Fim da esperança, Um Brasil tomado pelo ódio e pela Falta de Empatia

Será o Fim da Minha esperança pelo Brasil?

Dia 25 de Janeiro de 2019, Esse dia marca o fim de qualquer esperança que eu tinha sobre esse país. Perdi as minhas esperanças de que o Brasil mude, Perdi qualquer esperança. Não importa suas qualidades, Se você tiver um erro as pessoas são vão lembrar dos seus erros e nunca das suas qualidades. Por isso que esse país não Foi e nunca vai para frente.

Estou a mais de 2 anos e meio abatido, Sem animo, Sem criatividade, Vendo cada vez mais coisas inacreditáveis e não entendendo mais nada o quando existe tanta gente defendendo as testes mais absurdas, Menosprezando a vida ao máximo, Matando o sonho de outras pessoa com frases e justificativas idiotas, Matando minorias usando o nome de Deus, Menosprezando pessoas que estão sendo ameaçadas de morte só por causa de preconceito, Endeusando um homem que está com sua Família envolvida em corrupção e até em um possível envolvimento da Morte da Vereadora Marielle Franco. Temos que defender o Obvio e falar que é preciso ter um mínimo de empatia com as outras pessoas. A vida não é um Jogo como muita gente acha, Me recuso a usar esse Rotulo, A Vida é uma coisa que deve ser vivida, Você deve fazer o bem, Ser feliz, Ser uma pessoa que acrescente ao mundo ideias e realizações positivas. Dessa forma é que todos deveriam fazer.

Estamos vivemos um mundo aonde é mais fácil odiar as pessoas do que amar, Um mundo aonde as pessoas falam em amor próprio, Mas se esquece de ajudar outras pessoas e de ter empatia com o mundo: “Tens de amar o teu próximo como a ti mesmo” (Não adianta, Sou cada vez mais contra essa mania que virou em falar: “Se Ame” Para mim isso é pra disfarçar o seu egoísmo) A Humanidade tem que parar de querer comparar tragédias. Vi uma mensagem um dia que se dizia: Se as crianças da Síria chorassem ou sangrassem petróleo… Será que o mundo inteiro não estaria lutando bravamente por elas? Acho que isso explica do porque tanta gente ignora a guerra que existem por lá.

Eu durante 2 anos e meio tento recuperar uma amizade que perdi, Eu estou fazendo de tudo que é possível, Mas o resultado é nenhuma praticamente. Essa pessoa tem um ódio mortal por mim. Me odeia profundamente. Ela me bloqueou do Facebook a muito tempo e apesar de tudo que eu fiz, Ela se quer reiniciou um dialogo minimamente digno. Me trata como eu se fosse uma praga, Como se eu fosse um criminoso, Um Político corrupto. Coisa que eu não sou!

O mais grave disso é você ter 2 Amigos (Epson Araujo e Yasmini Silva) que traíram a minha confiança, Achei que eles iriam me ajudar a recuperar essa amizade. Pelo Contraio, Eles não só deram desculpas como fizeram muito pouco caso do sofrimento de um amigo que nunca trai a confiança de nenhum dos dois. Acho até mais. Se bobear, Eles fizeram tudo ao contraio e deve ter falado meus defeitos para que piorasse a minha imagem com essa pessoa. (Tem pessoas que não só não ajudam, Como elas podem te atrapalhar caso queiram fazer isso.

Eu Gostaria que você Fabiana Freire por favor, Veja isso e reflita essas palavras.

Nenhum ser humano merece pagar para todo o sempre por um erro, Já paguei e muito por muitos e muitos erros. Eu não sou uma pessoa deslumbrada, Não tenho mídia, Não tenho seguidores praticamente, Não tenho nada mais do que a verdade, Somente a verdade e minha história de vida (Que esta ameaçada desde do começo do Governo Bolsonaro) Eu só peço uma coisa. Por favor, Volte a falar comigo, Volta a ser minha amiga. Já fiz tudo para quebrar o Gelo, Eu não sei mais o que eu posso fazer. Mas eu jamais jogaria fora essa oportunidade, Eu não cometo os mesmos erros por 2 vezes. Se as pessoas pode ter a humildade de dizer que erraram e pedem desculpas acho que as pessoas também tem a capacidade de Reatarem amizades, Que tem a capacidade de deixar tudo de ruim para trás e de voltarem a conversar e a se entenderem. Me desbloqueie das redes sociais e vamos conversar por favor, Estou pedindo uma coisa simples.

Se acham que pessoas não tem sentimentos então vejam esse episódio de Sakura Card Captors (Alias, Vejam todos os episódios. É um desenho maravilhoso!)

Caso eu não consiga isso, Eu decido que vou abandonar todas as redes sociais daqui a poucos dias. Descobri que eu fracassei , Sou um perdedor e não tenho mais lugar nesses tempos difíceis aonde a internet virou um campo minado. Vou continuar trabalhando no meu site e é só isso que vou fazer daqui por diante na internet. Não vou ter conta em nenhuma rede social (Facebook, Instagram e Twitter) Não vejo mais motivos para continuar nesse meio. Sou ainda mais ousado em dizer: O Futuro da Internet esta nos forums de Discussão da Internet. Lá não existe essa idiotice que grande parte do público diz, Lá esta a maior parte da Inteligência das Redes Sociais.

Não é no Facebook com seus memes baratos, Do instagram pela loucura de ter curtidas. (Quanto mais pelado a pessoa fica ou quanto mais doentio é a sua cabeça pelo Bolsonaro, Mais curtidas a pessoa tem.) Infelizmente um trabalho bem feito e que tem uma tese pelo menos razoável para não dizer de qualidade não tem audiência. A tragédia vende mais, A violência vende mais e eu não estou aqui para vender terror, Estou aqui para informar o que existe de melhor no Esporte a Motor. Agora apenas no Mundo, Pois a partir desse ano vou ignorar as categorias nacionais.

Eu Descobri nos últimos 2 anos que o esporte a motor no Brasil esta em grande Parte dominado pelos pensamentos fascistas e até ignorantes. Eu não vou mais apoiar o esporte a motor do meu país. Não merecem, Não ligam para a vida do povo e só querem apenas correrem em sua maioria, Sem se importar com aquele que se morre de fome e com o que vai acontecer com seus Fãs. (Acha que os pilotos só tem fãs ricos?, Acha que um piloto não tem mulheres, Negros, Índios, Gays que admiram e torcem por ele?) Alguns fizeram questão de te tornarem Garotos propagandas do candidato que venceu pelas Fakes news.

O que as pessoas ignorantes e alienadas querem é matar seus sonhos e impedirem que o mundo seja um lugar melhor para se viver.

Existe a chance de eu voltar as redes sociais? Só voltaria em duas ocasiões: Quando o Governo Bolsonaro terminar (Quando o pesadelo desse homem e da sua turma deixar o poder)ou caso a Fabiana Freire tenha a capacidade de que ela volte a ser a minha amiga. Caso contraio, Eu não volto mesmo. Quero um mundo de pessoas humanas e não de idiotas que pensam em trolar todo mundo, Que pisam nos sentimentos das pessoas e que só pensam nelas mesmas com a desculpa de que devermos amar a si mesmos. Só que esse discurso que se adotou ultimamente só vem levando o ser humano as desgraças, Crianças morrendo de fome, Desigualdade cada vez maior, Menosprezo a vida… Até onde vamos parar. Prefiro o Mundo em que o Ser humano Ame os outros como amam a sei próprio, Que o ser humano tenha mais empatia com outras pessoas, Que pare de se odiar e de se matarem por coisas tolas. (Até mesmo matam pessoas porque causa de jogo de futebol, Briga de Bar, Até mesmo por divida de 5 reais) Caso conseguimos isso podemos ainda acreditar em um mundo melhor, Criando uma nova geração, A Geração E (Geração da Empatia) Acredito que é muito melhor que a Geração “EU” que esta nos dias de hoje. Ajudar em qualquer situação uma pessoa para o bem de todos, Essa deveria ser a missão das pessoas nesse mundo!

Para as Redes Sociais: Se tudo der certo, Voltarei em Breve, Caso contraio eu volto em 2023 quando esse pesadelo tiver terminado e as pessoas se curarem dessa onda de ódio que tomou conta do Brasil.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Blog do Tarso / Instagram
Vídeo: Daniel Player

Alexandre Rossi repete passeio de 2018 e conquista nova vitória em Long Beach

Grid de Largada:

POSPilotosEquipeMotorTempoFase
127Alexander RossiAndretti AutosportHonda1m06.4811sQ3
29Scott DixonChip Ganassi RacingHonda1m06.7479sQ3
312Will PowerTeam PenskeChevrolet1m06.8748sQ3
42Josef NewgardenTeam PenskeChevrolet1m06.9096sQ3
522Simon PagenaudTeam PenskeChevrolet1m07.1877sQ3
615Graham RahalRahal Letterman LaniganHonda1m07.3052sQ3
728Ryan Hunter-ReayAndretti AutosportHonda1m07.1520sQ2
830Takuma SatoRahal Letterman LaniganHonda1m07.2626sQ2
931Patricio O’WardCarlinChevrolet1m07.2764sQ2
1088Colton HertaHarding RacingHonda1m07.7721sQ2
1198Marco AndrettiAndretti HertaHonda1m08.3746sQ2
1210Felix RosenqvistChip Ganassi RacingHonda1m08.4410sQ2
1319Santino FerrucciDale Coyne RacingHonda1m08.1008sG1
1418Sebastien BourdaisDale Coyne RacingHonda1m07.3135sG2
155James HinchcliffeSchmidt Peterson MotorsportsHonda1m08.1811sG1
1659Max ChiltonCarlinChevrolet1m07.4577sG2
1720Ed JonesEd Carpenter RacingChevrolet1m08.7711sG1
1860Jack HarveyMeyer Shank RacingHonda1m07.5287sG2
197Marcus EricssonSchmidt Peterson MotorsportsHonda1m08.9516sG1
204Matheus LeistAJ Foyt EnterprisesChevrolet1m07.7317sG2
2114Tony KanaanAJ Foyt EnterprisesChevrolet3m22.3800sG1
2226Zach VeachAndretti AutosportHonda1m07.7822sG2
2321Spencer PigotEd Carpenter RacingChevrolet1m07.8763sG1

Vídeo da Prova:

Nos anos 90, Al Unser jr. se tornou o rei do circuito de rua de Long Beach. 20 anos depois, Um novo piloto se torna o novo dominador desse circuito tradicional. O Norte-Americano Alexander Rossi marcou a pole position e conquistou de maneira incontestável o GP de Long Beach.

No Sábado ele marcou a pole position, O vice-campeão de 2018 teria do seu lado o Neozelandês Scott Dixon da Chip Ganassi. A segunda fila pertenceu aos 2 pilotos da Penske. Will Power larga em 3º e Josef Newgarden logo a seguir larga em 4º. Na terceira fila larga Simon Pagenaud completando o trio da Penske e do Norte-Americano Graham Rahal da equipe do seu pai. (Que vinha de vitória no Alabama) Completando os 10 primeiros colocados: Ryan-Hunter Reay, Takuma Sato, Patricio O’Ward e Colton Herta.

Na largada, Dixon tentou tomar a ponta de Rossi. O norte-americano segurou bem a ponta. Power, Newgardan e Rahal completava os 5 primeiros colocados. Mais atrás tivemos o incidente que provocou a única bandeira amarela: Zach Veach tocou na traseira do Brasileiro Matheus Leist, Isso foi uma reação em cadeia para Pigot bater em Veach e o inglês Jack Harvey passar pela grama e pelo canteiro de rosas. Esse incidente também fez que o sueco Marcus Ericsson fosse envolvido.

Safety Car na pista, Os 4 pilotos que se envolveram nesse incidente tiveram que ir aos boxes, para reparos em seus carros.

Relargada na volta 5, Dixon vai por fora para fazer uma nova tentativa de voltar a ponta, Mas Rossi não deu a chance para o piloto da Ganassi assumir a liderança. A partir dai, O Norte-Americano começou a construir seu domínio. Mais atrás, Colton Herta foi pra cima do Mexicano Particio O’Ward na volta seguinte. Os dois ficaram lado a lado por 2 curvas, até que na curva do jardim que estava machucado o piloto da Harding conquistou a 9ªposição do piloto da Carlin.

Depois disso O’Ward teve problemas de rendimento do seu carro, Começou a perder muitas posições.

Com 11 voltas, Ed Jones parou nos boxes. Tony Kannan também parou cedo, certamente para fazer 3 paradas. A maioria dos pilotos partiram para 2 paradas. Rossi estava 1 segundo e meio de vantagem para Dixon. A partir dai, O piloto da Andretti disparou na ponta. A vantagem em cima do piloto da Ganassi passou para 4 segundos na 19ªVolta. Will Power se aproximou de Dixon, Em 4ºvinha Newgarden que estava longe de Power. Completando os 6 primeiros colocados: Graham Rahal e Ryan Hunter-Reay em 5º e 6ºlugares estava longe um do outro, sem qualquer briga entre eles, Não ameaçando ninguém e sem ser ameaçado por ninguém.

Na Volta 25, com James Hinchcliffe começaram as paradas dos pilotos que fariam 2 paradas, Alexander Rossi foi para a parada na 27ªVolta junto de Scott Dixon. Will Power passou para a liderança por 2 voltas. Na 29ªVolta o Australiano parou nos boxes. Newgarden liderou essa volta e foi parar na 30ªvolta.

Com as paradas, Rossi continua na liderança, Com 5 segundos a frente de Josef Newgarden. O piloto da Penske deu um nó em Will Power e Scott Dixon e assumiu o 2ºlugar. Power superou Dixon durante as paradas e assumiu a 3ªposição. Graham Rahal completava os 5 primeiros colocados.

Na volta 34, Dixon foi para cima de Power, E O Australiano sentiu a pressão e acabou errando, passando reto no final da reta e perdendo 5 posições. Enquanto que Dixon assumiu o 3ºlugar, Seguido de Rahal e Reay Hunter-Reay.

Enquanto os outros brigavam, Rossi abria 8.4 segundos de Josef Newgarden, Era uma prova tranquila e sem adversários para Alexander Rossi. Tony Kannan fez sua segunda parada na 37ªVolta, A corrida estava totalmente comprometida para o líder do piloto da Foyt.

A prova chegou na sua metade e Rossi vinha abrindo mais e mais vantagem para os seus adversários mais próximos. Nada aconteceu na prova durante 14 voltas. Até que na 51ªVolta, Colton Herta perde o controle do carro no final da reta oposta e bate no muro, Danificando sua asa dianteira e um dos eixos do seu carro. Fim de corrida para o jovem piloro da Harding. Não acionaram a bandeira amarela para a sorte de Rossi, Que vinha a mais de 11 segundos a frente de Newgarden.

Na volta 56, Ryan Hunter-Reay foi o primeiro dos líderes a fazer a última parada. Certamente daria para levar na boa 30 voltas do final essa quantidade de combustível a partir daquele momento. O Líder Alexander Rossi parou na 57ªVolta, Igualmente fez o Neozelandês Scott Dixon que acabou tendo problemas com a Mangueira de combustível,  perdendo tempo precioso nessa parada.

Os líderes, Newgarden parou por último, na volta 58. Depois das paradas, Apesar dos retardatários, Rossi vinha na liderança com 9 segundos de frente para Newgarden. Se nada desse errado a prova estava nas mãos do norte-americano. Newgarden vinha em 2ºlugar, levando a Penske nas costas para manter a liderança do campeonato. Com boa vantagem para Graham Rahal, Ryan Hunter-Reay e Scott Dixon. Esses três fizeram uma pela disputa pelo terceiro lugar no final da prova.

Parecia que Dixon não teria muito que fazer, A ultrapassagem era bem difícil. Até que a 3 voltas do final, Hunter-Reay escorrega na entrada da reta oposta, foi essa é a chance para Dixon usar a potência do Push to Pass para ganhar o 4ºlugar no final da reta. O Neozelandês foi para cima de Graham Rahal, O piloto da Rahal estava sofrendo muito com o desgaste de pneus.

Na Volta final, Dixon atacou como pode Rahal. Lá na frente, Rossi levou pela segunda vez seguida em Long Beach. Foi um domínio imenso do piloto da Andretti, A Adaptação de Rossi com esse circuito de rua é impressionante. Foram 20 segundos a frente de Josef Newgarden, O piloto da Penske fez uma bela corrida, mas longe, muito longe mesmo de disputar a vitória.

E ai veio a grande controversa da corrida, Graham Rahal na parte final acabou fritando os pneus, Dixon tentou passar no começo da reta dos boxes e o Filho de Bobby Rahal fechou a porta e segurou o 3ºlugar. Porém, Os comissários da corrida tiraram o pódio de Rahal e deram para Dixon. O motivo foi que o piloto Norte-Americano violou o regulamento, fechando de forma ilegal o piloto da Chip Ganassi.

Na minha opinião, Punição não foi justa. Não vi um lance desleal de Rahal em Relação à Dixon, Era uma volta final e Graham jogou duro. Porém, dentro da esportividade e sem mudar a sua posição duas vezes. Pelo menos, Podemos dizer que Dixon conseguiu recuperar a posição que ele chegaria sem os problemas técnicos que teve na sua segunda parada.

Ryan-Hunter Reay ficou em 5ºlugar, Com Simon Pagenaud terminando a prova a frente de Will Power, que teve um dia frustrante em Long Beach. Completaram os 10 primeiros colocados a prova mais chata da temporada: Takuma Sato da Rahal, James Hinchcliffe da Schmidt e Felix Rosenquist da Chip Ganassi. O Sueco fez uma corrida bem apagada.

A Formula Indy vai dar uma parada de quase um mês, Para as duas corridas em Indianápolis. A primeira será no circuito misto no dia 11 de Maio. No dia 26 do mesmo mês, Teremos a corrida de número 103 das 500 milhas.

Fotos:

Resultado final do GP de Long Beach
Formula Indy – 2019

POSPilotosEquipeMotorVoltaTempo/Abandono
127Alexander RossiAndretti AutosportDallara/Honda851h41m35.5999s
22Josef NewgardenTeam PenskeDallara/Chevrolet85a 20.2359s
39Scott DixonChip Ganassi RacingDallara/Honda85a 25.5745s
415Graham RahalRahal Letterman LaniganDallara/Honda85a 26.4589s
528Ryan Hunter-ReayAndretti AutosportDallara/Honda85a 29.3447s
622Simon PagenaudTeam PenskeDallara/Chevrolet85a 31.5193s
712Will PowerTeam PenskeDallara/Chevrolet85a 33.0529s
830Takuma SatoRahal Letterman LaniganDallara/Honda85a 34.2879s
95James HinchcliffeSchmidt Peterson MotorsportsDallara/Honda85a 40.4643s
1010Felix RosenqvistChip Ganassi RacingDallara/Honda85a 41.3241s
1118Sebastien BourdaisDale Coyne RacingDallara/Honda85a 49.9110s
1231Patricio O’WardCarlinDallara/Chevrolet84a 1 Volta
1398Marco AndrettiAndretti HertaDallara/Honda84a 1 Volta
1459Max ChiltonCarlinDallara/Chevrolet84a 1 Volta
154Matheus LeistAJ Foyt EnterprisesDallara/Chevrolet84a 1 Volta
1620Ed JonesEd Carpenter RacingDallara/Chevrolet84a 1 Volta
1726Zach VeachAndretti AutosportDallara/Honda84a 1 Volta
1821Spencer PigotEd Carpenter RacingDallara/Chevrolet84a 1 Volta
1914Tony KanaanAJ Foyt EnterprisesDallara/Chevrolet83a 2 Voltas
207Marcus EricssonSchmidt Peterson MotorsportsDallara/Honda83a 2 Voltas
2119Santino FerrucciDale Coyne RacingDallara/Honda83a 2 Voltas
2260Jack HarveyMeyer Shank RacingDallara/Honda82a 3 Voltas
2398Colton HertaHarding RacingDallara/Honda50Acidente

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: IndyCar
Vídeo: Formula Indy 2019

Canet Vence em Austin, A primeira vitória da equipe de Max Biaggi

Um final de semana que começou com a Classificação na chuva e acabou em um domingo de sol. Nesse cenário deu-se fim a um jejum de quase 2 anos sem vitória de Aron Canet. O Espanhol venceu a primeira corrida da história da equipe de Max Biaggi no Mundial de Motovelocidade.

No Sábado, Com a pista molhada foi realizada a classificação da Moto 3, No Q1 vários bons pilotos na disputa por 4 vagas para a fase final da classificação.

Estavam lá, Os três últimos vencedores das três últimas corridas: Jaume Masia, Kaito Toba e Can Oncu. Estavam lá os 2 primeiros colocados do GP da Argentina : Masia e Darryn Binder e o líder do campeonato estava disputando a repescagem.

No Q1, Ficou evidente o domínio do irmão de Brad Binder. Darryn estava muito na frente dos demais pilotos. Suas voltas estavam entre 1 segundo e meio a 2 segundos a frente dos demais pilotos. Na segunda volta ele fez 2:35.503 e numa terceira volta ele virou 2:33.777, Evidenciando a superioridade do piloto da CIP, mas também a se observar que a pista estava melhor a cada passagens dos pilotos.

Mas nada tirou Binder da primeira posição, Nem mesmo uma queda no final. A disputa ficou com as outras 3 vagas para o Q2. Essas vagas ficaram com Jaume Masia, Raul Fernandez e Marcos Ramirez. Os três aproveitaram as melhores condições da pista. O 5ºlugar foi o Japonês Al Ogura que ficou a 2 segundos da classificação e a 2.6 segundos de Binder. Kaito Toba acabou caindo no final e ficou apenas em 10ºlugar, Largando na crítica 24ªposição.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeMotoTempo
140Darryn BinderCIP Green PowerKTM2’33.777
25Jaume MasiaBester Capital DubaiKTM2’34.250
325Raul FernandezSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’34.253
442Marcos RamirezLeopard RacingHonda2’34.376
579Ai OguraHonda Team AsiaHonda2’36.443
661Can OncuRed Bull KTM AjoKTM2’36.490
713Celestino ViettiSKY Racing Team VR46KTM2’36.704
876Makar YurchenkoBOE Skull Rider Mugen RaceKTM2’36.719
969Tom Booth-AmosCIP Green PowerKTM2’37.383
1027Kaito TobaHonda Team AsiaHonda2’37.742
1111Sergio GarciaEstrella Galicia 0,0Honda2’38.827
1254Riccardo RossiKömmerling Gresini Moto3Honda2’40.118
1381Aleix ViuSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’40.356
1412Filip SalacRedox PruestelGPKTM2’40.408
1577Vicente PerezReale Avintia Arizona 77KTM2’40.528

No Q2, Ainda com pista molhada os pilotos brigaram pela pole position, Niccolò Antonelli abriu bem a classificação, Marcando 2:36.783. Porém, Binder vinha em um dia inspirado e baixou para 2:33.999, colocando mais de 2,7 segundos de diferença para Romano Fenati e Niccolò Antonelli. O piloto da CIP estava a vontade na pista.

Na volta seguinte, Antonelli baixa seu tempo e se aproxima de Binder, Mas o Sul-Africano baixa ainda mais seu tempo para 2:32.940, 1.4 segundos a frente de Antonelli. Alonso Lopez com a Estrella Galícia estava em 3º, Jaume Masia e John McPhee completavam os 5 primeiros. Se nada acontecesse de diferente até o final, a pole já estava nas mãos do Sul-Africano.

Antonelli faz 2:33.004 a 3 minutos e 50 do final da sessão, Lopez faz um belo terceiro tempo a 28 milésimos do piloto da SIC58. Binder vendo seus adversário por perto baixou em mais 7 décimos o seu tempo (2:31.221) A 3 minutos e 21 do final, Mas Fernandez com 2:32.476 se aproximou de Binder.

A partir dai para o final da classificação o rumo do treino mudou. Antonelli baixou seu tempo para 2:31.346. Era difícil até mesmo de Binder chegar nessa marca, A pista estava cada vez mais e mais seca. Porém, Não dava ainda para colocar os pneus de pista seca. Lorenzo Dalla Porta caiu na última tentativa e ficou de fora da briga pela pole position.

Raul Fernandez vinha em uma grande volta, Os dois melhores setores, Mas atrapalhado no terceiro setor acabou perdendo a chance de conquistar a pole position, O piloto da Angel Nieto ficou com o segundo tempo, Meio segundo atrás de Niccolò Antonelli. O piloto da Sic58 larga na pole position em Austin.

Raul Fernandez larga em segundo lugar e o Argentino Gabriel Rodrigo, que não apareceu em nenhum momento do treino. No final marcou 3ºtempo e vai fechar a primeira fila com a moto da Gresini.

Na segunda fila largam Jaume Masia da Bester empolgado com a primeira vitória na Argentina, Darryn Binder que até o finalzinho do treino parecia que iria conquistar a pole position pelo seu grande desempenho e domínio no Q1 e em grande parte do Q2. Completa a segunda fila o Espanhol Aron Canet.

Tatsuki Suzuki, Que compõe a Equipe de Niccolò Antonelli abre a 3ªFila, que terá John McPhee da Petronas e Alonso Lopes da Estrella Galícia. O Espanhol Marcos Ramirez completa os 10 primeiros colocados.

Fotos:

Grid de largada:

posPilotoEquipeMotoTempo
123Niccolò AntonelliSIC58 Squadra CorseHonda2’31.346
225Raul FernandezSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’31.847
319Gabriel RodrigoKömmerling Gresini Moto3Honda2’32.129
45Jaume MasiaBester Capital DubaiKTM2’32.144
540Darryn BinderCIP Green PowerKTM2’32.221
644Aron CanetSterilgarda Max Racing TeamKTM2’32.548
724Tatsuki SuzukiSIC58 Squadra CorseHonda2’32.636
817John McpheePetronas Sprinta RacingHonda2’32.701
921Alonso LopezEstrella Galicia 0,0Honda2’33.032
1042Marcos RamirezLeopard RacingHonda2’33.213
1148Lorenzo Dalla PortaLeopard RacingHonda2’33.305
1255Romano FenatiVNE SnipersHonda2’33.357
1316Andrea MignoBester Capital DubaiKTM2’33.727
147Dennis FoggiaSKY Racing Team VR46KTM2’34.784
1584Jakub KornfeilRedox PruestelGPKTM2’34.863
1622Kazuki MasakiBOE Skull Rider Mugen RaceKTM2’35.456
1771Ayumu SasakiPetronas Sprinta RacingHonda2’36.299
1814Tony ArbolinoVNE SnipersHonda2’36.531
1979Ai OguraHonda Team AsiaHonda2’36.443
2061Can OncuRed Bull KTM AjoKTM2’36.490
2113Celestino ViettiSKY Racing Team VR46KTM2’36.704
2276Makar YurchenkoBOE Skull Rider Mugen RaceKTM2’36.719
2369Tom Booth-AmosCIP Green PowerKTM2’37.383
2427Kaito TobaHonda Team AsiaHonda2’37.742
2511Sergio GarciaEstrella Galicia 0,0Honda2’38.827
2654Riccardo RossiKömmerling Gresini Moto3Honda2’40.118
2781Aleix ViuSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’40.356
2812Filip SalacRedox PruestelGPKTM2’40.408
2977Vicente PerezReale Avintia Arizona 77KTM2’40.528

No domingo, um dia totalmente diferente do Sábado.  Um dia limpo e com muito sol em Austin e ideal para grandes corridas do Mundial de Motovelocidade.

Na largada, Masia tomou a liderança de Niccolò Antonelli, Mas a liderança dele não durou muitas curvas, A liderança voltou para as mãos do pole position, Com Gabriel Rodrigo em 2º, Raul Fernandez em 3º, Darryn Binder e Alonso Lopez disputavam o 4ºlugar.

Na metade da segunda volta Rodrigo toma a liderança de Antonelli, Na volta seguinte o piloto da SIC58 voltou a liderança. Os dois primeiros mais o Binder tentaram abrir vantagem pra cima dos outros pilotos, Mas é muito difícil colocar alguma vantagem para os pilotos do pelotão.

Alonso Lopez na metade da 4ªVolta assumiu a liderança com sua Estrella Galícia com Rodrigo e Binder disputavam o 2ºlugar. O Sul-Africano que brilhou no Sábado levou a melhor nessa disputa, Já o piloto da Gresini acabou caindo para o 6ºlugar.

No meio da 6ªVolta, Tatsuki Suzuki passou para a liderança. O Japonês da Sic58 começou a abrir vantagem para o pelotão, O suficiente para manter a liderança na reta dos boxes. O Espanhol Aron Canet ganhou a segunda posição e foi a caça de Suzuki. Ambos conseguiram a proeza de abrirem do pelotão e de fazerem uma prova entre eles pela vitória. Enquanto isso, Binder tentava segurar a 3ªposição, Em vão, Já que Andrea Migno ultrapassou o piloto da CIP que começaria o caminho ladeira abaixo enquanto que o piloto da Bester em 3º começou a virar mais rápido que os dois primeiros.

Enquanto Tatsuki Suzuki vivia seu momento de Glória, O seu companheiro de equipe Niccolò Antonelli estava em 11ºlugar, Outro que vinha perdendo era Darryn Binder que estava em 7ºlugar e que na volta seguinte caiu para o 9ºlugar após ser superado pelos pilotos da Snipers (Arbolino e Fenati) o Piloto da CIP vinha continuando sua linha descedente.

Na 10ªVolta, Suzuki e Canet vinham folgados nas 2 primeiras posições, Mas Andrea Migno junto de Gabriel Rodrigo e Alonso Lopez vinha tentando tirar a diferença para os líderes. Na 11ªvolta, Romano Fenati, que já não fazia uma brilhante corrida acaba caindo e levando com ele o Tcheco Jakub Kornfeil e fez que Ambos deixassem a prova.

A menos de 6 Voltas do final, Migno chegou em Canet para tomar o 2ºlugar do Espanhol, A moto da Bester estava rendendo melhor.  No final da volta, Migno ultrapassou Canet e assumiu o segundo lugar, que logo após algumas curvas seria primeiro…

… Tatsuki Suzuki acabou indo ao chão na curva 7 da 13ªVolta e acabou deixando a corrida que ele teve mais chance de vencer na sua carreira. Andrea Migno assume a liderança com Canet em segundo e o grupo volta a se juntar, 9 pilotos vinham nessa disputa na parte da frente. Sendo que estavam em 4 subgrupos, sendo que Migno e Canet eram o primeiro grupo, Lopez e Rodrigo no segundo, Antonelli e Masia no terceiro e Fernandez, Arbolino e Vietti no último subgrupo da frente.

Canet vendo a chance de vencer depois de um 2018 em branco foi para cima de Migno, Gabriel Rodrigo estava a meio segundo, também querendo a primeira vitória da carreira. A duas voltas para o final, Canet foi decisivo na reta dos Boxes, ultrapassou Migno e assumiu a liderança de maneira definitiva.

Na última volta foi uma loucura, Rodrigo em 2ºtentou lutar pela vitória, Mas acabou engolido pelos dois pilotos da Bester. Aron Canet conquistou a vitória, Foi a primeira da equipe de Max Biaggi e o fim de jejum de vitórias do piloto Espanhol que durava desde do GP da Inglaterra de 2017. Canet só não lidera o campeonato, Porque Jaume Masia em incrível recuperação na parte final terminou em 2ºlugar e ganha no critério de desempate com 45 pontos.

O pódio foi completado pelo Italiano Andrea Migno, também da equipe Bester. O Argentino Gabriel Rodrigo ficou perto do pódio, Mas ainda não foi dessa vez que o piloto da Gresini ganhou o primeiro pódio do ano ficando em 4ºlugar.

Niccolò Antonelli da SIC58 teve uma corrida de altos e baixos, No fim acabou em uma boa 5ªposição. Porém, Longe do que ele esperava. Tony Arbolino levou sua moto da Snipers ao 6ºlugar. Raul Fernandez e Alonso Lopez poderiam ter tido resultados acima do que tiveram. Principalmente o piloto da Estrella Galícia, que liderou a corrida por momentos. Os pilotos da Sky Racing Vr46 completaram os 10 primeiros colocados Celestino Vietti em 9º e Dennis Foggia em 10º. Kaito Toba, que liderou o campeonato até essa prova caiu na metade da corrida e deixou a prova.

Daqui a 3 semanas começa a temporada europeia, O GP da Espanha no famoso circuito de Jerez de la Fronteira. Até lá o campeonato tem dois pilotos com 45 pontos na liderança do Mundial e com a KTM com 2 vitórias contra 1 da Honda.

Fotos:

Resultado Final do GP dos Estados Unidos
Mundial de Motovelocidade – Moto 3

posPilotoEquipeMotoTempo
144Aron CanetSterilgarda Max Racing TeamKTM39’06.761
25Jaume MasiaBester Capital DubaiKTMa 0.909
316Andrea MignoBester Capital DubaiKTMa 1.077
419Gabriel RodrigoKömmerling Gresini Moto3Hondaa 1.104
523Niccolò AntonelliSIC58 Squadra CorseHondaa 1.187
614Tony ArbolinoVNE SnipersHondaa 1.322
725Raul FernandezSama Qatar Angel Nieto TeamKTMa 1.418
821Alonso LopezEstrella Galicia 0,0Hondaa 1.596
913Celestino ViettiSKY Racing Team VR46KTMa 1.735
107Dennis FoggiaSKY Racing Team VR46KTMa 7.876
1179Ai OguraHonda Team AsiaHondaa 8.020
1242Marcos RamirezLeopard RacingHondaa 8.644
1348Lorenzo Dalla PortaLeopard RacingHondaa 8.779
1417John McpheePetronas Sprinta RacingHondaa 8.780
1540Darryn BinderCIP Green PowerKTMa 9.369
1622Kazuki MasakiBOE Skull Rider Mugen RaceKTMa 25.290
1777Vicente PerezReale Avintia Arizona 77KTMa 33.964
1876Makar YurchenkoBOE Skull Rider Mugen RaceKTMa 34.165
1911Sergio GarciaEstrella Galicia 0,0Hondaa 34.462
2012Filip SalacRedox PruestelGPKTMa 34.590
2154Riccardo RossiKömmerling Gresini Moto3Hondaa 50.739
x71Ayumu SasakiPetronas Sprinta RacingHondaa 2 Voltas
x81Aleix ViuSama Qatar Angel Nieto TeamKTMa 4 Voltas
x24Tatsuki SuzukiSIC58 Squadra CorseHondaa 5 Voltas
x69Tom Booth-AmosCIP Green PowerKTMa 7 Voltas
x55Romano FenatiVNE SnipersHondaa 8 Voltas
x84Jakub KornfeilRedox PruestelGPKTMa 8 Voltas
x27Kaito TobaHonda Team AsiaHondaa 8 Voltas
x61Can OncuRed Bull KTM AjoKTMa 15 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Moto 2: Dynavolt domina etapa no Texas, Schrotter fez a pole, Luthi venceu e equipe faz dobradinha

Dynavolt deu uma aula em Austin, Seus dois pilotos fizeram um excelente trabalho nos Estados Unidos. No sábado, uma pole de Marcel Schrotter e no Domingo uma vitória incontestável de Thomas Luthi.

O piloto Alemão Marcel Schrotter aproveitou o melhor equipamento e levou a pole position, Em um treino aonde a equipe Dynavolt parece ter uma moto um pouco na frente das outras equipes.

Na Repescagem, Já começou com duas baixas, O Indonésio Dimas Ekky Pratama e o Inglês Jake Dixon acabaram caindo e não voltando mais para a pista. Pole position da etapa passada, O azarado Xavi Vierge de cara marcou o melhor tempo no começo, Se colocando como um dos favoritos a uma das 4 vagas para a fase final da Classificação.

Mas Vierge não estava sozinho nesse favoritismo, O Holandês Bo Bendsneyder na sua segunda volta marcou o 2ºtempo e na 3ªVolta o Holandês da NTS leva a moto para a liderança, mas que durou pouco segundos, Já que Brad Binder passou a liderança, ao superar em 114 milésimos o tempo do piloto Holandês. A se destacar o belo desempenho do Estreante Marco Bezzecchi, Que já começava a estar competitivo com sua Tech 3, Enquanto que Phillip Oettl ainda não conseguiu essa competitividade.

Jorge Martin aproveitou o vácuo de Brad Binder, Em um jogo de equipe da KTM muito bem feito, O Espanhol subiu para o 3ºlugar a mais ou menos 4 minutos do final. Xavi Vierge vendo que poderia ser gongado ainda no Q1, melhorou sua marca e subiu para o 3ºlugar, Mas na volta seguinte não conseguiu melhorar seu tempo, Isso acabou sendo fatal para a sua classificação. Vierge fez uma última tentativa que não deu certo.

Na parte final, Jorge Martin levou a primeira vaga para o Q2, O tempo de 2:11.712 foi o melhor da repescagem. O Q1 foi muito bom para a KTM. das 4 vagas para o Q2, 3 foram conquistadas por pilotos da KTM: Brad Binder ficou em 3º e Marco Bezzecchi da Tech 3 ficou em 4ºlugar. No meio deles, ficou o piloto da NTS Bo Bendsneyder em 2ºlugar.

Xavi Vierge acabou ficando de fora do Q2, Uma decepção para um piloto da Estrella Galícia, que vai ter de largar em 20ºlugar atrás de Iker Lecuona que ficou em 5ºlugar no Q1. O Único representante da Estados Unidos no Mundial Joe Roberts acabou ficando em 8ºlugar.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeMotoTempo
188Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTM2’11.712
264Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS2’12.043
341Brad BinderRed Bull KTM AjoKTM2’12.111
472Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM2’12.229
527Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTM2’12.445
697Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalex2’12.516
72Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS2’13.033
816Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM2’13.476
989Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex2’13.645
1035Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex2’14.240
1165Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM2’14.344
123Lukas TulovicKiefer RacingKTM2’14.702
136Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’14.792
1418Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’18.341
1577Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’18.687
NC20Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexSem Tempo

No Q2, Destacar a presença de Mattia Pasini que substitui o Espanhol Augusto Fernandez, em decorrência do acidente do piloto titular da Pons. O Veterano de 33 anos, chegou a fazer o segundo tempo.

A Fase Final da Classificação começou com Binder liderando com Jorge Martin e Alex Marquez nas três primeiras posições. Na metade da classificação, a Dynavolt mostrou suas cartas. Marcel Schrotter e Thomas Luthi marcaram os 2º e 3ºtempos respectivamente. (Separados por Apenas 8 milésimos)

Binder continuava intocável em primeiro lugar. Até que na parte final, Marcel Schrotter mostrou que não estava para brincadeira, Tomou a liderança de Binder a 4 minutos do final com 2:11.243. O sul-Africano não conseguiu recuperar posição.

E o golpe final foi nas duas voltas finais. Na última o piloto da Dynavolt arrasou, marcando o tempo de 2:10.875 e levou a pole position. O Alemão em busca de sua primeira vitória na Moto 2. Alex Marquez com sua Marc VDS salvou o dia da equipe e foi o que mais se aproximou de Schrotter largando em 2º.

Completando a primeira fila larga o Britânico Sam Lowes da Gresini, Tomando a posição de Thomas Luthi. O suíço vai abrir a segunda fila. Brad Binder que vinha a pole position até a parte final acabou rebaixado para o 5ºlugar com sua KTM, A fila será completada pelo Espanhol Jorge Navarro da Speed UP.

Belo treino de Mattia Pasini, que vai largar em 7ºlugar. Completando os 10 primeiros colocados: Jorge Martin da KTM, Simone Corsi da Tasca Racing e Luca Marini da VR46. (Único representante da equipe de Valentino Rossi nesse final de semana) Decepções do dia foram Lorenzo Baldassarri e Remy Gardner. O líder do campeonato larga em 15ºlugar, Já piloto Australiano da SAG acabou caindo e prejudicando seu treino, Ficou com o último lugar dos pilotos do Q2, Largando em 18ºlugar.

Grid de Largada:

posPilotoEquipeMotoTempo
123Marcel SchrotterDynavolt Intact GPKalex2’10.875
273Alex MarquezEG 0,0 Marc VDSKalex2’10.933
322Sam LowesFederal Oil Gresini Moto2Kalex2’11.123
412Thomas LuthiDynavolt Intact GPKalex2’11.243
541Brad BinderRed Bull KTM AjoKTM2’11.276
69Jorge NavarroBeta Tools Speed UpSpeed Up2’11.333
754Mattia PasiniFlexbox HP 40Kalex2’11.528
888Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTM2’12.006
924Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalex2’12.039
1010Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalex2’12.083
115Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalex2’12.230
1272Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM2’12.313
1321Fabio di GiannantonioBeta Tools Speed UpSpeed Up2’12.494
1445Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalex2’12.529
157Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalex2’12.664
1664Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS2’12.669
1733Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalex2’12.903
1887Remy GardnerONEXOX TKKR SAG TeamKalex2’13.629
1927Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTM2’12.445
2097Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalex2’12.516
212Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS2’13.033
2216Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM2’13.476
2389Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex2’13.645
2435Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex2’14.240
2565Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM2’14.344
263Lukas TulovicKiefer RacingKTM2’14.702
276Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’14.792
2818Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’18.341
2977Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’18.687
3020Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexSem Tempo

Domingo de muito sol para a etapa norte-americana da Moto 2 e comprovou o domínio da Dynavolt nesse final de semana em Austin.

Na largada. Schrotter manteve a liderança, Que logo foi pega para as mãos de Alex Marquez. No meio dessa disputa tivemos um acidente onde Fabio di Giannantonio acabou indo pra cima de Joe Roberts e de Xavi Vierge, Os três acabaram caindo e deixando a corrida. Na entrada da curva 10, O líder do campeonato, Lorenzo Baldassarri acabou chocando sua roda dianteira com a Roda traseira de Jorge Martin, Resultado é que o piloto da Pons caiu no chão e viu sua corrida acabar logo no começo.

Marquez vinha na frente, Mas logo com a pressão de Thomas Luthi já dava para ver que o rendimento da Dynavolt estava superior ao Desempenho das motos da Marc VDS. No começo da 3ªVolta, Luthi conseguiu passar por 2 vezes a liderança, Mas acabou perdendo o ponto da freada e Marquez conseguiu voltar em ambas as oportunidades a liderança. Porém, era questão de tempo a ultrapassagem definitiva. Schrotter vinha em 3º com Lowes e Marini disputando o 4ºlugar.

Luthi não resolvia a vida em cima de Marquez, Com isso o Alemão Schrotter, companheiro de equipe se aproximou dos dois pilotos. O Suíço então parou de brincar. Na 6ªVolta Luthi passou Marquez e assumiu a liderança. A Partir dai ele começou a abrir vantagem, enquanto que Schrotter começava a se aproximar de Marquez em 3º. Um pouco mais atrás, O Espanhol Jorge Navarro em um final de semana muito bom ultrapassa Sam Lowes e subiu para o 4ºlugar.

Schrotter foi para cima de Marquez, O Espanhol não iria entregar o segundo lugar sem se entregar. Na curva 12 da volta 12 o Alemão passou Alex, que conseguiu recuperar a posição, mas isso não durou muito. Schrotter na curva 21 passou o piloto da Marc VDS e assumiu de forma definitiva o 2ºlugar.

Um pouco mais atrás, Navarro, Marini e Lowes disputaram na reta oposta, Uma briga sensacional pelo 4ºlugar. Quem levou a melhor foi o piloto da Speed UP que estava com um belo desempenho. Lá na frente, Luthi já abriu quase 3 segundos. Se nada acontecer de errado a vitória é dele.

Uma pena Marco Bezzecchi ter caído, Ele vinha em 11ºlugar e estava marcando pontos pela primeira vez pela Tech 3. A 6 voltas do final, Navarro chegou em Marquez para lutar pelo pódio, trazendo com ele o Italiano Luca Marini. Quem também vinha evoluindo no final da prova é Mattia Pasini, levando a moto 54 para o 6ºlugar após ultrapassar Sam Lowes que perdia rendimento.

Na 16ªVolta, Navarro conseguiu a ultrapassagem sobre Marquez, tudo estaria resolvido se ele não fosse para a parte de fora da pista, Dai Marquez e Marini superaram o Espanhol jogando para o 5ºlugar. No final da Volta, Marini erra e Navarro recupera o 4ºlugar. A disputa ainda não tinha acabado. Na penúltima volta, Marquez da uma errada e na reta oposta, O piloto da Marc VDS, Navarro com sua Speed UP e Marini da VR46 disputaram o 3ºlugar. Quem levou a melhor foi Navarro, Ele superou os seus dois adversários e ganhou o lugar no pódio. Nessa confusão, quem se aproveitou foi Mattia Pasini. Ele passou Marini e Marquez ganhando o 4ºlugar.

Luthi levou sua Kalex para a vitória, Após um vexatório ano de 2018 na MotoGP. Nesse ano o suíço parece renascido com a moto da Dynavolt, Uma brilhante vitória e um brilhante trabalho do piloto Suíço. A Dobradinha foi completada pelo pole position Marcel Schrotter. A primeira vitória do piloto Alemão está a caminho e deve vim em breve.

O pódio foi completado pela Speed UP de Jorge Navarro, que após duas temporadas medianas agora parece ter um equipamento em melhores condições que ele teve em 2017 e 2018. Grande corrida do Espanhol. Assim como foi uma grande participação de Mattia Pasini, O Italiano de 34 anos chegou ao final na 4ªposição, seguido de Alex Marquez que acabou não tendo um rendimento suficiente para levar a Única Marc VDS que chegou ao final da prova. Luca Marini segurou o 6ºlugar dos ataques do Inglês Sam Lowes da Gresini, que chegou logo atrás.

Completaram os 10 primeiros colocados: Simone Corsi, numa boa apresentação com a moto da Tasca Racing o final de semana inteiro, Enea Bastianini e Andrea Locatelli. Os dois pilotos da Italtrans fazem um bom inicio de Campeonato.

Mais atrás se destacar o bom resultado do Dominique Aegerter. O 14ºlugar leva a MV Agusta aos 2 primeiros pontos, Em sua 3ªcorrida da volta da Icônica marca Italiana.

Daqui a 3 semanas teremos a primeira corrida na Europa. O Grande Prêmio da Espanha, No circuito de Jerez de la Fronteira. Baldassarri agora ver Luthi e outros adversários mais de perto na disputa pelo título de 2019.

Fotos:

Resultado Final do GP dos Estados Unidos
Mundial de Motovelocidade – Moto 2

posPilotoEquipeMotoTempo
112Thomas LuthiDynavolt Intact GPKalex39’11.508
223Marcel SchrotterDynavolt Intact GPKalexa 2.532
39Jorge NavarroBeta Tools Speed UpSpeed Upa 3.836
454Mattia PasiniFlexbox HP 40Kalexa 4.757
573Alex MarquezEG 0,0 Marc VDSKalexa 7.741
610Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalexa 8.031
722Sam LowesFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 8.282
824Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalexa 8.953
933Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalexa 10.706
105Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalexa 16.868
1187Remy GardnerONEXOX TKKR SAG TeamKalexa 25.633
1245Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalexa 25.948
1364Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTSa 26.997
1477Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agustaa 27.462
1588Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTMa 27.482
162Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTSa 39.435
1789Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalexa 49.582
1865Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTMa 51.247
193Lukas TulovicKiefer RacingKTMa 51.380
2035Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 53.778
216Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agustaa 1’19.156
2220Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 1’19.286
x27Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTMa 5 Voltas
x72Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTMa 6 Voltas
x18Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTMa 12 Voltas
x41Brad BinderRed Bull KTM AjoKTMa 16 Voltas
x21Fabio di GiannantonioBeta Tools Speed UpSpeed Upa 18 Voltas
x7Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalexa 18 Voltas
x97Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalexa 18 Voltas
x16Joe RobertsAmerican Racing KTMKTMa 18 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Marquez cai e da adeus a sequência de vitórias em Austin, Rins conquista primeira vitória na MotoGP

Se imaginávamos que iriamos contar a mesma história desde de 2013, Com Marquez vencendo no Circuito das Américas. Dessa vez não foi o que aconteceu. O Piloto espanhol vinha na frente, com larga folga para seus adversários, Mas acabou caindo na metade da corrida e a partir dai deu a chance para o piloto da Suzuki, Alex Rins vencesse sua primeira corrida no Mundial de MotoGP.

Na Largada, Marquez chegou a ver ameaçada sua liderança, Rossi e Crutchlow pularam bem, Mas ainda assim deu para a Formiga Atômica permanecer na liderança, Com Rossi, Crutchlow e Miller completando os 4 primeiros lugares. Já Andrea Dovizioso fez uma bela largada, Pulando do 13ºlugar para o 7ºlugar em apenas. Rins e Morbidelli completavam os 6 primeiros colocados.

Enquanto Marquez começava a abrir diferença para Rossi, A Direção de prova puniu Marevick Viñales e Joan Mir por terem queimado a largada. Os dois acabaram comprindo as punições na 6ª (Mir) e 7ª (Viñales).

Enquanto isso, Rossi vinha liderando o grupo, Com Cal Crutchlow, Jack Miller e Alex Rins. Mais atrás, Franco Morbidelli dava muito trabalho para Dovizioso na disputa pelo 6ºlugar. Em 5 Voltas, Marquez abriu 2.3 segundos de Rossi. Começava o passeio do piloto da Honda no Texas.

Na 6ªVolta, Cal Crutchlow acabou caindo e deixando a prova. Rossi ficou mais folgado em 2ºlugar, Miller vinha preocupado mais com os ataques de Alex Rins. A corrida vinha sem muitas novidades.

Até que veio a 9ªVolta, Na entrada da Reta oposta, Rins ganhou o 3ºlugar de Jack Miller. Porém, na curva seguinte, Marquez foi ao chão na curva 12, Tentou voltar, mas não conseguiu. Após 6 anos seguidos de vitória no Texas, Dessa vez Marquez volta aos boxes antes do final da prova e sem a taça de vencedor.

Rossi assumiu a liderança, Era a chance do Veterano vencer pela primeira vez, O piloto da Yamaha não vencia desde do GP da Holanda de 2017. Porém, Rins vinha em 2ºlugar e Miller em 3º com sua Ducati Pramac vinham perto do líder.

O dia não foi mesmo da Repsol e nem da Honda, Jorge Lorenzo que vinha em uma corrida apagada, Acabou deixando a prova com problemas mecânicos em sua moto.

Rossi e Rins começaram a se distanciar de Jack Miller, que sentiu o desgaste da sua moto ficando muito para trás. Dovizioso vinha longe em 4º, Conseguindo superar Franco Morbidelli.

O piloto da Suzuki foi para cima de Rossi e começou a travar um duelo com o piloto da Yamaha pela vitória. Era Rossi com suas 114 vitórias na Carreira contra o espanhol que buscava a primeira vitória na principal Categoria.

Rossi resistiu como pode, Mas não evitou a ultrapassagem de Rins a 4 voltas do final, Rossi não desistiu e tentou no final da reta oposta o troco. Conseguiu passar, Mas perdeu a Trajetória da Curva e permitiu que Rins desse o X e voltasse a liderança.

Nas voltas finais, Rossi tentou tirar recuperar a ponta e tirar a Vitória das mãos de Rins, Mas não teve sucesso. O piloto da Suzuki que fez uma bela temporada em 2018 e começou bem a temporada desse ano finalmente cruzou a linha de chegada na liderança e conquistou a sua primeira vitória na  MotoGP. A Suzuki por sua vez, quebra um jejum de quase 3 anos, A Marca não vencia desde do GP da Inglaterra de 2016 com Marevick Viñales.

Valentino Rossi acabou ficando em 2ºlugar, Subindo pela segunda vez no pódio e passando a vice-liderança do Mundial. Porém, acabou ficando frustrado por não ter conseguido ganhar a corrida. O pódio foi completado pelo Australiano Jack Miller, Que chegou 1 segundo a frente de Andrea Dovizioso, O piloto da equipe oficial da Ducati fez uma corrida apenas regular, Com uma boa prova de recuperação, mas com os resultados, vai sair dos Estados Unidos na liderança do Mundial. Com 54 pontos.

Franco Morbidelli conquistou o melhor resultado da Carreira, ficando em 5ºlugar com sua Yamaha Petronas. Pela 3ªVez na temporada Danilo Petrucci terminou a prova em 6ºlugar, Mesma posição que ocupa no campeonato.

Fabio Quartararo ficou em 7ºlugar, Um belo começo de ano da equipe Petronas e dos dois pilotos da equipe. Pol Espargaró ficou em 8ºlugar, Com uma bela classificação e uma boa corrida do piloto Espanhol da KTM. Francesco Bagnaia teve um domingo melhor, Se manteve em pé e terminou a corrida em 9ºlugar e completando os 10 primeiros colocados, O Japonês Takaaki Nakagami. O Japonês foi o único piloto da Honda que conseguiu ver a linha de chegada.

Marevick Viñales teve um outro dia para esquecer, Não sabemos como seria seu desempenho se não tivesse queimado a largada, Mas infelizmente a punição acabou comprometendo seu resultado. Ficando em 11ºlugar, Ele esta a 40 pontos do líder em 12ºlugar no Campeonato.

Andrea Iannone com a Aprilla, Johann Zarco com a KTM, Miguel Oliveira da Tech 3 e Tito Rabat da Avintia completaram a zona de pontuação. Joan Mir ficou apenas em 17ºlugar, pelo menos comemorou a vitória de Rins.

A MotoGP vai para a Europa, Daqui a 3 semanas teremos a primeira corrida no velho continente, com a etapa de Jerez de la Fronteira. Até lá, O Campeonato tem Dovizioso, Rossi, Rins e Marquez nas 4 primeiras posições separados por 9 pontos e 4 marcas diferentes disputando a ponta em 3 corridas. A Moto GP sem dúvida atinge hoje um grau de competitividade muito elevado nas competições do Esporte a Motor.

Fotos:

Resultado do Mundial de Motovelocidade – GP dos Estados Unidos

posPilotoEquipeMotoTempo
142Alex RinsTeam SUZUKI ECSTARSuzuki41’45.499
246Valentino RossiMonster Energy Yamaha MotoGPYamahaa 0.462
343Jack MillerPramac RacingDucatia 8.454
44Andrea DoviziosoMission Winnow DucatiDucatia 9.420
521Franco MorbidelliPetronas Yamaha SRTYamahaa 18.021
69Danilo PetrucciMission Winnow DucatiDucatia 21.476
720Fabio QuartararoPetronas Yamaha SRTYamahaa 26.111
844Pol EspargaróRed Bull KTM Factory RacingKTMa 29.743
963Francesco BagnaiaPramac RacingDucatia 30.608
1030Takaaki NakagamiLCR Honda IDEMITSUHondaa 31.011
1112Maverick ViñalesMonster Energy Yamaha MotoGPYamahaa 34.077
1229Andrea IannoneAprilia Racing Team GresiniApriliaa 34.779
135Johann ZarcoRed Bull KTM Factory RacingKTMa 42.458
1488Miguel OliveiraRed Bull KTM Tech 3KTMa 44.272
1553Tito RabatReale Avintia RacingDucatia 44.623
1617Karel AbrahamReale Avintia RacingDucatia 44.740
1736Joan MirTeam SUZUKI ECSTARSuzukia 48.063
1855Hafizh SyarhinRed Bull KTM Tech 3KTMa 1’07.683
NC99Jorge LorenzoRepsol Honda TeamHondaa 10 Voltas
NC93Marc MarquezRepsol Honda TeamHondaa 12 Voltas
NC35Cal CrutchlowLCR Honda CASTROLHondaa 15 Voltas
NC41Aleix EspargaróAprilia Racing Team GresiniApriliaa 15 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Hamilton pula melhor que Bottas e vence corrida 1000 da história da Formula 1

Lewis Hamilton reverteu o quadro que estava se desenhando  no dia de domingo e conquistou a 75ªVitória da sua carreira, Marcando seu nome como o vencedor de número 1000 da história da Formula 1. Ao contraio de que um piloto pode perder uma corrida na primeira volta, Hoje ele ganhou na largada.

Hamilton foi melhor que Bottas e assumiu a liderança, Leclerc largou melhor que Vettel e assumiu o 3ºlugar, Tanto Hamilton como Leclerc acabaram tracionando melhor porque é melhor nesse circuito por fora do que por dentro. Nas primeiras curvas do circuito, tivemos uma confusão. Carlos Sainz jr. acabou tocando por trás do carro de Kvyat, que por sua vez acabou se chocando em Norris. Isso faz com que o Safety Car virtual fosse acionado por meia volta, para a retirada de destroços dos carros acidentados.

A partir da segunda volta a corrida recomeça, Daniil Kvyat foi punido com 10 segundos de punição parado nos boxes. Uma punição totalmente injusta, parece que eles com todas as câmeras disponíveis da transmissão acabaram errando na punição e comprometeram a prova do piloto Russo. Se tinha um culpado nesse acidente, Seria Carlos Sainz jr. .

As primeiras voltas, Hamilton conseguiu abrir uma vantagem razoável para Bottas que tentava chega no seu companheiro de equipe, Leclerc vinha em 3º, Pressionado a ceder posição para Vettel que em tese, seria mais rápido que o Monegasco e o Alemão poderia chegar nas Mercedes. Depois de algumas voltas, O Garoto acabou tendo que ceder a posição. Porém, Vettel ao invés de conseguir se aproximar de Bottas acabou que o Finlandês estava abrindo diferença para o piloto da Ferrari.

Poucas movimentações na parte da frente, Kimi Raikkonen passou Nico Hulkenberg e ganhou o 9ºlugar.

Leclerc nas voltas seguintes, entre a volta 12 a 15, Leclerc reclamava que estava mais rápido que Vettel e pediu para voltar a trocar de posição. Essa briga entre os dois fazia o Holandês Max Verstappen se aproximar dos dois pilotos da Ferrari. A Red Bull poderia provocar um novo fiasco do time de Maranello.

Na volta 18, Verstappen foi o primeiro a parar dos primeiros colocados. Na Volta seguinte, Vettel foi chamado e entrou para fazer sua 1ªparada nos boxes. Era a chance de Verstappen de tentar passar o piloto alemão. Na 20ªVolta o piloto da Red Bull fez a tentativa, Conseguiu no final da reta oposta a ultrapassagem, mas passou do ponto e permitiu que Vettel retornasse a posição. E pra completar, Sebastian jogou duro com Max e acabou sendo importante essa fechada para o piloto da Ferrari abrir em cima de Verstappen.

Bottas foi para a parada na 22ªvolta, Hamilton para não perder a liderança parou na volta seguinte e voltou a frente, Mas com menos vantagem de frente para o companheiro de equipe na Mercedes. Leclerc parou 5 voltas depois de Vettel e acabou ficando longe de Vettel e de Verstappen.

Bottas viveu seu melhor momento da prova nas voltas seguintes a parada, Ele chegou a andar mais rápido que Hamilton e chegou a ficar a menos de 2 segundos de frente para o piloto inglês, Mas Lewis conseguiu segurar a barra e voltar a abrir do Bottas. Enquanto Vettel se distanciava de Verstappen, Leclerc vinha tirando a vantagem do piloto Holandês e certamente poderia recuperar a 4ªposição.

Mas atrás, Destaque para as corridas de Kimi Raikkonen com a Ferrari e de Alexander Albon com a Toro Rosso. O piloto da Alfa Romeo vinha sendo combativo e recuperando posições, Albon que largou do último lugar vinha disputando o 10ºlugar. A melhor volta da prova estava nas mãos de Valtteri Bottas na metade da corrida.

O piloto Holandês na 35ªVolta foi para a sua segunda troca de pneus, Vettel parou na 36ªVolta. Visto que eles iriam andar mais rápido daqui até o final da prova, Mercedes chamou os dois pilotos ao mesmo tempo para os boxes, Na volta 37 os dois pararam, com um espaço de 5 segundos a Mercedes conseguiu fazer as paradas, Sem dar prejuízo nenhum para os dois pilotos.

Hamilton voltou em primeiro, Leclerc em 2º ficou na pista a frente do Bottas, Mas os pneus do piloto da Mercedes e dos outros pilotos de ponta estavam mais novos e muito melhores do que os pneus de Leclerc. Bottas foi para cima, Em busca do segundo lugar e de uma tentativa para tomar a vitória de Hamilton. Leclerc conseguiu segurar por uma volta o ímpeto de Bottas, Que conseguiu a ultrapassagem na volta 39 e a Mercedes vinha mais uma vez a dobradinha restabelecida.

Enquanto isso, Leclerc sem rendimento foi presa fácil para Vettel. Visto que a tática de uma parada não daria certo, Leclerc foi fazer a segunda parada nos boxes a 13 voltas do final para tentar recuperar o 4ºlugar.

Bottas tentou chegar em Hamilton nas últimas voltas da prova. Porém, a corrida estava sob controle para o inglês, que levou sua Mercedes até o final da prova e conquistou a sua 75ªVitória da carreira e levou a corrida 1000 para as mãos dele. De quebra, assume a liderança do Mundial de pilotos, com 68 pontos, 6 a mais que Valtteri Bottas, que perdeu a chance de vencer a corrida por causa da largada, Mas teve competência e acabou ficando em 2ºlugar. Essa foi a terceira dobradinha em 3 corridas, Mercedes só não esta 100% por causa das voltas mais rápidas.

Sebastian Vettel acabou em 3ºlugar e subiu pela primeira vez no pódio nessa temporada. Uma boa corrida, Mas nada que se desse um destaque maior. Max Verstappen conseguiu fazer um resultado acima do esperado. O piloto da Red Bull terminou a corrida em 4ºlugar, Ficando a frente de Charles Leclerc, que foi prejudicado pelo jogo de equipe e pela tática ruim da Ferrari em relação a estratégia de paradas nos boxes.

Se por parte da Ferrari podemos criticar, A Red Bull, Deve se fazer elogios a equipe e a Pierre Gasly. O Francês fez uma prova correta, longe de Max Verstappen, mas mesmo assim, se colocou no lugar que ele deve se colocar (Entre os 6 primeiros colocados) E nas voltas finais, Gasly coloca os pneus mais macios e acaba na penúltima volta tomando o ponto da melhor volta de Vettel. Um 6ºlugar que não parece muita coisa, Mas já é uma reação em comparação as 2 primeiras corridas.

Daniel Ricciardo fez um bom final de semana e uma boa corrida, Marcou seus primeiros 6 pontos pela Renault e foi o melhor do Grupo intermediário, em 7ºlugar, seguido de Sergio Perez. O Mexicano fez um papel brilhante e tirou leite de pedra, para levar a Racing Point para o melhor resultado da temporada.

Kimi Raikkonen fez uma corrida combativa e levou a Alfa Romeo a uma digna 9ºposição, Um carro que não era dos melhores nesse final de semana. Completou a zona de pontuação, O Tailandês Alexander Albon, Largando do último lugar fez uma grande corrida. Um dos melhores pilotos da prova. no final, segurou Romain Grosjean para terminar a prova em 10ºlugar. Pela segunda vez o estreante marca pontos no campeonato e a Toro Rosso, apesar do penúltimo lugar no mundial de construtores consegue pontuar pela 3ªvez em 3 corridas.

Grosjean e Magnussen acabaram em 11º e 13ºlugares respectivamente, A Haas com uma atuação somente razoável começa a acender a luz amarela pelos desempenho abaixo do esperado. No meio deles, terminou o Canadense Lance Stroll.

Carlos Sainz jr. que deveria ser punido acabou a prova em 14ºlugar. Até agora o Espanhol não tem sido muito efetivo no campeonato, Até mais por falhas e Incidentes sem ser sua culpa, Mas ao ver Norris com 8 pontos começa a criar um pouco de pressão para quem poderia ser o líder da equipe. Antonio Giovinazzi ficou em 15º, Bem longe de Kimi Raikkonen.

As Williams fecharam de novo a raia. Com George Russell e Robert Kubica em 16º e 17ºlugar. Muito triste ver a Williams andar tão mal como esta andando.

Os pilotos que abandonaram a corrida foram: Nico Hulkenberg na 17ªVolta, Daniil Kvyat na 42ªVolta e Nas voltas finais, Nando Norris que ainda ficou qualificado em 18ºlugar, Por ter completado 90% da prova.

Daqui a duas semanas teremos a corrida 1001 da Formula 1, A primeira na Europa no circuito de Baku, No Azerbaijão. Será que a Mercedes vai continuar seu domínio ou teremos a Ferrari e Red Bull reagindo?

Fotos:

Resultado final do GP da China
Corrida 1000 da Formula 1 – Temporada 2019

posPilotosEquipeChassiMotorVoltaTempo
144Lewis Hamilton Mercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+561:32:06.350 
277Valtteri Bottas Mercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+56a 6.552s 
35Sebastian Vettel Scuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 06456a 13.744s 
433Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H56a 27.627s 
516Charles Leclerc Scuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 06456a 31.276s 
610Pierre Gasly Aston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H56a 1:29.307s 
73Daniel Ricciardo Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 1955a 1 volta 
811Sergio Perez SportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes55a 1 volta 
97Kimi Räikkönen Alfa Romeo RacingC38Ferrari 06455a 1 volta 
1023Alexander Albon Red Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H55a 1 volta 
118Romain Grosjean Rich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 06455a 1 volta 
1218Lance Stroll SportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes55a 1 volta 
1320Kevin Magnussen Rich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 06455a 1 volta 
1455Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 1955a 1 volta 
1599Antonio Giovinazzi Alfa Romeo RacingC38Ferrari 06455a 1 volta 
1663George Russell ROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+54a 2 voltas 
1788Robert Kubica ROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+54a 2 voltas 
184Lando Norris McLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 1950a 6 Voltas
NC 26Daniil Kvyat Red Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H41a 15 Voltas
NC 27Nico Hulkenberg Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 1916a 40 Voltas

Tempos das Voltas Mais Rápidas

posPilotosEquipeChassiMotorVoltaTempo
110Pierre Gasly Aston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H551:34.742 
25Sebastian Vettel Scuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 064371:34.836 
316Charles Leclerc Scuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 064451:34.860 
477Valtteri Bottas Mercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+381:34.872 
544Lewis Hamilton Mercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+471:35.892 
633Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H451:36.143 
718Lance Stroll SportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes461:36.678 
88Romain Grosjean Rich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 064371:36.873 
963George Russell ROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+511:37.283 
1020Kevin Magnussen Rich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 064351:37.471 
1155Carlos Sainz Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 19441:37.502 
127Kimi Räikkönen Alfa Romeo RacingC38Ferrari 064271:37.812 
1326Daniil Kvyat Red Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H271:37.975 
1499Antonio Giovinazzi Alfa Romeo RacingC38Ferrari 064321:38.048 
154Lando Norris Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 19371:38.346 
163Daniel Ricciardo Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 19381:38.632 
1711Sergio Perez SportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes371:38.702 
1823Alexander Albon Red Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H221:38.901 
1927Nico Hulkenberg Renault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 19141:39.677 
2088Robert Kubica ROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+281:39.772 

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Renault/Force India/Alfa Romeo/Toro Rosso