Bird vence na Malásia na Formula E e Di Grassi com atuação soberba continua líder do campeonato

Vitória belíssima de San Bird

Vitória belíssima de San Bird

Segundo final de semana da História da Formula E com o E-Prix da Malásia disputada no Circuito de rua de Putrajara que ratificou que a categoria veio para ficar no cenário do automobilismo mundial.

Houveram duas substituições nessa corrida, Antônio Felix da Costa que substitui a Takuma Sato que foi muito bem na corrida em Pequim, O outro piloto foi Matthew Brabham que substituiu o piloto Charles Pic que teve de comparecer a Abu Dhabi por compromissos com a Lotus já que ele é o terceiro piloto da equipe de Enstone.

Os treinos oficiais foram acidentados, desde do primeiro Grupo até o último Grupo de pilotos foram 5 acidentes que acabaram prejudicando os pilotos Nelson Ângelo Piquet, Ho-pin Tung, Lucas di Grassi e Jaime Alguersuari que acabou dando a batida mais forte nesse treinamento.

O pole position foi o piloto Nicolas Prost, Mas por causa da punição de 10 posições no Grid de Largada por causa da Estúpida manobra que resultou em um acidente com o Alemão Nick Heidfeld o piloto Francês filho de Alain Prost largou em 11ºlugar. O pole position passou para o Espanhol Oriol Servia com o carro da Dragon Racing com San Bird em 2ºlugar. Além da penalização do Nicolas Prost tivemos outras punições que mudaram o Grid de largada nesse E-Prix

Grid de largada do E-Prix da Malásia da Formula E

01     6         Oriol Servia         (Dragon Racing)         1.22.010
02     2         Sam Bird         (Virgin Racing)         1.22.235
03     66         Daniel Abt         (Audi Sport ABT)         1.22.342
04     10         Jarno Trulli         (Trulli)             1.22.347
05     5         Karun Chandhok         (Mahindra Racing)         1.22.612
06     99         Nelson Piquet         (China Racing)         1.22.620
07     23         Nick Heidfeld         (Venturi)         1.22.720
08     21         Bruno Senna         (Mahindra Racing)         1.22.816
09     28         Matthew Brabham         (Andretti)         1.22.941
10     8         Nicolas Prost         (e.dams-Renault)         1.21.779 **
11     55         Antonio Felix da Costa     (Amlin Aguri)         1.23.194
12     30         Stephane Sarrazin         (Venturi)         1.23.240
13     27         Franck Montagny         (Andretti)         1.23.697
14     18         Michela Cerruti         (Trulli)             1.23.857
15     88         Ho-Pin Tung         (China Racing)         1.23.894
16     77         Katherine Legge         (Amlin Aguri)         1.25.823
17     3         Jaime Alguersuari         (Virgin Racing) Sem Tempo
18     11         Lucas di Grassi         (Audi Sport ABT) Sem Tempo
19     9         Sébastien Buemi         (e.dams-Renault)         1.25.319 *
20     7         Jerome d’Ambrosio     (Dragon Racing)         1.22.215 *

* Foram eliminados do Treino
** Punido com a perda de 10 posições no Grid de Largada

digrassicomemoraotima corrida

Fantastica corrida do Brasileiro que foi ao pódio após largar em 18º

A Corrida feita no mesmo dia foi uma das melhores na temporada no automobilismo em geral nesse ano!

Na largada Servia acabou perdendo a primeira posição para San Bird que largou muito bem com o carro da Virgin, Quem largou muitíssimo mal foi o piloto Daniel Abt que praticamente perdeu todas as posições e caindo para a última posição. Como na primeira volta da corrida passada em Putrajara ocorreram acidentes um deles envolveram as duas mulheres no campeonato, A piloto Katherine Legge em uma tentativa de ultrapassagem acabou atingindo a piloto da Trulli GP, Mas não foi só isso que aconteceu, Também o Estreante Matthew Brabham acabou ficando no meio de uma das curvas mais lentas do Circuito de rua. Com tudo isso O Safety Car entrou na pista para que se limpasse os detritos que estavam na pista Lucas di Grassi, Sebastian Buemi e os pilotos de Trás se deram bem e ganharam várias posições devido aos acidentes.

Na Relargada Sam Bird dispara na liderança com o piloto italiano Jarno Trulli assumindo a segunda posição em cima de Servia e a partir dai ficou uma bela briga com Servia, Karun Chandhok, Nelsinho Piquet, Nick Heidfeld, Franck Montagny e Bruno Senna um pouco mais atrás, Aliás Franck Montagny acabou aprontando todas nessa corrida, Na 8ªVolta Ele tentou passa Nick Heidfeld numa curva apertada, Foi um típico lance de Corrida mas que acabou o Alemão da Venturi se dando mal e batendo no muro provocando assim mais um Safety Car na pista.

O piloto Daniel Abt que encontrava dificuldades com seu carro foi para os boxes para trocar de carro, isso no final da 11ªVolta da corrida, Uma jogada arriscada que poderia dar certo caso tivesse mais bandeiras amarelas.

Na nova bandeira verde o piloto e Bird continuou na liderança da corrida e Trulli começou a segurar o resto da Turma que tinha além dele Chandhok, Servia, Piquet, Senna e Montagny que acabou tocando em Bruno Senna e danificando sua Asa Dianteira na mesma volta e acabou indo para os boxes para colocar uma asa dianteira nova em seu carro, Enquanto isso Di Grassi já estava no bloco intermediário com Sarrazin, Felix da Costa, Buemi e Nicolas Prost.

Na Volta 19, 20 e 21 os pilotos foram para os boxes fazerem a troca dos carros, Quém se deu bem foi Di Grassi que acabou indo para o bloco da Frente na Corrida com um ótimo trabalho da equipe Audi Abt na troca de carros. Com todas as paradas de Boxes Daniel Abt que já tinha parado nos boxes era o líder da corrida com Bird em segundo, Trulli em terceiro e  Lucas Di Grassi passando para a 4ªPosição, Piquet e Buemi estavam completando os 6 primeiros colocados.

Piquet passou Di Grassi e foi para cima de Trulli que seria penalizado com um Drive Through assim como o piloto Franck Montagny que apontou todas, Ambos foram punidos por excesso de velocidade nos boxes.

Só que Trulli no começo da 23ªVolta antes da primeira curva acabou fechando demais para cima do piloto Brasileiro, Resultado foi que Trulli jogou Piquet para o muro, O Brasileiro deixou a corrida com isso. Com a Parada do Trulli, Lucas Di Grassi estava em Terceiro lugar.

Bird se aproveitando do ritmo lento de Abt que queria manter o carro até o final da corrida pois ele estava com pouca bateria. A ultrapassagem foi questão de tempo e aconteceu faltando na 27ªVolta quando o piloto da Virgin Racing conquistou a liderança e partiu para a vitória, Abt só caiu no final da corrida. Com um ritmo bem lento ele foi ultrapassado por Di Grassi, Buemi, Prost, Senna e por outros pilotos por causa da baixíssima carga de Bateria que ele tinha.

Bruno Senna na penúltima volta passou Nicolas Prost e vinha para um merecido 4ºlugar, Só que nas curvas finais o Sobrinho de Ayrton Senna acabou sendo o último vitimado da pista de Putrajara, buscando o pódio ele acabou batendo e perdendo uma importante posição na corrida após corrida tão boa que ele vinha fazendo.

Sam Bird mostrou todo o seu talento para vencer a corrida seguido de Lucas di Grassi com uma atuação que no mínimo foi tão boa como a do Bird e isso deixa Di Grassi na liderança do campeonato com 43 pontos contra 40 do piloto Inglês da Virgin Racing, Sébastian Buemi que é o terceiro piloto da Red Bull e piloto da e.dams acabou completando o pódio, Com Nicolas Prost da e.dams em 4º, Jerome D’Ambrosio que largou lá de trás também ficou em 5º com o carro da Dragon, Chandhok, Servia que não teve um bom ritmo de corrida, Antonio Felix da Costa que estreou bem na Formula E, Jaime Alguersuari que levou os dois pontos da melhor volta da corrida de Daniel Abt se arrastando na pista completaram os 10 primeiros colocados.

Pódio em Putrajara

Pódio em Putrajara

Próxima aventura dos pilotos da Formula E será nas Ruas de Punta del Leste no Uruguai no dia 13 de Dezembro.

Resultado final do E-Prix da Malásia

01 2 Sam Bird (Virgin Racing) 31 Voltas
02 11 Lucas di Grassi (Audi Sport ABT) a 4.175
03 9 Sébastien Buemi (e.dams-Renault) a 5.739
04 8 Nicolas Prost (e.dams-Renault) a 9.552
05 7 Jerome d’Ambrosio (Dragon Racing) a 13.722
06 5 Karun Chandhok (Mahindra Racing) a 17.158
07 6 Oriol Servia (Dragon Racing) a 18.621
08 55 Antonio Felix da Costa (Amlin Aguri) a 19.926
09 3 Jaime Alguersuari (Virgin Racing) a 20.053
10 66 Daniel Abt (Audi Sport ABT) a 45.663
11 88 Ho-Pin Tung (China Racing) a 55.833
12 30 Stephane Sarrazin (Venturi) a 56.626
13 28 Matthew Brabham (Andretti) a 1:05.036
14 21 Bruno Senna (Mahindra Racing) a 1 Volta
15 27 Franck Montagny (Andretti) a 1 Volta
16 77 Katherine Legge (Amlin Aguri) a 3 Voltas
17 10 Jarno Trulli (Trulli) a 3 Voltas
18 99 Nelson Piquet (China Racing) a 9 Voltas
DES 23 Nick Heidfeld (Venturi) a 17 Voltas
19 18 Michela Cerruti (Trulli) a 24 Voltas
Melhor Volta: Jaime Alguersuari – 1:24.429

Nick Heidfeld foi desclassificado da corrida

Vídeo do Treino Livre:

Vídeo do Treino Oficial:

Vídeo da corrida:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Formula E
Vídeos: BurningWhee1s v2

Melhor volta de Cada piloto no GP de Abu Dhabi

1 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing-Renault 50ªVolta – 1:44.496
2 19 Felipe Massa Williams-Mercedes 47ªVolta – 1:44.826
3 1 Sebastian Vettel Red Bull Racing-Renault 51ªVolta – 1:45.552
4 44 Lewis Hamilton Mercedes 49ªVolta – 1:45.599
5 25 Jean-Eric Vergne STR-Renault 50ªVolta – 1:45.686
6 77 Valtteri Bottas Williams-Mercedes 54ªVolta – 1:45.727
7 27 Nico Hulkenberg Force India-Mercedes 47ªVolta – 1:45.777
8 11 Sergio Perez Force India-Mercedes 49ªVolta – 1:45.808
9 22 Jenson Button McLaren-Mercedes 47ªVolta – 1:46.739
10 20 Kevin Magnussen McLaren-Mercedes 37ªVolta – 1:46.824
11 6 Nico Rosberg Mercedes 17ªVolta – 1:46.869
12 14 Fernando Alonso Ferrari 45ªVolta – 1:47.424
13 10 Kamui Kobayashi Caterham-Renault 38ªVolta – 1:47.431
14 99 Adrian Sutil Sauber-Ferrari 44ªVolta – 1:47.508
15 21 Esteban Gutierrez Sauber-Ferrari 43ªVolta – 1:47.698
16 7 Kimi Räikkönen Ferrari 46ªVolta – 1:47.736
17 8 Romain Grosjean Lotus-Renault 35ªVolta – 1:47.897
18 46 Will Stevens Caterham-Renault 47ªVolta – 1:48.398
19 26 Daniil Kvyat STR-Renault 10ªVolta – 1:48.748
20 13 Pastor Maldonado Lotus-Renault 9ªVolta – 1:48.933

Hamilton conquista o título com vitória em Abu Dhabi, Rosberg afunda com problemas fica em 14º

Hamilton consagra o seu bicampeonato com a vitória em Abu Dhabi e derruba por terra tudo que se falava dele em momentos de decisão.

O domingo não poderia ter sido melhor para Lewis Hamilton, Após fracassar na tentativa da pole position o piloto da Mercedes superou o trauma das decisões do título na última corrida e com uma corrida Correta e sem riscos conquistou o título além da Vitória de hoje que acabou sendo a 11ª da Temporada.

Tudo começou a dar certo para Hamilton na largada aonde Rosberg largou mal e perdeu posição para o seu companheiro de equipe, Mas Rosberg pode se dizer que teve uma largada normal perto da patética largada do Finlandês Valtteri Bottas que caiu de 3º para a 8ºposição, A Partir dai Rosberg precisava buscar Hamilton e levando com ele Felipe Massa que ganhou posição na largada saindo de 4ª para o 3ªlugar, Lá Atrás já vinham os pilotos da Red Bull indo para cima dos carros mais lentos na pista.

Logo na 6ªVolta Alonso acabou sendo o primeiro a parar nos boxes, Mostrando que os pneus macios tinham tempo útil de vida muito curto na pista, Logo depois Button, Kvyat e outros pilotos que largaram de pneus macios foram para os boxes, Quem largou de pneu duros estava se beneficiando principalmente os pilotos da Force India que pretendiam uma tática diferente em busca de um melhor resultado na corrida, Além disso Kevin Magnussen e os dois pilotos da Red Bull que largaram lá de trás também estavam nessa tática para conseguirem melhores posições.

Deu tudo errado para Rosberg no dia de hoje

Dos líderes quem parou primeiro foi Hamilton na 11ªVolta com Rosberg largando na volta seguinte permitindo que Felipe Massa assumisse a liderança até a sua parada na volta 14, Depois disso a Classificação da corrida era essa: Hamilton, Rosberg, Massa e Ricciardo que não tinha feito a parada nos boxes. A prova acabou mais cedo para Kvyat que rodou com a sua Toro Rosso e acabou deixando a corrida.

A Batalha entre Hamilton e Rosberg continuava na primeira posição, Mas ela começaria a ter um ponto final a partir da 24ª quando Rosberg acabou passando do ponto em uma das curvas do terceiro setor da Corrida e a partir dai seus problemas começaram, O ERS do carro número 6 não funcionava mais como deveria e como isso ele foi começando a perder rendimento para Hamilton e acabaria sendo um alvo fácil para o Brasileiro Felipe Massa que passou como quis a Rosberg e assumiu a segunda posição.

A Partir dai Rosberg começou o seu calvário para o Restante da prova, vendo isso para não tomar nenhum risco mesmo de perder o campeonato o Inglês Lewis Hamilton diminuiu seu ritmo de prova e Felipe Massa partiu para cima de Hamilton que acabou indo para a sua segunda parada na 32ªVolta, Com isso o piloto Brasileiro assumia a liderança da corrida, Enquanto isso os dois pilotos da Force India estavam se destacando na corrida com um bom desempenho de seus dois pilotos, Inclusive um X que o Perez deu em cima de Sebastian Vettel que acabou nessa corrida resumindo como foi o seu ano que foi muito difícil enquanto isso Daniel Ricciardo consegue fazer seu pneu durar 28 Voltas até fazer sua primeira e única parada nos boxes voltando muito bem colocado.

Button mostrou que merece ficar na Formula 1 em 2015

Alonso fazia um melancólico final de trajetória na Ferrari muito atrás Nesse meio tempo o Motor de Pastor Maldonado estourou na 26ªVolta.

Rosberg perdia mais e mais posições e na medida de que a corrida chegava ao seu final o Inglês Lewis Hamilton vendo que não iria perder mais o título ele decidiu andar mais rápido e começar a tirar a diferença para Felipe Massa que tinha em volta de 14 segundos, Mas o Brasileiro precisaria de uma parada nos boxes e dai na 44ªVolta o piloto brasileiro foi para os Boxes colocar os pneus macios para tentar tirar os 11 segundos que o piloto da Mercedes tinha naquele momento da prova.

Enquanto isso Bottas e Ricciardo lutavam pelo terceiro lugar, O piloto da Williams levou a melhor, Mas deve-se fazer menção para a grande corrida do Ricciardo que saiu dos boxes para chegar perto de um pódio fazendo uma parada apenas, Massa foi para cima na parte final de corrida e conseguiu tirar 8 dos 11 segundos que ele teria que tirar para vencer o piloto da Mercedes, Só que os pneus do piloto Brasileiro acabaram e dessa forma Hamilton conseguiu levar o seu carro até o final da corrida na frente e conquistando a 11ªVitória e fechando com Chave de Ouro a temporada, Um título incontestável.

Felipe Massa fez a melhor corrida do ano com muita competência e tendo a possibilidade até de vencer a corrida o piloto da Williams chegou ao melhor resultado da temporada com a segunda posição, O Pódio foi completado pelo Finlandês Valtteri Bottas com o outro carro da Williams em 3ºlugar fechando o ano da equipe Inglês com Chave de ouro apesar de não ter conseguido uma vitória na temporada (Foram 16 da Mercedes e 3 da Red Bull).

Daniel Ricciardo fecha o ano com grande vitória completando a corrida em 4ºlugar com a Red Bull, Em 5ºlugar chegou Jenson Button numa corrida sólida com a Mclaren, Pode ser sido sua última corrida na Formula 1 (Na minha opinião eu não gostaria que isso aconteça, Prefiro ele do que Alonso) logo depois vieram os dois pilotos da Force India que mandaram muito bem no dia de hoje com Hulkenberg fechando o ano com uma respeitável 6ªposição e Perez com a 7ªPosição.

Red Bull fez homenagem a Vettel no final de semana em Abu Dhabi

Sebastian Vettel encerrou seu circulo na Red Bull após 7 anos de trajetória com as equipes de Dick Mateschitz (Toro Rosso em 2007 e 2008 e Red Bull de 2009 até o dia de hoje) com a 8ªposição recebendo a homenagem da equipe Red Bull com suas 45 poles, 39 vitórias e 4 títulos mundiais, Uma marca história da Equipe e da Formula 1, Os pilotos da Ferrari fecharam a zona de pontuação após uma prova melancólica os dois pilotos da Ferrari que terminou muito mal a temporada. Alonso se despede da Ferrari e até mesmo da Formula 1 com o 9ºlugar e Kimi Raikkonen fechou seu péssimo ano em 10ºlugar.

Kevin Magnussen decepcionou ficando em 11ºlugar com a Mclaren com Vergne com a Toro Rosso chegando perto do piloto da Mclaren em 12ºlugar, O Francês que ainda tenta se manter na equipe filial da Red Bull em 2015.

Romain Grosjean em 13ºlugar pouco acrescentou a corrida, Para a Sauber acabou uma vexatória temporada com seus pilotos e a equipe que foram incapazes de marcar ponto nessa temporada, Terem ficado atrás até da Marussia que não disputou as 3 últimas corridas, E convenhamos a Sauber tinha a dupla mais fraca da temporada desse ano com pilotos abaixo da média, O Burocrático Sutil em 15º e o fraquíssimo Esteban Gutierrez em 16º, Fechando a classificação ficou o Estreante Will Stevens que fez uma corrida dentro do que era possível com a Caterham que ainda é incerteza para 2015 esta no grid da Formula 1, Kamui Kobayashi acabou deixando a corrida na 42ªVolta com problemas em seu carro.

E Nico Rosberg, Acabou sua Via Cruzes apenas na 14ªposição, No final da corrida a equipe pediu desculpas para o Piloto Alemão que acaba tendo seu melhor resultado da sua carreira com o Vice-campeonato de 2014 que até na metade da temporada parecia bem encaminhado para o piloto Alemão de igualar o feito do Pai Keke que foi campeão em 1982.

Rosberg depois do final da corrida acabou indo para a sala de espera do pódio onde Hamilton, Massa e Bottas estavam esperando o ir ao pódio e abraçou Hamilton, O Alemão provou ser um grande adversário e um perdedor com honra e com dignidade algo que falta a muitos pilotos que reclamam do vice-campeonato como de um certo espanhol que depois de perder o título bateu boca com um piloto que fez apenas o seu trabalho na pista, Isso em 2010.

O Portalsportszone parabeniza o piloto Inglês Lewis Hamilton pelo campeonato mundial de 2014 do 65ºmundial de pilotos de Formula 1, E que em 2015 tenhamos uma Formula 1 melhor para todos!

Resultado final do GP de Abu Dhabi

1 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:39:02.619 em 55 Voltas
2 19 Felipe Massa (Williams-Mercedes) a 2.576
3 77 Valtteri Bottas (Williams-Mercedes) a 28.880
4 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing-Renault) a 37.237
5 22 Jenson Button (McLaren-Mercedes) a 1:00.334
6 27 Nico Hulkenberg (Force India-Mercedes) a 1:02.148
7 11 Sergio Perez (Force India-Mercedes) a 1:11.060
8 1 Sebastian Vettel (Red Bull Racing-Renault) a 1:12.045
9 14 Fernando Alonso (Ferrari) a 1:25.813
10 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) a 1:27.820
11 20 Kevin Magnussen (McLaren-Mercedes) a 1:30.376
12 25 Jean-Eric Vergne (STR-Renault) a 1:31.947
13 8 Romain Grosjean (Lotus-Renault) a 1 Volta
14 6 Nico Rosberg (Mercedes) a 1 Volta
15 21 Esteban Gutierrez (Sauber-Ferrari) a 1 Volta
16 99 Adrian Sutil (Sauber-Ferrari) a 1 Volta
17 46 Will Stevens (Caterham-Renault) a 1 Volta

Não Completaram a corrida:

10 Kamui Kobayashi (Caterham-Renault) a 13 Voltas
13 Pastor Maldonado (Lotus-Renault) a 29 Voltas
26 Daniil Kvyat (STR-Renault) a 41 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Foto: Mercedes/Williams/Mclaren/Red Bull

Tempos do Q1 e Q2 do Treino oficial do GP de Abu Dhabi

Classificação do Q1 do Treino Oficial:

1     44     Lewis Hamilton     (Mercedes)         1:41.207
2     6     Nico Rosberg     (Mercedes)         1:41.308
3     19     Felipe Massa     (Williams-Mercedes)     1:41.475
4     20     Kevin Magnussen     (McLaren-Mercedes)     1:42.104
5     22     Jenson Button     (McLaren-Mercedes)     1:42.137
6     3     Daniel Ricciardo     (Red Bull Racing-Renault)     1:42.204
7     26     Daniil Kvyat     (STR-Renault)         1:42.302
8     77     Valtteri Bottas     (Williams-Mercedes)     1:42.346
9     25     Jean-Eric Vergne     (STR-Renault)         1:42.413
10     7     Kimi Räikkönen     (Ferrari)             1:42.439
11     27     Nico Hulkenberg     (Force India-Mercedes)     1:42.444
12     14     Fernando Alonso     (Ferrari)             1:42.467
13     1     Sebastian Vettel     (Red Bull Racing-Renault)     1:42.495
14     11     Sergio Perez     (Force India-Mercedes)     1:42.654
15     99     Adrian Sutil     (Sauber-Ferrari)         1:42.746
16     8     Romain Grosjean     (Lotus-Renault)         1:42.768
17     21     Esteban Gutierrez     (Sauber-Ferrari)         1:42.819
18     13     Pastor Maldonado     (Lotus-Renault)         1:42.860
19     10     Kamui Kobayashi     (Caterham-Renault)     1:44.540
20     46     Will Stevens     (Caterham-Renault)     1:45.095

Classificação do Q2 do Treino Oficial:

1     44     Lewis Hamilton     (Mercedes)         1:40.920
2     19     Felipe Massa     (Williams-Mercedes)     1:41.144
3     77     Valtteri Bottas     (Williams-Mercedes)     1:41.376
4      6    Nico Rosberg     (Mercedes)         1:41.459
5     3     Daniel Ricciardo     (Red Bull Racing-Renault)     1:41.692
6     14     Fernando Alonso     (Ferrari)             1:41.940
7     22     Jenson Button     (McLaren-Mercedes)     1:41.875
8   26     Daniil Kvyat     (STR-Renault)         1:42.082
9     1      Sebastian Vettel     (Red Bull Racing-Renault)     1:42.147
10     7     Kimi Räikkönen     (Ferrari)             1:42.168
11     20     Kevin Magnussen     (McLaren-Mercedes)     1:42.198
12     25     Jean-Eric Vergne     (STR-Renault)         1:42.207
13     11     Sergio Perez     (Force India-Mercedes)     1:42.239
14     27     Nico Hulkenberg     (Force India-Mercedes)     1:42.384
15     99     Adrian Sutil     (Sauber-Ferrari)         1:43.074

Rosberg conquista pole na noite em Abu Dhabi com Hamilton em 2º

Nada de surpresa no Treino oficial, OS dois carros da Mercedes dominaram o treino Nico Rosberg conquistando a 11ªPole na temporada e fechando o ano com o maior número de poles, Contra 7 de Hamilton e 1 do Brasileiro Felipe Massa.

No Q1 ficou constatado que os pilotos da Mercedes e Williams seriam os candidatos a pole position, Voltando a ter 20 carros no grid a Formula 1 a primeira parte do treino teve 5 pilotos eliminados que acabaram sendo os dois pilotos da Caterham que acabaram correndo através do dinheiro que receberam de uma vaquinha virtual acabaram nas duas últimas posições com o Japonês Kamui Kobayashi na frente do Estreante Will Stevens que pagou 500 mil Dólares para disputar essa corrida, Os dois pilotos da Lotus e a Sauber do Fraquíssimo Esteban Gutierrez ficaram de fora do Q2, Com um agravante para Grosjean que trocou o motor e iria perder 20 posições no Grid de largada, Por ter feito apenas o 16ºtempo Grosjean sai da última posição, vai ter de pagar um drive Through e ainda terá acrescentados 20 segundos no tempo final de corrida, prejuízo total para o piloto Francês nesse Grande Prêmio.

No Q2 no final da tarde e começo da noite continuou a briga entre Mercedes e Williams continuava forte, dos Favoritos para passarem para o Q3 apenas Kevin Magnussen com a sua Mclaren falhou permitindo que o Russo Danill Kvyat que voou baixo nesse treino fizesse um tempo melhor que Raikkonen e que Vettel que ficaram na corda Bamba. Além de Magnussen foram eliminados Vergne com a Toro Rosso, Perez e Hulkenberg com a Force India e a Sauber que sobrou com o Adrian Sutil que estará desempregado em 2015.

No Q3 aí sim foi a luta pela pole position e Rosberg superou Hamilton nas duas voltas rápidas sendo a melhor delas em 1:40.480 contra 1:40.866 de Lewis Hamilton, ou seja uma lavada de 386 milésimos a Favor do piloto Alemão sobre o piloto Inglês. Os dois largam na primeira fila que terá em seguida talvez a única equipe capaz de Tirar a dobradinha que são os dois pilotos da Williams, Felipe Massa foi mais rápido que Bottas a maior parte do treino, Mas acabou não melhorando a volta final do Treino e dai Bottas melhorou para 1:41.025 contra o 1:41.119 de Felipe Massa e acabou vencendo esse confronto no dia de hoje e o Finlandês larga em 3º.

A Terceira Fila seria de Daniel Ricciardo e de Sebastian Vettel, Mas irregularidade nas asas dianteiras pela flexibilidade delas na classificação acabaram por eliminar ambos da Classificação. Com isso Riccardo e Vettel largam dos boxes amanhã Deixando a 5ªPosição para o Russo Danill Kvyat que acabou sendo a grande surpresa desse treino com um promissor carro da Toro Rosso, Jenson Button que pode estar se despedindo da Formula 1 larga em 6ºlugar, A Dupla da Ferrari larga na quarta fila com Raikkonen na frente de Fernando Alonso algo que foi bem raro nessa temporada de 2014, Completa o Top 10 os pilotos Kevin Magnussen com a Mclaren e Jean-Éric Vergne com a Toro Rosso.

A Dupla da Force India larga na 6ªFila com Perez na frente de Hulkenberg, a Sauber tenta amanhã a sua última cartada para tentar marcar ponto nessa temporada com seus pilotos largando na 7ªFila com Sutil na frente de Gutierrez, Depois vem a Lotus de Pastor Maldonado, As Caterham de Kamui Kobayashi e de Will Stevens que tem que se gabar de largar na frente de Romain Grosjean, Daniel Ricciardo e Sebastian Vettel.

Amanhã a partir das 10 da manhã começa a nossa Transmissão especial da decisão do título com 6 opções de Stream para vocês:

Links para Stream:

Brasil: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU1.html
UK: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU2.html
Espanha: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU3.html
Alemanha: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU4.html
Áustria: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU5.html
Alternativa: http://www.portalsportszone.com.br/live/aovivo_EAU6.html

Kvyat leva a Toro Rosso ao 5ºlugar no grid de largada

Confira o Grid de largada do GP de Abu Dhabi de Formula 1:

1     6     Nico Rosberg     (Mercedes)         1:40.480     – 13 Voltas
2     44     Lewis Hamilton     (Mercedes)         1:40.866         – 12 Voltas
3     77     Valtteri Bottas     (Williams-Mercedes)     1:41.025         – 18 Voltas
4     19     Felipe Massa     (Williams-Mercedes)     1:41.119         – 20 Voltas
5     26     Daniil Kvyat     (STR-Renault)         1:41.908         – 18 Voltas
6     22     Jenson Button     (McLaren-Mercedes)     1:41.964         – 18 Voltas
7     7     Kimi Räikkönen     (Ferrari)             1:42.236         – 15 Voltas
8     14     Fernando Alonso     (Ferrari)             1:42.866         – 19 Voltas
9     20     Kevin Magnussen     (McLaren-Mercedes)     1:42.198        – 13 Voltas
10     25     Jean-Eric Vergne     (STR-Renault)         1:42.207        – 12 Voltas
11     11     Sergio Perez     (Force India-Mercedes)     1:42.239        – 15 Voltas
12     27     Nico Hulkenberg     (Force India-Mercedes)     1:42.384        – 12 Voltas
13     99     Adrian Sutil     (Sauber-Ferrari)         1:43.074        – 14 Voltas
14    21     Esteban Gutierrez     (Sauber-Ferrari)         1:42.819        – 8 Voltas
15     13     Pastor Maldonado     (Lotus-Renault)         1:42.860        – 8 Voltas
16     10     Kamui Kobayashi     (Caterham-Renault)     1:44.540        – 7 Voltas
17     46     Will Stevens     (Caterham-Renault)     1:45.095        – 8 Voltas
18     8     Romain Grosjean     (Lotus-Renault)         1:42.768        – 8 Voltas
19     3 Daniel Ricciardo     (Red Bull Racing-Renault)     1:41.267         – 12 Voltas
20     1  Sebastian Vettel     (Red Bull Racing-Renault)     1:41.893         – 17 Voltas
Tempo dos 107% no Q1 – 1:48.291

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Foto: Toro Rosso