 obtendo 3 vitórias e o vice-campeonato do mundial de construtores. Foi a primeira temporada de Lewis Hamilton na Equipe Alemã. A Mercedes Vai lançar seu novo carro para a Temporada de 2014 no dia 28 de Janeiro. No primeiro dia de testes da Formula 1 em Jerez de la Fronteira.

Patrocínio:
planatina_projeto_gif

Corridas Históricas: GP de San Marino de 1986

Bbxkpkyx

Grid de largada:

1 Ayrton Senna (Lotus/Renault) 1’25.050
2 Nelson Piquet (Williams/Honda) 1’25.569
3 Nigel Mansell (Williams/Honda) 1’26.159
4 Alain Prost (McLaren/TAG) 1’26.176
5 Michele Alboreto (Ferrari) 1’26.263
6 Keke Rosberg (McLaren/TAG) 1’26.385
7 Stefan Johansson (Ferrari) 1’27.009
8 René Arnoux (Ligier/Renault) 1’27.403
9 Gerhard Berger (Benetton/BMW) 1’27.444
10 Teo Fabi (Benetton/BMW) 1’27.538
11 Patrick Tambay (Lola/Hart) 1’27.860
12 Thierry Boutsen (Arrows/BMW) 1’28.022
13 Martin Brundle (Tyrrell/Renault) 1’28.329
14 Jacques Laffite (Ligier/Renault) 1’28.389
15 Marc Surer (Arrows/BMW) 1’28.637
16 Riccardo Patrese (Brabham/BMW) 1’28.828
17 Johnny Dumfries (Lotus/Renault) 1’29.244
18 Alessandro Nannini (Minardi/Motori Moderni) 1’29.244
19 Elio de Angelis (Brabham/BMW) 1’29.713
20 Jonathan Palmer (Zakspeed) 1’30.024
21 Alan Jones (Lola/Ford) 1’30.087
22 Philippe Streiff (Tyrrell/Renault) 1’30.123
23 Andrea de Cesaris (Minardi/Motori Moderni) 1’30.131
24 Huub Rothengatter (Zakspeed) 1’31.953
25 Christian Danner (Osella/Alfa Romeo) 1’33.806
26 Piercarlo Ghinzani (Osella/Alfa Romeo) 1’34.461

7updpyfo

Prost Com inteligência e Sorte vence corrida da Pane Seca em Imola

Imola é sem dúvida nenhuma uma corrida de Resistência e de como você usa o seu combustível, isso Alain Prost levou ao pé da letra para vencer o GP de San Marino, que o recolocou na briga pelo titulo.

Senna pela Terceira vez no ano largaria da pole position, com Nelson Piquet em segundo, Na Segunda Fila Nigel Mansell e Alain Prost, e para a Alegria da Ferrari, O ídolo dos tifosis, Michele Alboreto largava em 5º com Rosberg em 6º.

A pista de imola tinha um grande agravante: O Consumo de combustível que era muito alto, que obrigava os pilotos a economizarem o combustível para terminarem a corrida.

Na Largada Senna larga bem, manteve a ponta da corrida, Mas Piquet logo na 3ªCurva já assume a liderança da Corrida, Rosberg largou bem e foi de 6º para 4ºlugar, Alessandro Nannini acabou batendo nas primeiras curvas e abandonou a corrida logo na primeira volta, Mansell caia de 3º para 5º e era muito pressionado por Michele Alboreto.

Cklv6kck

Piquet disparava na Frente, enquanto Senna segurava as Mclarens de Prost e Rosberg que vinham bem mais rápida que a Lotus de Ayrton Senna, Alboreto já vinha na 5ªposição. Na Volta 5 Senna foi ultrapassado por prost e logo depois pelo Rosberg, e caia para o 4ºlugar.

Enquanto isso Mansell enfrentava problemas em seu Carro e ficou muito tempo parado nos boxes, perdendo várias posições. Mas Rosberg queria mais e tentar passar seu companheiro de Equipe, Alain Prost. O Finlandês que era pé de chumbo tentou por fora, Mas não teve chance de fazer a ultrapassagem. Senna continuava por perto, acompanhando as Duas Mclarens. Logo Depois vinha Alboreto em 5ºlugar e Rene Arnoux em 6º, depois vinham Johansson com a Outra Ferrari, Berger e Fabi. Tambay abandonou a corrida na volta 6ª Com problemas no motor. E a briga pelo 7ºlugar era acirrada entre Teo Fabi que passou Johansson e assumia o 7ºlugar, Mas a disputa não estava decidida, Berger por perto nessa Briga.

Vk0lghi3

Na Volta 7, Continuava Rosberg já estava em 2ºlugar com Prost em 3º. Mansell continuava nos Boxes, Com a corrida dele definitivamente comprometida. Após Sete Voltas a Classificação era a Seguinte: Piquet, Rosberg, Prost, Senna, Alboreto, Arnoux, Fabi, Johansson e Berger. Rothengatter deixava a corrida com problemas no Turbo do motor Zakspeed. (E ainda falam que o motor Zakspeed era Turbo, era uma piada)

Johnny Dumfries foi para os boxes fazer uma troca de Pneus, mas se descobria problemas no Rolamento da Roda de Dumfries, e ele teve que parar, Classificação após 8 Voltas: Piquet 12:22.769, Rosberg a 6.045, Prost a 6.570, Senna a 7.864, Alboreto a 10.242 e Arnoux a 16.826. Quem aparecia bem na Corrida era Alboreto que acabava abandonando as duas primeiras corridas do Campeonato e precisava de um bom resultado para mostrar ao Seu torcedor que a Velha e boa forma não tinha acabado.

E Segue na volta 11 as duas Mclarens juntas tentando tirar a diferença para Nelson Piquet que estava desse da reta da Tamburelo na Liderança, Classificação Após 10 Voltas: Piquet 15.26.998, Rosberg a 5.974, Prost a 6.690, Senna a 8.502, Alboreto a 11.398 e Arnoux a 20.561, Mas para Senna a corrida iria acabar na volta 11, O Rolamento da Roda quebrou e ele teve que parar, nos Carros da Lotus teve o mesmo problema.

4o7rpshc

E Depois de muitos problemas Mansell também abandonava a corrida, seu motor explodiu. Arnoux fez a sua troca de Pneus na volta 13, que estava já programada. O que não estava programado pela Ligier era a Quebra da Transmissão de Jacques Laffite que deixou a prova na volta 15. E As Mclarens enquanto isso estava acabando com a vantagem que Piquet tinha sobre Rosberg e Prost, se demonstrava que a Mclaren tinha mais carro que a Williams.

Elio de Angelis também fazia sua parada nos boxes uma Troca mediana de 10 segundos. Jones também tinha problemas em seu carro, mas ele conseguiu voltar a corrida, Alan Jones que Estreava o Motor Ford TEC V6. (que era o motor Turbo da Cosworth) Piquet, Rosberg, Prost e Alboreto Começavam a pegar os primeiros retardatários na corrida. Rosberg fazia a melhor volta da Corrida na volta 17, 1:31.156, Media de quase 200 km/h e Rosberg e Prost chegavam mais vez mais perto de Piquet, a menos de 2 segundos atrás. Classificação após 18 Voltas: Piquet, Rosberg, Prost, Alboreto, Fabi, Berger, Johansson, Patrese e Arnoux.

Já estávamos na 21ªVolta. Quando Elio de Angelis abandonava a corrida com problemas no motor da Brabham, Após 21 Voltas a Classificação era a Seguinte: Piquet 30:54.225, Rosberg a 1.237, Prost a 1.956, Alboreto a 9.839, Berger a 30.725, e Fabi a 32.296. Definitivamente Rosberg vinha para cima de Piquet e levando com ele Alain Prost, mas estava um pouco longe, seguindo a três segundos atrás, Johansson Fez a sua parada nos boxes.

Na Volta seguinte Berger também fazia sua troca de seus pneus. Isso tudo com 24 voltas completadas. e Piquet responde a Rosberg fazendo a melhor volta da corrida: 1:30.720, Média de exatamente 200 Km/h (124.274 Mph). Mas Rosberg ainda estava na sua cola. A Equipe Williams já estava avisando nas placas sobre os pneus, era mostra de que Piquet iria parar e deixar a ponta para Rosberg e Prost.

Na Volta 26, Thierry Boutsen também fez a parada de troca de Pneus. 17 pilotos ainda estavam na corrida. Na Volta 27 Alboreto entra nos boxes para a sua troca de pneus, e volta depois de um bom trabalho da Ferrari, 8.44 Segundos. Classificação Após 26 Voltas era essa: Piquet, Rosberg, Prost, Alboreto, Berger, Arnoux, Fabi, Patrese e Surer, os 9 primeiros colocados.

A corrida estava chegando a sua metade, e a briga Piquet x Rosberg continuava, Mas a Williams já estava pronta para Piquet trocar seus pneus, De Cesaris Deixava a corrida, seu motor Motori Moderni explodiu, Piquet passou direto dos boxes, ficaria mais uma volta, na pista, enquanto isso Johansson tomava volta dos três primeiros colocados, que estava mais juntos que nunca, Streiff trocava seus pneus na volta 28. Após 27 Voltas a Classificação era a Seguinte: Piquet 41.33.255, Rosberg a 0.591, Prost a 1.862, Alboreto 43.794, Berger 44.373 e Arnoux a 1:09.625. E na volta 29 Piquet foi para os Boxes, uma parada não muito Rápida, 13.29 segundos Piquet volta a pista na 3ªposição. Rosberg agora estava na ponta com Prost em 2º. A Mclaren dominava a corrida na metade da corrida. Na volta 30 Prost partiu para a sua parada nos boxes, e voltou a corrida depois de uma bela troca de 9 segundos para a Mclaren. Rosberg agora era o Líder sem ninguém para incomodar.

Estava livre para Fazer voltas mais rápidas, mas Prost tinha pneus mais novos, e poderia depois da Troca de Rosberg voltar na Frente do seu companheiro Finlandês. Piquet estava em 3ºlugar, acabou perdendo posição para Prost Após 30 Voltas a Classificação era assim: Rosberg, Prost, Piquet, Alboreto, Berger, Arnoux, Fabi, Patrese, Johansson.

Completada a metade da corrida Rosberg mostrava total descaso com o consumo de combustível, ele queria mais era andar na pista. Prost e Piquet estavam já começando a poupar combustível. Rosberg foi aos Boxes fazer sua troca de pneus, Mas Demora muito tempo, quase 15 segundos, e Prost assumia pela primeira vez a ponta da corrida, Rosberg era o Segundo e Piquet o Terceiro, Mas Alboreto vinha perto de Piquet. Alan Jones abandonava a corrida com problemas se Superaquecimento de seu Lola-Ford que fez a estreia do motor Ford TEC V6 turbo.

Rosberg tentava recuperar o Prejuízo e iria pra cima de Prost, Piquet estava mais lento que Prost e Rosberg, parecia não se preocupar com nada disso, Mas era claro que ele estava deixando pra andas mais no final da corrida. Alboreto fazia brilhante corrida e estava em 4º. Depois disso vinham Arnoux, Patrese em 6º com a Brabham BT55 fazendo a primeira boa apresentação na temporada, Berger, Fabi e Johansson em 9º que já iria tomar uma volta de Alain Prost, isso com 36 Voltas completadas. Christian Danner também deixava a corrida com a Osella-Alfa Romeo com problemas Eletricos, Fabi e Berger faziam uma briga caseira pelo 7ºlugar.

Xlo6niyj

Estávamos chegando ao terço final de corrida, Hora de quem economizou, mostraria ao que veio quem andou demais da conta teria que andar mais devagar para Chegar ao Final. Fabi, Berger e Johansson se juntam para Brigar pelo 7ºlugar, uma briga que vinha desde começo da corrida. Arnoux e Patresse estavam sendo os dois melhores do Segundo pelotão. Arnoux que mostrava a boa frase da ligier e Patrese com a Brabham que começava a dar sinais de que o BT55 poderia trazer bons resultados na temporada 86. Na Volta 41 Fabi teve problemas de Motor e abandonou a corrida, ele tinha bem colocado na 7ªposição.

Na Mesma volta, Prost fez a melhor volta da corrida com 1:29.464, Chegando perto dos 203 km/h. Também fim de corrida para Jonathan Palmer, sua Zakspeed demonstrava problemas no Freio. Eram apenas 13 carros na corrida, e iria diminuir para 12, já que Phillipe Streiff abandonaria a corrida com problemas de Transmissão. Ghinzani iria aos Boxes fazer uma parada de troca de Pneus. Alboreto chegava em cima de Piquet. Que mostrava não estar em um grande ritmo ou apenas poupando combustível para o Final da corrida. Italiano Alboreto estava muito bem. Demonstrando aos torcedores que nunca faltou por parte dele desempenho que faltava desempenho era do carro mesmo, que era muito ruim.

Gjoehqj8

Restando 15 voltas para o Final da corrida Começaria a mostrar o verdadeiro desempenho de Piquet na Corrida, já que Rosberg começava a mostrar que estava sem combustível e teve de tirar o pé. Tanto que Alboreto ficou um pouco mais longe de Piquet. Classificação após 45 Voltas: Prost, Rosberg, Piquet, Alboreto, Arnoux, Patrese, Johansson, Berger e Boutsen, Brundle, Danner e Ghinzani esta os outros 3 que continuavam a corrida, e Arnoux deixava a corrida com problemas em uma das rodas do seu carro, com isso deixando a corrida quando vinha num consistente 5ºlugar com sua Ligier.

Só 11 pilotos estavam ainda na corrida, e imagina que ainda tinha o problema de combustível, Que poderia deixar mais alguns sem combustível. Classificação após 48 voltas era essa: Prost 1:13.45.613, Rosberg a 20.960, Piquet a 35.728, Alboreto a 37.197, Patrese a 1:28.362 e Johansson a 1 Volta, Estávamos na volta 49 já. Restando 11 voltas para o Final e só tinhamos 11 carros na pista.

Restando menos de 10 voltas para o Final Piquet aperta o ritmo de corrida pra cima de Rosberg que começava a ter problemas no consumo. Na Volta 51 a classificação era: Prost, Rosberg, Piquet, Alboreto, Patrese, Johansson, Berger, Boutsen, Surer e Brundle, os 10 primeiros colocados. Com o final da corrida vinha também a Dúvida: quem poupou e quem tem que poupar para terminar a corrida?

Vsyuf3n3

E aos poucos era lógico que Piquet poupou para atacar Rosberg e Prost no final da corrida, Chegávamos nas 5 voltas finais. Johansson e Berger brigavam por uma importante 6ºposição, quando encontrou retardatários, Berger passou Johansson, Mas depois Berger errou o ponto para passar um retardatário e por pouco não voltou ao 7ºlugar.

Alboreto a 4 voltas do Final da corrida tinha problemas com o turbo da Ferrari e abandonou a corrida depois de uma grande demora nos boxes. Piquet se aproximava rapidamente em cima de Rosberg, era inevitável que Piquet iria para o Segundo lugar, até que a 2 voltas para o Final da corrida Rosberg iria parando, mostras de quem não controlou bem o consumo do carro e considerando a corrida. Patrese que iria para um brilhante 3ºlugar acabou parando também por pane seca e abandonando a corrida.

Ua0invqk

Prost se encaminhava para a volta final já administrando a corrida, tinha uma semana na frente de Piquet, Mas a 3 Curvas do Final seu carro para, A torcida fica de pé, O Francês tenta balançar o carro, conseguindo um embalo, Esse embalo foi o bastante para Cruzar a bandeira de chegada, vencer a corrida e parar o carro, sem combustível (depois descobriram que o motor engasgou, não foi falta de combustível, pois tinha 8 litros ainda no tanque). Nelson Piquet completou em 2ºlugar. Se recuperando do abandono em Jerez de la Fronteira.

Gerhard Berger iria ao pódio pela primeira vez, na 3ªposição. Johansson marcava os primeiros pontos da Ferrari no ano. Rosberg e Patrese tiveram pane seca, Mas acabaram nos pontos, em 5º e em 6ºlugares respectivamente. Prost vencia pela 22ªVez em sua carreira. E Voltava a disputa do Titulo com 13 pontos, contra 15 de Senna e Piquet que ainda saíram como líderes do campeonato.

H4u5ikpl

Resultado completo da corrida

Fotos:

Vídeo da corrida:

Fotos: Formel1mic, Bestlap
Texto: Deivison da Conceição da Silva
Vídeo: Chad Matejec

Corridas Histórias: GP do Brasil de 1986

Grid de Largada:

Ayrton Senna 12 (Lotus Renault) 1’25″501 – 211,829 Km/h
Nelson Piquet 6 (Williams Honda) 1:26.266 – 209.951 Km/h
Nigel Mansell 5 (Williams Honda) 1:26.749 – 208.782 Km/h
René Arnoux 25 (Ligier Renault) 1:27.133 – 207.862 Km/h
Jacques Laffite 26 (Ligier Renault) 1:27.190 – 207.726 Km/h
Michele Alboreto 27 (Ferrari) 1:27.485 – 207.025 Km/h
Keke Rosberg 2 (Mclaren Porsche) 1:27.705 – 206.506 Km/h
Stefan Johansson 28 (Ferrari) 1:27.711 – 206.492 Km/h
Alain Prost 1 (Mclaren Porsche) 1:28.099 – 205.582 Km/h
Riccardo Patrese 7 (Brabham BMW) 1:29.294 – 202.831 Km/h
Johnny Dumfries 11 (Lotus Renault) 1:29.503 – 202.357 Km/h
Teo Fabi 19 (Benetton BMW) 1:29.748 – 201.805 Km/h
Patrick Tambay 16 (Lola Hart) 1:30.594 – 199.921 Km/h
Elio De Angelis 8 (Brabham BMW) 1:31.074 – 198.867 Km/h
Thierry Boutsen 18 (Arrows BMW) 1:31.244 – 198.496 Km/h
Gerhard Berger 20 (Benetton BMW) 1:31.313 – 198.346 Km/h
Martin Brundle 3 (Tyrrell Renault) 1:32.009 – 196.846 Km/h
Philippe Streiff 4 (Tyrrell Renault) 1:32.388 – 196.038 Km/h
Alan Jones 15 (Lola Hart) 1:33.236 – 194.255 Km/h
Marc Surer 17 (Arrows BMW) 1:33.781 – 193.127 Km/h
Jonathan Palmer 14 (Zakspeed) 1:33.784 – 193.120 Km/h
Andrea De Cesaris 23 (Minardi Motori Moderni) 1:34.646 – 191.361 Km/h
Piercarlo Ghinzani 21 (Osella Alfa Romeo) 1:35.988 – 188.686 Km/h
Christian Danner 22 (Osella Alfa Romeo) 1:36.558 – 187.572 Km/h
Alessandro Nannini 24 (Minardi Motori Moderni) 1:37.466 – 185.825 Km/h

Em Dia de Festa – Piquet vence com Senna em Segundo em Jacarepaguá

Dobradinha Brasileira Em Jacarepaguá, na primeira corrida do Mundial de 1986. Nelson Piquet e Ayrton Senna fizeram a festa para o público que veio para Jacarepaguá. Na Largada Senna e Mansell na primeira Fila, Senna na largada manteve a ponta seguido de Mansell e de Piquet um pouco mais longe. Na Reta Oposta Mansell atacou Senna, mas o Brasileiro com sua Lotus Renault acabou jogando o leão para fora da pista e o mesmo acaba indo para o muro e abandonando a corrida logo na primeira volta.

Já para os Brasileiros acabou sendo uma festa em ver Senna em primeiro e Piquet em Segundo, uma verdadeira festa brasileira. Senna se Segurava como podia do ataques de Piquet, mas até que na terceira volta Piquet ultrapassou Senna e assumiu a liderança da Corrida. Senna ficava em 2º e Alboreto e Arnoux ficavam em 3º e 4º. Prost vinha num modesto 9ºLugar, mas ele começava a sua corrida de Reação, ultrapassando primeiro Patrese e depois Laffite além de ter ganhado a posição de Rosberg que abandonava a corrida, Alan Jones também abandonaria a corrida, Teo Fabi teve que ir aos Boxes com problemas no motor, provando que a corrida iria exigir demais de motores e pilotos.

Piquet começava a fugir na Frente e aumentava a vantagem volta a Volta, Senna estava em 2º mantendo vantagem para Alboreto. Enquanto lá atrás Prost dava um Show ao ultrapassar Johansson e Arnoux, nessa altura em 13 Voltas ele já estava na 4ªPosição e querendo se aproximar de Alboreto com a Ferrari em 3º Enquanto isso Piquet e Senna começavam a ter o incomodo dos retardatários , Prost brigava com Alboreto pelo 3ºLugar, na primeira tentativa Alboreto Fechou a porta no Final da Reta oposta, mas na volta seguinte Prost conseguiu passar o piloto da Ferrari e assumiu a terceira posição e foi a busca de Senna. Na Volta 17, Nelson Piquet Foi fazer sua primeira parada.

Alboreto também veio para a sua primeira parada. Na Volta de número 19 Senna teve Prost logo atrás dele para tentar a ultrapassagem em cima do Brasileiro para assumir a Liderança da Corrida com Senna em Segundo, mas 2 Voltas depois Senna foi para a primeira parada, voltando em 5º. Prost Tentava fazer uma única parada, mas Piquet estava tirando vantagem em cima de Prost. Logo depois de algumas voltas Piquet ultrapassou Prost que já acusava problemas no seu carro que vinham muito além dos pneus. Senna estava em 3º Longe de Piquet e Prost, Arnoux e Laffite com a tática de 1 parada assumiram a 4ª e 5ª Posições. Na Volta 23 Patrese e Palmer abandonariam a corrida, voltas atrás Elio de Angelis tinha problemas na sua Roda que fugiu e fez perder muito tempo.

Na Volta 29 A Ferrari de Johansson atolava na areia depois da Reta oposta com problemas de Freio, Tambay que fazia boa corrida também abandonava a corrida. Prost fez sua parada na volta 29, e Senna voltava a segunda posição. 30 Voltas completadas: Piquet sobrando na Frente com Senna em 2º, Prost em 3º, Arnoux e Laffite com as Ligiers em 4º e 5º e Brundle com a boa e Velha Tyrrell em 6º.

Na Volta seguinte Laffite Fazia sua única parada. Nesse momento da corrida só havia 13 carros na corrida, Prost iria para os boxes com problemas no Motor Porsche no seu carro, que fez abandonar a corrida, desse modo o único perigo dos brasileiros tinha ido embora, as Ligiers não fazia sombra e não assustavam Nem Piquet e nem Senna.

Enquanto isso nas outras posições com 32 voltas: Piquet, Senna, Arnoux que ainda não tinham parado para a sua parada em 3º, Laffite, Dumfries na sua estreia em 5º e Brundle em 6º. Com Alboreto, Berger, e Boutsen brigando para uma melhor colocação. Enquanto isso Elio de Angelis continuava lá atrás com problemas no seu carro da Brabham, a Corrida meio que esfriou na segunda parte da corrida devido ao fato dos rivais dos Brasileiros já estava fora da Corrida.

Alboreto conseguia ainda a 6ªPosição na corrida, apesar dos problemas na sua Ferrari. Arnoux estava a 45 segundos atrás de Senna, e Laffite a mais de 50 Segundos. Uma corrida Lá atrás Dumfries fazia boa corrida em 5ºLugar com a Lotus, Na Volta 35 Boutsen teve problemas e teve que abandonar a corrida voltas depois. Ao mesmo tempo Michele Alboreto encostava para abandonar a corrida.

Nessa altura com 60% de Corrida só 11 carros estavam vivos na corrida. Com Duas Ferrari e Mclaren fora da Corrida. Na volta 40 Dumfries fazia sua parada de Pits, Mas teve problemas na sua parada demorando 40 segundos. Logo Depois Piquet iria para o seu segundo pit para a Troca de pneus. e Senna voltava a liderança mas Piquet estava por perto, Na Volta Seguinte Senna vai para os boxes, e a parada de Senna foi normal. Agora Piquet administrava a corrida, Senna o segundo lugar, Laffite na parte final de corrida assumia a terceira posição nas voltas finais, também vira um drama nas voltas finais o consumo de combustível para Senna que tinha que economizar para terminar a corrida, e dai em Diante a vida de Piquet que estava tranquila já ficava ainda mais tranquila. Brundle com a Tyrrell-Renault em 5º e Berger em 6º, Streiff com a Outra Tyrrell, de Angelis com a Brabham, Dumfries que com a outra Lotus com a corrida comprometida e Fabi que estava cumprindo tabela continuavam na corrida.

Piquet depois de 61 Voltas vencia a Corrida do Brasil uma corrida dificílima, Senna no limite do combustível em 2ºFizeram a festa brasileira na Estreia da Temporada 1986, Laffite que fazia a sua 11ªParticipação em corridas completava o Pódio com a Ligier, com Arnoux em 4º. Brundle em 5º e Berger em 6º completavam a Zona de Pontuação. Impressionante é que 4 motores Renault terminaram nos pontos e mais uma terminou perto dos pontos.

Um motor que se mostrou confiável a corrida inteira. Como a Honda também se mostrou confiável com Piquet. e o Restante dos outros motores quebraram demais, não resistiram a Sufocante corrida que começou 25 carros. apenas 10 pilotos terminarem a corrida, sendo que Teo Fabi teve problemas no seu carro com o motor. Sendo que 9 terminaram com os carros com perfeita saúde.

Resultado final do GP do Brasil de 1986

Fotos da Corrida:

Fontes: Formel1mic, Bestlap
Texto: Deivison da Conceição da Silva